Home / Animais / Jandaia Coquinho: Aratinga, Características, Nome Cientifico E Fotos

Jandaia Coquinho: Aratinga, Características, Nome Cientifico E Fotos

A jandaia coquinho é uma espécie de passarinho muito conhecida no Brasil, e provavelmente, você já deve ter visto ele em algum lugar.

Sendo encontrado em países como Brasil, Argentina, Bolívia, Peru, Suriname ou Paraguai, a jandaia coquinho também é conhecido como Aratinga-estrela, jandaia, periquito-estrela, entre outros.

Considerada uma espécie com pouco risco de extinção, a jandaia coquinho é encontrada com facilidade em comércios e cativeiros.

No Brasil, será encontrado principalmente na margem do rio Amazonas indo até o Pará. É encontrado também em algumas regiões ao norte do rio Amazonas, como, por exemplo, no Faro (Pará) e em partes do Amapá. Na América do Sul, no geral, é encontrado desde as Guianas até a parte leste da Bolívia, em algumas partes do extremo leste do Peru e, por fim, no norte da Argentina.

Hoje, você irá aprender tudo o que há para saber dele, desde onde ele vive, o que come, e como interage com os humanos.

Nome Científico e Fotos

O nome científico da jandaia coquinho é Eupsittula aurea. É considerada uma espécie de pássaro, sendo que sua classificação é:

  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Classe: Aves
  • Ordem: Psittaciformes
  • Família: Psittacidae
  • Género: Eupsittula
  • Espécie: A. aurea
Peach Fronted Parakeet

O significado do seu nome científico, basicamente, é: periquito bom e dourado. Na língua inglesa a jandaia coquinho será conhecida como Peach-fronted Parakeet.

É uma espécie considerada monotipo, ou seja, não se conhecem subespécies da jandaia coquinho.

Características

Com um peso cerca de 84 gramas, bem levinho, seu tamanho é cerca de 27 cm, bem pequeno também. A sua plumagem é praticamente toda verde, com uma testa que apresenta algumas variantes do laranja, igualmente nos seus olhos. Quando jovens, a coloração na testa e ao redor dos olhos será mais para o tom cinza.

A parte de trás da cabeça da jandaia coquinho possui um tom de azul, o seu ventre é da cor verde amarelado e o bico é preto com patas totalmente cinzas. Possuem penas primárias da cor verde amarelada também, mas com pontas azuis. Em resumo, a jandaia coquinho é bem colorida em si, com vários tons de verde, amarelo, azul e laranja. Mas a cor predominante é a verde.

Os machos e as fêmeas possuem os mesmos tipos de características, não apresentando, desta forma, o que chamamos de dimorfismo sexual.

Demoram, em média, cerca de 2 anos para amadurecem completamente. Em alguns casos, conseguem reproduzir e imitar a fala humano, estando limitados a imitar algumas poucas palavras. Assobiam bastante, e possuem certa habilidade e até mesmo facilidade para aprender a assobiar hinos e músicas que ouve nos ambientes.

São fáceis de notar no começo e final do dia. Normalmente, esses são os horários em que eles se sentem mais agitados, por isso, irão emitir sons maiores e mais frequentes, e irão ser percebidos por onde passam.

Normalmente, ele andará em bandos, e se deslocam pelo voo com bastante rapidez, o que, às vezes, passa despercebido pelas ruas das cidades.

Alimentação

Na hora de se alimentar, a jandaia coquinho irá preferir o suco das frutas, descartando assim a polpa delas. Para segurar os alimentos, usará os pés, fazendo um movimento parecido com uma colher, e fará um buraco com o bico nas extremidades dos frutos.

As frutas preferidas desta espécie de pássaros, são: laranjas, goiabas, mamões, jabuticabas, caju, sementes de palmeira, entre outras que possuem uma grande quantidade de suco para se extrair.

Em alguns momentos, também poderá se alimentar de composta de cupins alados ou flores, e nos cativeiros, onde são mantidos com certa frequência, irão se alimentar de aveia, alpiste, painço preto, painço verde, painço vermelho, milho verde cru, e outros tipos de grãos.

Algumas frutas muito importantes para se dar para a jandaia coquinho, a fim de garantir um crescimento saudável, são legumes e frutas, como, por exemplo, maçã, uva, pêssego, amendoim, figo, entre outros. A maçã, inclusive, é muito importante para uma lubrificação adequada do seu trato intestinal.

Em lojas que são especializadas em alimentação de pássaros, será possível encontrar rações extrusadas e misturas de sementes que possuem muitos nutrientes que a jandaia coquinho necessita.

Reprodução e Habitat

Os casais da espécie jandaia coquinho são monogâmicos, ou seja, formam pares exclusivos. A reprodução ocorre, normalmente, em meados dos meses de setembro e se estende até o mês de dezembro.

Os ovos que são coletados variam entre dois, chegando em alguns casos, no número de quatro. Nas ninhadas, apenas as fêmeas que incubam, por mais ou menos 26 dias.

Para fazer os ninhos dos ovos, a jandaia coquinho irá utilizar palmeiras ocas, barrancos, árvores que são ocas, cupinzeiros, e alguns tipos de formações rochosas. Normalmente, são procurados locais como abrigos, que possam oferecer algum tipo de proteção.

Quando filhos, a alimentação será de frutas ou sementes picados e quebrados, que será regurgitado pelos pássaros pais. Até com emaçarem a sair do ninho e ir em busca dos próprios alimentos, os filhos ficarão cerca de 52 dias no ninho.

Cativeiro

Para ser criados em cativeiro, a atenção que tem que se dar é muito grande. Para tornarem-se dóceis, precisam ser manejados, diariamente e precisam de muita interação. São aves extremamente inteligentes, sociáveis e ativas, tudo dependerá da atenção e treinamento que será dado desde cedo.

Dentro de casas, o ideal é que a jandaia coquinho não passe muito tempo sozinha, ou com ruídos muitos estranhos e altos. Os periquitos são pássaros bastante sociáveis, e uma distração nas gaiolas, com os moradores da casa, é garantia de que a jandaia crescerá feliz.

O tamanho de gaiolas recomendadas para esta espécie é de 1×1 ou 2×2 metros. A jandaia coquinho é muito sensível a temperaturas muito frias, a friagem e exposição direta aos ventos. Por isto, é ideal também que a gaiola esteja protegida destas situações, em locais cobertos da casa e que não peguem vento, sol ou frio em quantidade muito grande.

A água, a comida e o cativeiro devem ser trocados e limpados diariamente, para evitar que bolor se forme por causa dos restos dos alimentos. Com os cuidados descritos aqui, a sua ave poderá viver cerca de 20 até 30 anos.

E você, já viu alguma jandaia coquinho por aí? Conte para a gente nos comentários a sua experiencia com esta ave tão querida pelos brasileiros.

Veja também

Lindo Lírio Do Mar no Fundo da Água

Lírio Do Mar – Respiração: Como Funciona sua Respiração?

Quando você imagina um lírio do mar, flutuando lentamente pelo fundo do oceano, talvez não …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *