Home / Animais / História do Tritão e Origem do Animal

História do Tritão e Origem do Animal

Os animais são, em sua grande maioria, bastante curiosos e interessantes. Assim, seja qual for o habitat do animal em questão, independentemente do tipo de animal que ele é, sempre haverá fatos interessantes a seu respeito. Esse fato de torna ainda mais verídico quando se tem animais pouco conhecidos pelas pessoas, sobre os quais não é tão simples encontrar tantas informações de maneira tão vasta.

Ou, em outro caso, quando os animais são mais raros e diferenciados, como é o caso do tritão. O tritão é, na verdade, um anfíbio que pode viver tanto na água quanto na terra, sendo muito adaptável a diversos ambientes distintos. Portanto, o tritão acaba por ser curioso, com características muito interessantes que o fazem um animal único. O tritão gosta, por exemplo, de estar sempre perto de fontes de água doce, o que ajuda bastante a fazer com que o anfíbio se mantenha hidratado.

Presente em grande parte do Hemisfério Norte, o tritão ainda possui outros detalhes exclusivos que o diferem dos outros tipos de salamandras, tornando as suas espécies ainda mais interessantes. Porém, você sabe qual é a origem do tritão? Gostaria de Descobrir? Veja abaixo mais informações sobre um dos animais mais curiosos de todo o mundo.

Origem do Tritão

O tritão surgiu no mundo há milhões de anos, já que compõe a classe dos anfíbios. Os anfíbios, na verdade, possuem uma relação muito próxima com toda a evolução dos animais do planeta Terra, tendo importância central para o processo.

Assim, os anfíbios foram os primeiros animais vertebrados a estar na parte terrestre do mundo, com o tritão surgindo logo em seguida. Os estudos mais especializados mostram que o tritão, que é uma espécie de salamandra, teria surgido a partir de peixes pulmonados que vivam em água doce. A diferença é que, com a evolução, o tritão passou a depender cada vez menos de água para se manter vivo, de forma que, com o tempo, esse animal atingiu um nível de dependência da água bastante reduzido.

Tritão em seu Habitat

De toda forma, ainda hoje o tritão não é um animal totalmente terrestre, guardando traços ligados aos seus ancestrais. No caso, o animal atualmente é apenas menos dependente de fontes de água para se manter vivo, mas ainda gosta de estar em ambientes úmidos e próximos aos rios e lagos. De qualquer maneira, o certo é que o tritão já está presente em grande parte do mundo, sendo mais comum no Hemisfério Norte, onde o clima costuma ser mais suave.

Características do Tritão

O tritão possui corpo muito parecido com o de um lagarto, assim como acontece com outros animais do gênero. Dessa forma, o tritão é bastante parecido com uma salamandra, seja fisicamente ou em comportamento. O animal costuma, assim, ter quatro patas idênticas e uma cauda alongada, que dá estabilidade à sua locomoção e faz com que o tritão tenha mais facilidade no momento de se movimentar.

Esse animal, assim como outros anfíbios, possui a capacidade de regenerar grande parte do seu corpo. Portanto, membros, olhos, intestino, coração e outras partes do corpo do tritão podem ser renovados e regenerados.

Tritão Características

A ação é muito eficiente quando o animal se vê atacado por predadores, que podem até levar uma parte do corpo, mas dificilmente serão capazes de acabar por completo com o tritão. Há espécies de tritões que são, como qualquer animal, tóxicas. Dessa maneira, essas espécies fazem usa da sua toxicidade para atacar os predadores ou até mesmo as presas, a depender do momento em questão. O tritão, portanto, está longe de ser um anfíbio indefeso e entregue aos seus predadores.

Reprodução e Alimentação do Tritão

O tritão é um animal bastante complexo quanto à sua alimentação, podendo consumir uma série de animais. Dessa forma, como animal carnívoro que é, o tritão pode consumir muitos insetos e artrópodes de todo o mundo e de todos os jeitos, desde que sejam menores ou, no mínimo, com tamanho semelhante ao seu.

Aranhas, por exemplo, são um prato cheio para o tritão, que sabe quando atacar e possui muita velocidade para atingir as vítimas quando essas menos esperam. Já em relação à sua fase de reprodução, o tritão apresenta algumas questões mais exclusivas. Assim, para os machos, por exemplo, a época de reprodução traz consigo muitas mudanças no corpo. Dessa maneira, o corpo desses machos se adapta para atrair cada vez mais as fêmeas, buscando copular.

Em geral, essas mudanças fazem com que os animais se tornem mais coloridos ou mais atrativos para as vítimas. Já outros machos passam a conseguir nadar de forma mais rápida e simples, já que as mudanças no corpo possibilitam essas alterações. Em todo caso, o tritão sempre libera mais feromônios nessa fase, justamente para se tornar mais atraente e, dessa maneira, ser capaz de realizar o ato sexual com a fêmea.

Curiosidades Sobre o Tritão

O tritão é um animal bastante interessante e, como tal, possui muitos detalhes curiosos a seu respeito. Logo, é possível citar que o tritão, quando em fase de larva, já possui os seus dentes bem formados. Dessa maneira, já nessa fase inicial da vida o animal consegue morder e ser ofensivo quando se trata buscar alimentos. Ademais, o tritão, a depender da espécie em questão, pode produzir toxinas tão fortes ao ponto de matar uma pessoa.

Um grande exemplo de tritão que possui tal poder de toxicidade é o tritão-taricha, que pode ser encontrado em partes da América do Norte. Outro fato interessante sobre o tritão é que muitas das espécies possuem a coloração mais forte justamente para fazer com que os predadores se mantenham longe, embora por vezes a força da cor na sua pele apenas faça com que os predadores tenham ainda mais facilidade no processo de encontrar esses tritões.

Por fim, o tritão se alimenta sempre de insetos e, por mais que não possa parecer, devido ao seu tamanho, gosta de estar sempre comendo. Assim, a alimentação do tritão costuma ser constante, embora sempre em doses reduzidas ou controladas. Esse é um dos segredos para a beleza do animal.

Veja também

Marreco Pompom: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco pompom (crested duck) é uma ave ornamental considerada uma variação genética do marreco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *