Home / Animais / Lacraia de Banheiro Características

Lacraia de Banheiro Características

Porque afinal de contas as lacraias gostam tanto de banheiros? Bom, duas principais razões podem ser: as lacrais não podem sobreviver no frio, então elas se movem dentro de casa para evitar o clima de inverno, por exemplo. Outra razão é que essas pragas também não têm a capacidade de reter a umidade, levando-as a procurar áreas úmidas, como porões e banheiros. Isso explica porque, quando você menos esperar, pode ver uma saindo de seu ralo.

Compreender a Lacraia de Banheiro

É muito provável que você tenha passado por eles antes e tenha ficado assustado com essa praga. Eles são insetos esguios com o que parece ser centenas de pernas longas e finas saindo de todos os seus corpos. Esses insetos se movem rapidamente quando são vistos, procurando por um lugar seguro, e sobem paredes e sob a mobília, suas pernas ondulam e se movem rapidamente.

Eles têm uma cabeça? Eles mordem? O que eles são? Essas perguntas nos chegam muito, geralmente acompanhadas de fotos que mostram esse inseto predatório aparentemente feroz. O inseto em questão o mais comumente conhecido como lacraia e, a primeira coisa que você precisa fazer é relaxar.

A única maneira que a lacraia pode ser considerada perigosa é se acontecer de você ser outro inseto, como um percevejo, barata, aranha, cupim ou outra praga. Na verdade, o que você tem aí é um pequeno exterminador que pode até te ajudar a se livrar de outras pragas. As lacraias de banheiro ou, se preferir, pode chamá-las de centopeia ou escolopendra podem ser encontradas em diversas partes do mundo, em suas pequenas variações de formas e tamanhos.

Lacraia de Banheiro Características

A primeira coisa que você nota é que a lacraia do banheiro tem muitas pernas. Não é à toa que pode ser também chamada de centopeia. Mas embora isso pareça sugerir que a lacraia do banheiro tenha cem pernas, não é bem este o caso. O fato real é que a lacraia de banheiro tem 15 pares de pernas. Ela também tem duas antenas muito longas em sua cabeça e dois longos apêndices em sua traseira.

Existem várias razões para todas essas pernas. Primeiro, ajuda a fazer com que as lacraias se movimentem com velocidade. Uma vez que elas tanto são predadores quanto presas, poder correr bem ajuda muito. Elas podem viajar 1,3 metros por segundo, o que significa que elas geralmente podem se safar de predadores ou alcançar facilmente a refeição pretendida. Em segundo lugar, esses apêndices tanto para frente quanto para trás significam que é difícil dizer qual lado é a frente, o que pode realmente confundir os predadores.

Duas das pernas da lacraia de banheiro, localizadas bem perto da cabeça e perto da boca, foram modificadas para transportar o veneno. Tecnicamente, isso significa que a lacraia de banheiro pica sua presa ao invés de morder, mas por que não devemos temer? Seu veneno é potente para insetos menores, como baratas e cupins. Eles também são capazes de segurar várias presas em suas pernas e, se algo prender uma de suas pernas, basta apenas parti-la e sair correndo.

As lacraias de banheiro são caçadoras ativas, já que não constroem teias ou armadilhas. Elas buscam suas presas e usam essas pernas para saltar sobre a presa pretendida ou envolvê-las em uma técnica que os especialistas chamam de “laço”. Alguns observadores notaram até mesmo lacraias usando suas pernas para bater em sua presa.

Lacraias de banheiro são caçadores noturnos, principalmente. Se um dia observar uma ampliada, notará que elas têm dois olhos muito bem desenvolvidos e, para um inseto, têm uma visão decente. Apesar disso, são aquelas longas antenas que elas usam principalmente para caçar. A antena da lacraia de banheiro é tão sensível que pode captar odores, vibrações e outras sensações táteis. É como combinar os dedos com o nariz.

Lacraia Andando no Banheiro
Lacraia Andando no Banheiro

Elas também são caçadores muito inteligentes. As lacraias de banheiro estão mais do que dispostas a perseguir presas que podem ser perigosas para elas. Por exemplo, elas foram observadas na natureza e em laboratórios se intrometendo com esses tipos de insetos, picando-os, usando suas pernas para fugir e então esperando que o veneno fizesse efeito antes de se alimentar.

O Perigo da Lacraia de Banheiro

A boa notícia é que as lacraias, ao mesmo tempo em que são surpreendentes quando vêm correndo a super velocidade no balcão da cozinha, não são consideradas perigosas para os humanos. Embora seja possível que alguma lacraia dê uma picada em alguém, estatísticas tem mostrado que a maioria das vezes que isso acontece são em situações acidentais envolvendo lacraias criadas em cativeiro. As lacraias preferem mesmo é reservar seu veneno para comida e os seres humanos simplesmente não fazem parte do cardápio.

No caso de alguém ser mordido, é mais do que provável que cause apenas uma colisão avermelhada. As pessoas que são especialmente sensíveis a picadas de abelha e outras picadas de insetos são as que podem precisar consultar um médico para se certificar de que não tenham uma reação alérgica, mas a maioria das pessoas não deve sentir nenhum efeito a não ser uma pequena dor e a vermelhidão. Mesmo a picada das lacraias gigantes não causam efeitos mais adversos do que esses mencionados.

Como Entram em Casa e o Que Pode ser Feito

Acredita-se que as lacraias começaram no Mediterrâneo. Elas preferem climas quentes, tropicais e úmidos. Elas provaram ser, no entanto, notavelmente adaptáveis e capazes de sobreviver em praticamente qualquer clima. Sendo assim, se você mora em uma área do mundo onde o clima proporciona muita umidade ou que recebe invernos rigorosos, é mais provável que você as encontre em sua casa, porque esse é um lugar agradável onde certamente a lacraia tenha acesso a muitos alimentos.

Os olhos das lacraias de banheiro são muito sensíveis à luz, então é mais do que normal que elas procurem um lugar para se esconder durante o dia. com efeito, é sempre bem possível que você veja lacraias em seus porões, banheiros e outras áreas que ficam úmidas e invariavelmente pouco iluminadas. Também é inteiramente plausível que a sua lacraia média viva toda a sua vida no piso inferior de um edifício, comendo insetos e vivendo sua vida sem ser perturbada.

Como a maioria dos insetos, elas são muito habilidosas quando se trata de ficar dentro de casa. As lacraias procurarão um lugar que seja quente e onde possam se esconder e buscar presas. Elas entrarão debaixo das portas, através de rachaduras e de qualquer abertura. Vão adorar ambientes em que haja objetos amontoados ou entulhos empilhados. Elas são muito pequenas e estreitas, então o espaço não precisa ser muito grande.

Portanto, certifique-se de que as varreduras nas portas não tenham buracos e percorram todo o caminho até o pavimento. Certifique-se de que as telas estejam fixas e que as rachaduras nas fundações estejam seladas. Evite deixar muitos ambientes úmidos como banheiros, pias ou tanques. E se já souber onde há pequenos focos em que as lacraias podem proliferar, experimente deixar um pouco de terra diatomácea nesses pontos. É um veneno fatal que exterminará a lacraia ressecada em instantes.

Veja também

Pônei Shetland Com o Filhote

Raça de Pônei Shetland: Características, História, Origem e Fotos

A fauna existente no nosso mundo possui uma diversidade de espécies de cair o queixo. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *