Home / Animais / Mini Bull Terrier: Tamanho, Preço, Cores, Cuidados e Dotos

Mini Bull Terrier: Tamanho, Preço, Cores, Cuidados e Dotos

O Bull Terrier em si já é um ótimo cão de estimação, mas você já ouviu falar da versão em miniatura da raça? Pois é sobre ela que falaremos mais a seguir.

Características (Tamanho, Cores)

Em geral, o Bull Terrier é um cão de médio porte, robusto e compacto, sendo também bem musculoso. Contudo, a FCI (Federação Cinológica Internacional), essa raça possui duas variações: uma considerada “normal” e outra em miniatura. A principal diferença entre ambas, claro, é o tamanho, além das características físicas da versão mini serem mais exageradas e proeminentes ainda.

O mini Bull Terrier possui uma pelagem curta, fina e brilhante. Com relação à cores, na maior parte das vezes, eles são inteiramente brancos. Em outros casos, podem ser brancos, com alguma outra cor, ou então, totalmente coloridos (preto, marrom, vermelho, tricolor, fulvo).

Já em termos de tamanho, podem medir entre 25 e 35 cm de altura, e a pesar entre 11 e 15 kg, no máximo. Sua estrutura corporal conta com ombros bem musculosos, e uma cabeça oval (fisicamente, talvez a característica mais proeminente desse animal).

Os olhos desse animal são triangulares e estreitamente definidos, possuindo também orelhas eretas, com uma cauda que se porta de forma horizontal. A expectativa de vida do mini Bull Terrier varia entre 10 e 15 anos mais ou menos.

História e Origem da Raça

Oficialmente, o primeiro mini Bull Terrier surgiu em 1872, sendo a raça padrão (de tamanho “normal”) teno sido criada pela primeira vez também no século XIX na Inglaterra. Somente em 1900 que houve uma diferenciação de ambos em decorrência do peso.

Infelizmente, como todos o cães terrier do tipo bull, os antepassados dessa raça foram criado unicamente com o propósito de participarem de rinhas. Logo após lutas de cães com touros terem sido proibidos na Inglaterra (o que aconteceu por volta de 1835), os criadores, então, passaram a cruzar Bulldogs com alguns membros de cães Terrier. A intenção, obviamente, era conseguir uma raça mais forte, que fossem, ao mesmo tempo, ágeis e perseverantes.

Nessa época, esses animais, contudo, ainda eram mais parecidos com os Bulldogs do que com o atual Bull Terrier que conhecemos. Só em 1850 que a raça passou a ser padronizada, e isso com a ajuda de um britânico chamado James Hinks, que começou a cruzar esses antepassados do Bull Terrier mencionados anteriormente com outras raças, como, por exemplo, o White English Terrier (que, inclusive, está extinto).

Os cães obtidos a partir desses cruzamentos foi apelidados de “Cavalheiros Brancos”, e provavelmente devido a tantos cruzamentos realizados que a raça do Bull Terrier alcançou dois padrões: um normal e outro em miniatura. Mesmo esses “Cavalheiros” sendo a base para as atuais variações do Bull Terrier, eles ainda tinham um focinho bem pronunciado em relação à sua cabeça como um todo.

Como é a Saúde do Mini Bull Terrier?

Em geral, essa variação do Bull Terrier é bastante saudável, não sendo um animal muito suscetível a doenças. Porém, ele também pode ter algumas enfermidades um tanto específicas, como problemas auditivos, oftalmológicos, de pele, do coração, de joelho, e por aí vai.

O mini Bull Terrier ainda é suscetível a ter, vez ou outra, luxação na patela, que se trata de um problema um tanto comum que ocorre nos joelhos dos cães de pequeno porte em geral, e só pode ser tratado mesmo através de cirurgia.

Pelagem do Mini Bull Terrier
Pelagem do Mini Bull Terrier

Fora essas questões, a pelagem do mini Bull Terrier, por exemplo, exige poucos cuidados, precisando apenas de uma escovação rápida uma única vez por dia (em alguns casos, uma escovação por semana resolve). Importante também usar protetor solar em todas as seções brancas esparsas de pele (tipo ao redor do rosto, orelhas, quartos traseiro ou barriga).

Importante salientar ainda que esse cão precisa de, pelo menos, 30 minutos diários de exercícios físicos e mentais. O mais aconselhável é levá-lo em uma caminhada, ou mesmo comprar para ele um brinquedo interativo.

Temperamento e Preço

A raça Bull Terrier em si (independente da variação) é bastante amorosa e carinhosa, apesar do passado de seus antepassados ser de brigas em rinhas. Ele também é bastante brincalhão e animado com tudo, adorando ficar ao ar livre, ou simplesmente passear com o dono. Ao mesmo tempo, ele é um cão corajoso e um tanto temperamental.

Como cão de guarda, o mini Bull Terrier é ótimo, porém, é o tipo de espécie que não se dá muito bem nem com gatos, nem com outros cachorros. O treino dele requer certo esforço, mas é algo que pode ser feito quando o animal ainda é um filhote.

De um modo geral, o valor do filhote de um mini Bull Terrier gira entre R$ 2.500,00 e R$ 4.500,00, e só lembrando que a aquisição de algum animal desses precisa ser feita em criadores devidamente credenciados e responsáveis.

Algumas Curiosidades a Respeito da Raça Bull Terrier

Esse animal ficou ainda mais famoso que um exemplar dessa raça participou de alguns comerciais da cerveja Budweiser, mais especificamente no final da década de 1980. O nome do astro era Spuds Mackenzie, e a partir daquele momento o Bull Terrier passou a ficar um pouco mais pop. Na verdade, esse é um tipo de cão que já apareceu até mesmo no cinema, como em “101 Dálmatas”, “O Máscara” e “O Mágico de Oz”.

Curiosidades da Raça Mini Bull Terrier
Curiosidades da Raça Mini Bull Terrier

Porém, não apenas a arte se encantou com essa raça de cães, como também a classe política. O ex-presidente norte-americano Franklin D. Roosevelt, por exemplo, tinha um Bull Terrier, bem como a princesa Anne, da Inglaterra, Até mesmo o famoso general George S. Patton era tutor de um cão da raça, e que se chamava Willie.

E, como se já não bastasse toda a fama que o Bull Terrier ganhou ao longo dos anos, um exemplar seu fez história em 2006. O nome do animalzinho era Ch. Rocky Top Sundance Kid (cujo apelido era Rufus), e foi o primeiro Bull Terrier colorido a ganhar o conceituado Best in Show na exposição de cães do Westminster Kennel Club. Já o primeiro exemplar branco da raça a ganhar a honraria foi o Ch. Haymarket Faultless, no longínquo ano de 1918.

Veja também

Lagartixa na Parede

Dá Azar Matar Lagartixa? Ela Sente Dor? Como Espantar?

O surgimento de lagartixas nas casas é considerado um presságio de muito boa sorte no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *