Home / Animais / História do Polvo e Origem do Animal

História do Polvo e Origem do Animal

Os polvos são animais classificados como moluscos e que vivem no mar. É possível encontrar polvo nas mais diversas profundidades dos oceanos. Além de apresentarem uma forma de defesa muito elaborada são considerados um dos animais mais inteligentes do reino animal. Quer aprender um pouco mais sobre esse animal? É só continuar conferindo o nosso artigo! Vamos lá?

Características e História do Polvo

São animais invertebrados que pertencem à classe Cefalópoda e como o seu próprio nome destaca: possuem muitos pés. São exatamente esses pés que permanecem conectados a sua cabeça formando tentáculos muito importantes para a sobrevivência do polvo. Existem no mínimo 200 espécies distintas de polvos.

Como todos os moluscos possuem o corpo bem mole e apresentam  tentáculos que possuem um mecanismos para agarrar suas presas. São as chamadas ventosas. Possuem também um sistema nervoso que funciona muito bem e possibilita que esse animal tenha habilidades incríveis, mesmo pertencendo ao grupo dos invertebrados.

Polvo
Polvo

O tamanho do polvo pode variar conforme a espécie. A mais frequente dela o polvo comum (nome científico Octopus vulgaris) pode apresentar mais de um metro e chegar a pesar em torno de dez quilos. Entretanto, conforme já foi dito, o tamanho desse animal pode variar muito e já foram catalogadas espécies com mais de oito metros.

Como se Alimentam os Polvos?

São animais que se alimentam de carne preferindo alguns tipos de crustáceos como camarões e caranguejos. Os polvos possuem hábitos noturnos facilitando a captura de suas presas que estão dormindo ou desavisadas na hora dos ataques.

Esse tipo de molusco possui um sistema muito evoluído de defesa que inclui uma fuga muito rápida pelo nado e a liberação de jatos de água. Além disso, o polvo tem a capacidade de se camuflar imitando pedras e algas. Mas o recurso de defesa mais conhecido dos polvos é a uma tinta, que ao ser liberada pelo animal, deixa a água do mar escura e acaba confundindo os predadores.

Polvo No Fundo do Mar
Polvo No Fundo do Mar

Os polvos conseguem sobreviver um tempo com pouco oxigênio e sobrevivem muito bem mesmo quando seus membros são esmagados, pois possuem uma capacidade incrível de regeneração.

Como os Polvos se Reproduzem?

Por meio do acasalamento do macho e da fêmea os polvos realizam a sua reprodução. Um dos braços do animal é responsável por injetar o esperma nas fêmeas dado origem a inúmeros ovos que são colocados em locais bem protegido dos perigos. Até o nascimento dos novos membros da família as fêmeas permanecem na fiscalização dos ovos e acabam morrendo pois não se alimentam durante todo esse processo. Já os machos morrem logo após o processo de acasalamento.

Dos ovos nascem algumas larvas que ao crescerem se transformam em polvos adultos.  Uma característica muito curiosa desse animal é que ele é capaz de deixar um de seus braços amputados já que possuem um complexo sistema de regeneração.

Filhote de Polvo
Filhote de Polvo

Os polvos não são animais que costumam andar em grupos e preferem se abrigar sozinhos entre pedras marinhas.

Animais Muito Inteligentes

Os polvos são conhecidos por serem animais muito espertos. Mesmo sendo invertebrados possuem uma estrutura que se assemelha a um cérebro com divisões para o aprendizado e a memória. Sua visão é binocular e estudos destacam que eles podem enxergar em cores e destingir com muita facilidade as imagens.

Os braços do polvo possuem receptores capazes se sentir cheiro e textura das presas. Com o auxílio das ventosas eles podem se locomover e se alimentar.

Você Sabia?

  • Os polvos podem praticar o canibalismo.
  • Quando nascem, as pequenas larvas que se tornarão polvos preferem ficar na superfície das águas. Na fase adulta vivem a maior parte do tempo nas profundezas do mar.
  • Esses animais são usados como matéria prima em receitas de diversos pratos em todo o mundo.
  • O polvo possui três corações com funções distintas e o sangue do animal tem uma tonalidade azul.
  • Os polvos são animais que vivem pouco e a sua média de vida é de apenas seis meses.
  • As fêmeas podem chegar a colocar mais de 300 mil ovos.
  • Uma espécie chamada Polvo Gigante do Pacífico é considerada uma das maiores desse tipo de molusco. Já foram encontrados indivíduos com mais de 9 metros de comprimentos. Não é à toa que os polvos também são conhecidos como “monstro dos mares”.
  • “Octopus” vem do grego e significa “oito pés”.
  • Estudos comprovam que esses animais possui uma complexa capacidade cognitiva.
  • Uma espécie chamada polvo-mímico é capaz de imitar mais de dez animais. Assim esses animais se camuflam e acabam despistando os seus predadores. Espertinho, não é mesmo?

Classificação do Polvo

Para encerrar confira a classificação científica e principais informações sobre o polvo:

Nome científico: Octopus vulgaris

Classe: Cephalopoda

Ordem: Octopoda

Principais características: não costumam andar em grupos e só encontram os indivíduos da mesma espécie na época de cópula. A reprodução dos polvos é sexuada.

É um animal carnívoro que se alimenta de peixe e alguns crustáceos. Possuem um corpo mole e vários tentáculos. É um dos animais mais inteligentes do reino animal. Podem pesar mais de trinta quilos a depender da espécie que pertencem. Vivem nas profundidades dos mares.

Encerramos por aqui e esperamos que você tenha gostado do nosso artigo sobre os polvos. São animais que certamente despertam muita curiosidade pela sua inteligência e desenvoltura. Aproveite para deixar um comentário ou sugestão logo abaixo e não esqueça de visitar sempre o Mundo Ecologia. Estamos sempre preparando novos conteúdos para que você possa aprender sempre mais sobre plantas, animais e natureza. Até a próxima!

Veja também

Habitat do Monstro-de-Gila: Onde Eles Vivem?

Quando pensamos em répteis, logo pensamos em dinossauros, cobras, jacarés e crocodilos. Apesar de muitas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *