Home / Animais / Morcego-Negro ou Morcego Preto: Características, Fotos E Nome Cientifico

Morcego-Negro ou Morcego Preto: Características, Fotos E Nome Cientifico

Os morcegos são seres que povoam bastante o nosso imaginário, mas, a bem da verdade, são animais muito inofensivos para os seres humanos, além de serem importantes para o equilíbrio ecológico do ambiente onde vivem. Como é o caso do chamado morcego-negro, que será o assunto deste texto.

Aqui, você vai conhece mais a respeito de interessante espécime de morcego, e constatar, inclusive, que ele pode ser um animal bem simpático, até.

Principais Características do Morcego-Negro (Morcego Preto) e Nome Cientifico

De nome científico Barbastella barbastellus, e fazendo parte da família Vespertilionidae (que engloba cerca de 300 espécies de morcegos), o morcego-negro é basicamente encontra em 4 lugares ao redor do mundo: na Europa, no Cáucaso, em Anatólia (ou Ásia Menor) e no Marrocos. Na Europa, por sinal, um país onde essa espécie pode ser muito encontrada é em Portugal, especialmente nas partes de grande altitude do lugar.

Essa espécie empoleira-se em fendas nas rochas ou atrás de cascas soltas de árvores. O ambiente preferido dele são as florestas decíduas maduras, além de poder ser encontrado também em edifícios humanos. O morcego-negro está presente na natureza em zonas montanhosas, especialmente em florestas fechadas, mas também pode, ocasionalmente, ir parar em orlas de florestas e jardins. Pode ser encontrado a agrandes altitudes, algumas vezes, ultrapassando os 1.000 metros.

Durante o período do inverno, essa espécie geralmente procura locais de poleiro subterrâneo. Porém, às vezes, no início dessa estação, também podem ser encontrados em “dormitórios” nas árvores. Fora isso, outros locais de descanso durante o inverno podem ser aproveitados, como cavernas naturais e inúmeras construções humanas. São animais relativamente resistentes ao frio, sendo normalmente encontrados em estado de hibernação em seus locais preferidos de descanso.

De médio porte, e com focinho achatado, esses morcegos possuem pelo denso e longo. Já as orelhas têm formato de trapézio, com as bordas internas unidas no topo de sua cabeça. Mesmo sendo chamados popularmente de morcegos negros, sua coloração pode ir do preto ao preto-acastanhado. Pesa entre 7 e 10 g, e o antebraço fica entre 36,5 e 43,5 mm. Trata-se, portanto, de uma das menores espécies de morcego existentes na natureza.

Mecanismos de Caça do Morcego-Negro

Assim como tantas espécies de morcegos por aí, este aqui também é um exímio caçador. Emitindo sons com frequências diferentes em seu sonar, ele consegue detectar facilmente muitas de suas presas, que são basicamente mariposas, moscas e besouros. Uma arma muito poderosa, inclusive, que consegue detectar com facilidade se um inseto está muito perto ou muito longe.

Porém, não é apenas através do sonar que esses morcegos conseguem caça suas presas de maneira tão eficiente, mas também através de sua incrível visão (pois é, ao contrário do que diz a crença popular, os morcegos não são cegos). Inclusive, sua visão é tão boa que, mesmo à noite, ele pode se guiar pela padronização de luz difusas como se fosse uma espécie de bússola.

Além disso, o morcego-negro possui a seu favor suas asas que permitem voos rasantes e potentes, dando poucas chances de escapatória para sua presas. Unindo isso a uma visão muito bem desenvolvida e um sistema de sonar em sua audição que permite com que ele escute o mínimo ruído possível, esse morcego, sem dívida, é um caçador nato.

Reprodução

Com cerca de 1 ano de idade, esses animais atingem a maturidade sexual, com a sua reprodução, comumente, acontecendo no verão daquele mesmo ano. O acasalamento ocorre, geralmente, nos abrigos desses animais, onde hibernam, durante o inverno.

Na maior parte das vezes, os grupos de reprodução são formados por um macho e 4 fêmeas (às vezes, até mais). Os filhotes, por sua vez, nascem em meados de junho, após algumas semanas de gestação. São amamentados por cerca de 6 semanas, e, durante esse período, são bem agarrados à mãe.

Durante a estadia com as mães, os filhotes vão aprendendo a voar, até mesmo porque as suas asas ainda não estão plenamente formadas. O problema é que nesses aprendizados de voos, eles ficam muito suscetíveis a caírem, e serem devorados por predadores. Some-se a isso o fato dos morcegos terem apenas uma cria por gestação, o que torna a população desses animais bem baixa.

Filhote de Morcego Negro
Filhote de Morcego Negro

A expectativa de vida da espécie varia entre 5 e 10 anos de idade, mas, às vezes, conseguindo ter uma longevidade de até 20 anos, mais ou menos. Trata-se de uma espécie bastante sedentária, com os abrigos de reprodução e de hibernação estando bem próximos um do outro.

Conservação da Espécie e fotos

De acordo com a IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza), a espécie está numa categoria classificada como “near threatened”, ou seja, “quase ameaçada”. Já, outros órgãos de preservação do meio ambiente ainda não dispõem de informações suficientes para confirmar se o morcego-negro se encontra, ou não ameaçado de extinção.

O que se sabe é que se trata de uma espécie de grande importância para o controle de pragas de muitos lugares, já que a sua alimentação consiste em insetos que podem causar algum prejuízo. Assim, por sinal, como muitas e muitas outras espécies de morcegos que desempenham, exatamente, esse mesmo e importante papel de equilíbrio ecológico.

Principais Ameaças À Espécie do Morcego Preto

Três Morcegos Negros
Três Morcegos Negros

Devido à redução de florestas folhosas, as área de alimentação dessa espécie estão reduzindo drasticamente, alterando a comunidade de insetos, e, consequentemente, a principal forma de alimentação dessa espécie de morcego.

A diminuição de abrigos também é outro fator que se torna uma ameaça ao morcego-negro, já que estão cada vez mais escassas árvores antigas com partes ocas que poderiam ter alguma utilidade para o morcego no sentido de servir como morada definitiva ou temporária.

A poluição resultante da agricultura, da pecuária e da silvicultura também é outro fator que tem afetado as populações de morcegos-negros pelo mundo, especialmente devido ao uso de inseticidas e fertilizantes. Isso diminui consideravelmente os recursos tróficos dos morcegos, além do próprio envenenamento de espécimes adultas e juvenis.

Sem contar que ainda há a possibilidade de atropelamento dos animais, quando estes estiverem em voo baixo, ou ainda forem jovens e caírem nas estradas, aprendendo a voar. Essa, inclusive, é uma das características da espécie: fazerem voos bem baixos no solo.

Veja também

Ciclo do Muar Manejo dos Muares e Cruzamentos

Os burros, muares fruto de cruzamento, foram supostamente domesticados há cerca de 5000 anos, no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *