Home / Animais / Ficha Tecnica do Peixe Acará: Peso, Altura, Tamanho e Imagens   

Ficha Tecnica do Peixe Acará: Peso, Altura, Tamanho e Imagens   

Há diversos tipos de animais no mundo inteiro, espalhados pelo ar, pela terra, e também pelos mares e rios de todos os cantos.

No entanto, é de conhecimento geral que há no mar e nos rios diversas espécies de animais marinhos que ainda são completamente desconhecidas.

Isso porque seu estudo, pesquisa e catalogação são um pouco mais difíceis de serem feitos, já que a pressão marinha impede que pessoas e equipamentos cheguem nas profundezas.

Mas os peixes são, certamente, uma das espécies mais conhecidas, comercializadas e servem de alimentação para milhares de pessoas no mundo inteiro.

Por isso, hoje vamos aprender melhor sobre o peixe acará, qual o seu peso, a sua altura, tamanho, características e muito mais.

Continue acompanhando a leitura para você também ficar craque nesse peixe que é muito conhecido na América do Sul.

Características

O peixe acará, ou ainda Escalar, como também é conhecido, é um gênero de peixe que vive nas águas doces, ou seja, em rios.

Presente principalmente na zona norte da América do Sul, o peixe acará possui três principais espécies: acará-bandeira, acará-anão e o acará-Orinoco.

Essas três espécies possuem algumas diferenças, e se distinguem principalmente por suas colorações diferentes, pelo seu formato triangular e também pelas longas caudas e barbatanas dorsais.

Os peixes acarás pertencem à tribo conhecida como Heroini, que está dentro da família Cichlidae.

A biologia desse gênero é ainda muito pouco estudada, no entanto, a primeira que foi estudada foi a conhecida como Pterophyllum scalare por Martin Lichtenstein, um zoólogo alemão, ainda em 1823.

Sua classificação científica é a seguinte:

  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Classe: Actinopterygii
  • Subclasse: Neopterygii
  • Ordem: Perciformes
  • Família: Cichlidae
  • Subfamília: Cichlasomatinae
  • Tribo: Heroini
  • Gênero: Pterophyllum
  • Espécie-tipo: Pterophyllum scalare (Lichtenstein, 1823)

Essa espécie possui um grande valor comercial, e é também umas mais conhecidas e populares nas águas de locais tropicais.

O peixe acará é considerado muito resistente, e é suscetível à várias doenças consideradas infecciosas, porém, possui fácil adaptação e pouca exigência quando em contato com água de pouca qualidade, sendo assim muito indicado para pescadores iniciantes.

Porém, para quem quer ter um peixe acará dentro de aquários ou outras reservas, é recomendado que ele fique só, pois é muito nervoso e pode ser agressivo com outros espécies.

Seu corpo, na parte lateral, é muito comprido e também muito achatado, e possui um formato que lembra um triângulo.

A cor do peixe acará pode variar muito, mas o mais comum é que ele tenha um corpo acinzentado, e em alguns casos, é totalmente preto.

Para a venda nos diversos comércios, é comum também encontrar o peixe acará sendo vendido nas cores laranjas, vermelhos, prateados, amarelos ou brancos.

Alimentação

Todas as espécies de peixe-acará vivem em cardumes, ou seja, com outros da mesma espécie, e eles nadam de forma conjunta, como se fosse apenas um.

Sua alimentação é composta basicamente por pequenos crustáceos, insetos, larvas, alguns peixes e outras matérias orgânicas que podem ser encontradas no fundo das águas doces.

Apesar de aceitaram uma grande variedade de carne para se alimentarem, os peixes acarás são considerados onívoros.

Pterophyllum Scalare

Em sua alimentação é muito comum também ingerir plâncton, zooplâncton, fitoplâncton e algumas espécies de plantas.

Quando são mantidos em aquários ou em cativeiros, podem ser alimentados com rações que vem em flocos, mas na maioria das vezes irá preferir se alimentar de animais vivos, como larvas, mosquitos, artêmias ou dáfnias.

Caso não tenha nada disso no momento, podem comer também cenoura ou patê de coração de boi. Muito variada sua alimentação, certo? O que torna ainda mais fácil de serem cuidados e criados.

Peso, Altura e Tamanho

O tamanho do peixe acará varia muito de espécie para espécie, mas no geral, essa diferença não é muito grande.

O acará-bandeira é considerado a espécie com porte médio, nesse caso, peixes dessa espécie poder chegar a medir cerca de 15 centímetros de comprimento.

Já o acará-anão, como seu nome já indica, é considerado uma espécie de porte pequeno, e é o menor do gênero, e seu comprimento pode chegar a medir cerca de 5 centímetros.

O maior peixe dessa espécie é o acará-Orinoco, e seu comprimento chega a medir cerca de 20 centímetros de comprimento.

No entanto, quando nos referimos ao tipo de corpo, que é triangular e achatados, todos os peixes acará possuem o mesmo formato.

O peixe acará pode chegar a pesar cerca de 1,5kg, porém essa faixa de peso é atingida quando o crescimento do peixe é considerado precoce.

Normalmente, em seu crescimento normal, o peixe acará pesa cerca de apenas 400 gramas, no entanto, o seu sabor inconfundível continua o mesmo.

Habitat e Reprodução

Habitando normalmente as mesmas regiões e locais, o peixe acará possui sua origem nas águas doces da América do Sul.

Preferem os rios que possuem uma abundância vegetal e aquática, e também as águas que mais límpidas e, em alguns casos, podem ser encontrados em águas lamacentas.

Para encontra-los mais facilmente, procure perto de locais que possuem madeiras e também vegetação que está submersa, pois esses locais servem como um local de esconderijo, para poderem se proteger dos predadores.

Os locais que possuem água com baixa dureza e com características um pouco mais ácidas, como o pH sendo inferior a 7,0, são seus lugares favoritos. Em pântanos e lagos de várzea o peixe acará também pode ser encontrado.

A maturidade do peixe acará é atingida quando ele completa cerca de oito meses de idade, e o que destaca essa fase é o início do comportamento reprodutivo.

Peixe Acará Características

Com características territorialistas e de cuidado totalmente paterno, essa é a sua principal estratégia para a reprodução.

Os casais são formados por cortejos sexuais, e isso pode durar cerca de 1 até 2 dias. Quando produzem ovos, os mesmos são colocados em desova de plantas ou ainda em folhas mais largas.

Cada reprodução gera cerca de 300 ovos, mas em alguns casos, com casais que são mais experientes o número de ovos pode chegar até 1000. Eles eclodem após 3 dias.

Gostou do conteúdo? Ficou com alguma dúvida sobre o peixe acará? Não esquece de deixar seu comentário abaixo!

Veja também

Marreco Pompom: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco pompom (crested duck) é uma ave ornamental considerada uma variação genética do marreco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *