Home / Animais / História do Peixe Aruanã e Origem do Animal

História do Peixe Aruanã e Origem do Animal

Aruanã é um peixe de água doce, popularmente conhecido como língua de osso, devido sua língua ser áspera e óssea, assim como a do pirarucu. Esse peixe pode ser encontrado nas Bacias Araguaia-Tocantins e Amazônica, aqui no Brasil, mas existem espécies em outros continentes. Trata-se de um peixe com escamas brancas, de corpo comprido e alongado e cabeça ossuda.

Neste artigo vamos conhecer um pouco mais sobre a história, suas características e demais informações do peixe aruanã . Acompanhe.

História e Origem do Peixe Aruanã

Os peixes estão presentes em praticamente todos os ecossistemas, desde a água doce até a salgada, das profundezas dos rios e oceanos até águas mais rasas. Segundo a história, os primeiros peixes viveram aqui há aproximadamente 510 milhões de anos atrás. Estes eram chamados de istracodermas e viveram no período conhecido como Cambriano. Além disso, eram bem diferentes dos peixes que conhecemos atualmente.

A partir dos istracodermas e com o passar do tempo, os peixes foram ganhando formas e aspectos diferentes, a fim de se habituar com o ambiente e época em que viveram. Os peixes respiram oxigênio na água, seu corpo é fusiforme e seus membros superiores e inferiores são nadadeiras ou barbatanas, modificados para seu habitat.

Desde os primórdios de sua existência, os peixes vêm desempenhando papel importante no mundo. Atualmente, são muito usados para exposição em aquários, na pesca esportiva e recreativa e principalmente na alimentação. Eles também exercem papel importante na cultura, sendo usado como tema em filmes, livros e obras de arte, além de ser, ainda hoje, considerado um símbolo religioso em várias religiões.

Apesar de tanta importância, algumas espécies são nocivas, como os tubarões e o peixe escorpião. Mesmo com tanta diversidade de espécies, já existem peixes que estão perdendo seu habitat ou tendo a população reduzida devido a pesca excessiva, o que pode ser uma ameaça de extinção de diversas espécies.

Características do Peixe Aruanã

O peixe aruanã, cientificamente Osteoglossum bicirhossum, é um peixe de água doce e pertence à família Osteoglossidae. Essa família apresenta como principais características a cabeça ossuda, o corpo largo e coberto por grandes escamas na cor branca, formando uma espécie de mosaico.

Sua espinha dorsal é longa e tem leves raios, enquanto a ventral e peitoral é pequena. Aruanã é popularmente conhecido como língua de osso, devido a sua língua ser um osso dental equipada com dentes que mordem contra os dentes do céu da boca. Ele é obrigado a respirar ar, assim ele pode obter oxigênio sugando o saco de gás, que fica alinhado como tecido com seus capilares. Onde ele não encontra água com oxigenação, ele pode ainda nadar com seus barbilhões apurados à frente, conseguindo oxigênio da superfície.

Aruanã é um nome que vem do tupi e significa jeitoso ou hábil. Suas costas são na cor verde escuro e o centro de suas escamas é prata ou dourado. Sua boca é bem grande e ele possui barbilhões no queixo. Esse peixe pode medir 1 metro de comprimento e pesa até cinco quilos.

Habitat, Alimentação e Reprodução do Peixe Aruanã

No Brasil o aruanã habita principalmente a bacia Araguaia em Tocantins e a Bacia Amazônica. É um peixe de água doce que vive em rios, igarapés e também em trechos inundados na floresta. São peixes que ficam sempre perto da superfície para que possam caçar.

Sua alimentação é essencialmente carnívora e acontece sempre próxima da superfície. O aruanã sempre salta fora da água quando uma presa se aproxima, podendo alcançar até dois metros de altura. Essa habilidade fez com que ele fosse chamado também de macaco d’água.

Sua alimentação é baseada em animais invertebrados e vertebrados aquáticos e terrestres, como insetos, sapos, aranhas, cobras, lagartos, outros peixes e aves. Dentre as aves estão pequenos pássaros e morcegos que voam baixo ou próximo do rio ou ainda que estejam em galhos perto do rio.

Osteoglossum Bicirhossum

Além de saltar para caçar, o aruanã salta da água também para escapar dos seus predadores, como o boto, por exemplo.

A reprodução do aruanã acontece sempre durante a enchente. Há, de início, um cortejo do macho para com a fêmea, que quando aceita o cortejo, nada em círculos com o macho e solta seus ovos, que são fertilizados pelo macho. Após a fertilização, o macho guarda os ovos e também as larvas em sua boca. Isso requer muito cuidado, visto que sua boca é cheia de dentes, porém o macho é extremamente cuidadoso e protege sua prole.

Curiosidades e Informações

Peixe Aruanã Características
  • Devido a esportividade, aruanã é muito procurado. Quando é fisgado costuma saltar.
  • Existem 10 espécies de aruanã. Três estão na América do Sul, quatro na Ásia, uma na África e duas remanescentes da Austrália.
  • O aruanã é, possivelmente, o maior peixe do mundo com uma dieta baseada essencialmente em aranhas e insetos.
  • Durante as cheias, o aruanã vive nas florestas alagadas
  • Na época de reprodução podem ser vistos nadando em duplas
  • Os barbilhões são o sentido mais aguçado do animal, depois da visão e são muito importantes para o animal
  • Um comportamento característico do animal é saltar para fora da água para pegar animais que estão nos galhos próximos do rio
  • Algumas espécies são criadas em aquários
  • Aruanãs ornamentais são negociados por altos preços
  • São peixes dominantes e agressivos
  • Na China, os aruanãs são chamados de peixe dragão e simbolizam prosperidade e boa sorte
  • Para os índios Carajás o aruanã tem uma grande importância na mitologia deles
  • Foram encontrados pelo menos cinco fósseis que antecedem os aruanãs na evolução da espécie

Veja também

Hábitat do Marreco: Onde Eles Vivem ?

Marreco na verdade é nome popular para uma espécie de pato de pequenas dimensões, no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *