Home / Animais / Lista de Tipos de Babuínos: Espécies Com Nomes e Fotos

Lista de Tipos de Babuínos: Espécies Com Nomes e Fotos

Os babuínos se caracterizam pelos grandes caninos, focinho pontudo, nádegas com calosidades e as bochechas volumosas. Trata-se de um animal semi-quadrúpede, e que pertence à ordem dos primatas.

Os babuínos vivem na África e medem em torno de 120 cm de comprimento, dependendo da espécie. Os campos abertos são o seu habitat natural, como as pastagens, savana e os terrenos rochosos.

Diferente dos macacos, os babuínos vivem, de preferência, no chão. São considerados como bons lutadores, e não costumam demonstrar medo dos demais animais. Nem mesmo dos seres humanos. Conseguem correr rapidamente e, se forem perseguidos por predadores, eles podem procurar por abrigo.

Em meio aos seus grupos familiares, todos apresentam fortes hierarquias, e que são bem complexas também.

Os babuínos costumam viver, normalmente, em grandes bandos, sob o comando do macho dominante de cada grupo. Outra situação curiosa entre os babuínos é que eles não costumam brigar para terem o comando do grupo. E nem mesmo para terem o direito ao acasalamento com as fêmeas. A única regalia que os machos dominantes possuem é poderem se alimentar antes dos demais integrantes do grupo quando eles encontram comida.

Os babuínos são considerados animais onívoros, que são capazes de comer vários tipos diferentes de alimentos, pois conseguem metabolizar diferentes classes de alimentos. E a sua dieta sofre variação conforme a estação do ano, o sexo, a idade e também o território onde o animal vive.

Os filhotes recém-nascidos de babuínos e as fêmeas costumam se alimentar de capim. Porém, há filhotes um pouco mais desenvolvidos que se alimentam de insetos, de casca de árvore e de lagartos também.

Abaixo, separamos uma lista de tipos de babuínos, espécies com nomes e fotos. Continue lendo e descubra tudo sobre esses animais.

Babuíno da Guiné (Papio papio)

Babuíno da Guiné
Babuíno da Guiné

Essa espécie vive numa pequena região da África Ocidental. A sua variedade abrange algumas partes do Senegal, Mali, Gâmbia, Mauritânia e Guiné. O Babuíno da Guiné habita as florestas secas e também de galeria, além das savanas arbustivas situadas mais próximas.

Quanto às características desse animal, ele possui os cabelos castanhos avermelhados, o rosto em um tom de violeta-escuro, não apresenta pelos, e tem um focinho semelhante ao de um cão, mas que se encontra envolvido por uma pequena juba. Apresenta uma cauda em forma de um arco redondo.

O Babuíno da Guiné é o menor dentre as espécies de babuínos. O seu peso varia entre 13 e 26 kg. É um animal terrestre (mas que vive árvores quando escurece), de hábitos diurnos e onívoro. Vive em grupos, e possui uma hierarquia muito bem organizada.

Essa espécie já é considerada pela IUCN como “quase ameaçada”, por causa do seu leque bem estreito de exemplares da espécie, e também em decorrência da sua perda de habitat.

Babuíno de Hamadryas (Papio hamadryas)

Babuíno de Hamadryas
Babuíno de Hamadryas

Essa espécie pertence à família dos macacos do Velho Mundo. E podem ser encontrados no sudoeste da Península Arábica, e também no Chifre da África.

Dentre todas as espécies de babuínos, esses são considerados como os mais setentrionais. Na cultura egípcia, ele ocupa um lugar de destaque, sendo, inclusive, considerado como um animal com um significado religioso, sagrado. Por causa da ausência de predadores naturais dos Babuínos de Hamadryas, a espécie consegue prosperar bastante.

Esses animais apresentam dimorfismo sexual em sua coloração. As fêmeas dessa espécie apresentam a cor marrom. E os machos apresentam uma espécie de casaco branco prateado, como se fosse uma capa. Os machos medem em torno de 80 cm, e pesam entre 20 e 30 kg. Já as fêmeas, costumam medir entre 40 e 45 cm de comprimento, e pesam entre 10 e 15 kg.

Babuíno de Chacma ou Babuíno de Cabo (Papio ursinus)

Babuíno de Chacma
Babuíno de Chacma

Essa espécie de macaco é considerada uma das maiores que existe. Pode ser encontrada na África Austral, podendo alcançar da África do Sul até a Zâmbia, Angola e o Moçambique. Essa espécie de babuínos possui uma hierarquia dominante, forrageamento coletivo, pareamento de amizade e adoção dos descendentes pelas fêmeas.

Apesar de o Babuíno de Chacma não ser uma espécie ameaçada de extinção, ele apresentou grandes taxas de mortalidade devido perseguições, caça e acidentes, que aconteceram por causa do contato da espécie com os seres humanos, que estão destruindo o seu habitat natural.

O comprimento dos machos dessa espécie pode variar entre 50 e 115 cm. E eles podem pesar de 21 a 45 kg. Enquanto que as fêmeas pesam de 12 a 25 kg. Essa espécie de babuíno apresenta um tipo de casaco castanho-escuro ou cinzento. E os machos não apresentam crina. A característica mais marcante dos Babuínos de Chacma é o seu rosto longo, e que é inclinado para baixo.

Babuíno Amarelo (Papio cynocephalus)

Babuíno Amarelo
Babuíno Amarelo

Esse babuíno é uma das 5 espécies presentes nas savanas e nas florestas claras da África Oriental. Dentro do seu alcance, estão os países: Zimbábue, Quênia, Botsuana e a Tanzânia.

O Babuíno Amarelo possui as pernas e os braços longos, o corpo magro, e apresentam uma espécie de casado em tom marrom-amarelado. Essa espécie apresenta o rosto preto e as costeletas na cor branca. Os machos chegam a medir 84 cm de comprimento, e as fêmeas podem chegar a 60 cm.

Essa espécie é onívora, e se alimenta de insetos e de partes de plantas. O Babuíno Amarelo é capaz de sobreviver próximo a assentamentos humanos, pois apresenta boa capacidade de adaptação a ambientes novos.

Porém, é bastante comum eles serem perseguidos pelas pessoas como invasores das colheitas. O que provocou a aproximação dos babuínos com os assentamentos humanos foi a perda do seu habitat natural.

Babuíno Verde-Oliva ou Babuíno Anubis (Papio anubis)

Babuíno Verde-Oliva ou Babuíno
Babuíno Verde-Oliva ou Babuíno

Pode ser encontrado por toda a África. Por isso, é considerada a espécie de babuínos mais difundida que há. Pode habitar estepes, florestas e savanas.

De longe, o seu pelo apresenta uma cor verde-cinza. Porém, após uma inspeção de mais perto, percebe-se que a sua pelagem apresenta, na verdade, um tom multicolorido. O pelo do rosto do Babuíno Verde-Oliva varia entre o preto e o cinza escuro. Os machos podem chegar a 70 cm de altura. E as fêmeas podem medir em torno de 60 cm.

Por ser uma espécie bem comum, devido a sua grande distribuição, esse babuíno não é considerado muito importante. Inclusive, é alvo de poucas ameaças. Porém, pode ser perseguido pelas pessoas caso resolva invadir as colheitas.

Veja também

Lagartixa na Mão

Lagartixa Morde o Dedo de Humanos? Qual Risco Ela Oferece?

Dependendo da espécie, as lagartixas podem ter de um a meio a quarenta centímetros de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *