Home / Animais / História do Cachorro Maltês e Origem da Raça

História do Cachorro Maltês e Origem da Raça

Faz parte da cultura do brasileiro ter cachorro, já que é extremamente comum encontrarmos pessoas com até mesmo mais de um cachorro na casa, mostrando como eles são animais muito amados por nós brasileiros.

Por esse motivo, é extremamente comum que as pessoas se perguntem um pouco mais sobre como cuidar de algumas raças, principalmente por conta da dúvida que bate na hora de adotar um novo cachorro, ainda mais nos casos de pessoas que nunca tiveram um cachorro anteriormente.

O maltês é um dos cachorros que deixam muitas pessoas com dúvidas, já que esse é um cachorro de raça caro que exige alguns cuidados e possui uma história e origem bem interessantes, conquistando os adoradores de cães.

Pensando nisso, neste artigo falaremos um pouco mais profundamente sobre a história e a origem da raça maltês. Por isso, continue lendo o texto para saber tudo sobre essa raça antes de adotar um filhote!

História do Maltês

Conhecer a história de uma raça pode ser algo muito divertido, principalmente para quem gosta de saber toda a trajetória que os antecedentes daquele animal passaram antes de chegar até onde vemos hoje.

No caso do maltês, estamos falando de uma raça que surgiu cerca de 4.000 anos a.C, o que significa que ele já está no planeta há um tempo muito considerável e passou por diversas adaptações desde lá, resultado da evolução.

Apesar de sua origem antiga, o maltês só foi encontrado na Europa no começo do século XV, local onde acreditavam que a raça possuía propriedade curativa, o que basicamente quer dizer que as pessoas faziam luvas com os pelos da raça, acreditando que aquilo iria curar alguém.

Muito provavelmente o maltês veio parar no Brasil logo após ele ganhar fama na Europa, já que a raça pode ter sido trazida pelos colonizadores, como por exemplo os portugueses, holandeses e italianos.

Portanto, agora você já sabe um pouco mais sobre a história desse animal e com certeza sabe algo que não sabia antes: a suposta propriedade curativa que os europeus acreditavam existir no maltês.

Origem do Maltês

A origem de um animal está diretamente ligada com a sua história e ao mesmo tempo diz muito sobre os seus hábitos, já que o local de origem é o habitat natural do animal e ele influencia principalmente na maneira de agir e na forma de se alimentar.

Padrão da Raça Maltês
Padrão da Raça Maltês

Como já dissemos o maltês surgiu aproximadamente 4.000 a.C na ilha de Malta, o que explica o seu nome. A Ilha de Malta está localizada próxima da Itália; e foi nesse local que o maltês provavelmente surgiu, sendo utilizado como moeda de troca entre os mercadores por conta de sua bela aparência, e assim chegando até a Europa como já explicamos.

Portanto, o cachorro maltês muito provavelmente surgiu na Ilha de Malta; porém, essa informação não pode ser dada com total certeza, já que alguns cientistas pensam que a raça nasceu em algum país asiático antes de chegar a Malta.

Curiosidades Sobre O Maltês

Agora você já sabe tudo sobre a história e a origem do maltês, e por isso deve ter ficado muito mais interessante a ideia de adotar um maltês para criar, não é mesmo? Vamos ver agora de maneira mais dinâmica e divertida quais são as curiosidades envolvendo esse animal tão interessante!

  • O maltês é um cão classificado como cão de companhia;
  • Esse é um cachorro muito utilizado em competições;
  • O maltês possui um carisma nato, sendo um animal extremamente afetuoso e brincalhão, o que faz dessa a raça ideal para pessoas que querem cães bem companheiros e ao mesmo tempo enérgicos;
  • O maltês é o cão excelente para passar por adestramento de reforço positivo, já que a tendência é que ele seja extremamente teimoso se levar uma bronca;
  • A expectativa de vida do maltes varia entre 12 e 15 anos, sendo que a forma com que ele é cuidado e a forma com que ele se alimenta influenciam demais nessa expectativa de vida, nos casos de morte natural do animal;
  • O maltês tem uma relação extremamente boa com as pessoas, e por isso ele também pode ser excelente para pessoas que possuem crianças ou idosos em casa, até mesmo porque esse é um cachorro de porte pequeno;
  • Por ser um cachorro de porte pequeno, podemos também dizer que o maltês pode facilmente ser criado em apartamento, desde que o dono leve para passear, já que esse é um cachorro que tem muita energia.

Portanto, essas são algumas curiosidades que podemos citar sobre o maltês. Agora você já sabe algumas outras informações interessantes e simples de se lembrar, por isso é hora de vermos algumas informações mais técnicas com relação ao animal!

Características Físicas Do Maltês

Características Físicas Do Maltês
Características Físicas Do Maltês

Saber as características físicas do animal também é essencial para o caso de você precisar de um cachorro de porte pequeno, por exemplo. Por isso, vamos ver algumas características físicas dessa raça.

  • Peso

O maltês é um animal bem pequeno e leve, e por isso ele geralmente não pesa mais de 3.5kg, porém é importante lembrar que tudo isso depende do tamanho do seu cachorro, do peso de seus ossos, da alimentação e muito mais. Por isso é sempre bom estar de olho no peso do seu cachorro, já que um sobrepeso é perigoso.

  • Tamanho

O maltês é um cachorro de porte pequeno, e por isso ele mede no máximo 25cm de altura, sendo excelente para apartamentos pequenos e também pessoas que não gostam de cachorros grandes por algum motivo.

  • Pelo

O maltês tem o pelo extremamente macio e sedoso, sendo que os fios são bem longos. Geralmente esse pelo é branco e é preciso cuidar bem do mesmo para que ele não embarace, algo que é muito comum com o tempo.

Logo, essas são as características físicas predominantes desse animal! Agora você saiba ainda mais informações interessantes sobre ele, legal né?

Quer saber ainda mais informações sobre o maltês, mas não sabe muito bem onde encontrar? Sem problemas, leia também em nosso site: Origem do Cachorro Pitbull e Historia da Raça

Veja também

Marreco de Pequim: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco de Pequim é considerado uma das principais raças atuais de marrecos, ao lado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *