Home / Animais / Ficha Técnica da Zibelina: Peso, Altura, Tamanho e Imagens

Ficha Técnica da Zibelina: Peso, Altura, Tamanho e Imagens

Há muitos animais considerados “estranhos” para os brasileiros, em geral pelo desconhecimento em relação a algumas espécies. Isso se dá porque, ainda que seja um país muito grande, o Brasil não possui tantas variações climáticas assim. Na verdade, a maior parte do país é quente, variando apenas o nível de umidade. Dessa forma, no Brasil não existe um animal como a zibelina, por exemplo.

Muito comum na Rússia, a zibelina é popular nos locais frios da Europa, já que esse mamífero não consegue sobreviver a ambientes muito quentes. Por outro lado, a zibelina lida muito bem com a desaceleração no metabolismo gerada pelo frio, além de saber caçar muito bem quando exposta a locais de temperaturas mia reduzidas. Há pequenos grupos da zibelina em locais como Polônia e Alemanha, mas as populações fora da Rússia são muito pequenas.

Isso porque, cada vez mais, a devastação do habitat da zibelina acontece de maneira sequencial na Europa. Mesmo que haja também programas de reflorestamento, um animal pode demorar bastante a retornar a um local depois de ser expulso abruptamente. De qualquer maneira, veja abaixo mais informações sobre a zibelina e entenda melhor como se dá o modo de vida desse mamífero diferente.

Ficha Técnica da Zibelina

  • Peso: cerca de 2 quilos;

  • Comprimento: cerca de 35 a 55 centímetros, sem a cauda;

  • Comprimento da cauda: cerca de 12 centímetros.

A zibelina é um mamífero diferente e bastante misterioso, já que vive apenas em parte da Europa e não lida nada bem com climas tropicais. O cenário faz com que esse animal se veja muito mais restrito em termos geográficos, se limitando a ocupar algumas florestas secundárias e bosques europeus.

Zibelina

Em todo caso, a zibelina possui cerca de 2 quilos quando bem alimentada, o que nem sempre acontece. Porém, o consumo de nutrientes pelo seu organismo se dá muito lentamente, então o animal consegue ficar dias sem comer. Já a cor da zibelina varia, podendo estar entre o marrom claro e o preto.

Tudo depende de fatores genéticos, já que a cor da pelagem desse animal é definida apenas por uma combinação de genes. Também há pequenas diferenças entre as zibelinas que vivem no Japão e aquelas que habitam a Europa: como exemplo, é possível citar que a zibelina japonesa costuma ter manchas pretas perto das patas. Assim, o mamífero em questão pode ter variações importantes.

Comportamento e Predadores da Zibelina

A zibelina é um animal bastante pequeno, então é natural que existam muitos predadores capazes de atacá-la. Como exemplo, é possível citar lobos, tigres, águias e até mesmo ursos. Portanto, a vida de uma zibelina consiste, basicamente, em evitar a presença de predadores. O animal faz isso se movimentando de forma muito veloz, seja pelas árvores ou no solo. Nesse sentido, a cauda da zibelina é de grande ajuda, já que o animal se movimenta tão bem por conta do seu longo rabo.

Ao todo, uma zibelina pode ter até 15 centímetros apenas de cauda, usando-a para se enrolar nos galhos e também para ter equilíbrio ao correr. Em relação ao seu comportamento, a zibelina vive nas partes mais escuras dos bosques ou florestas secundárias. Esse animal não costuma interagir tanto com outros de outras espécies, embora goste de marcar o seu território.

A maior parte da comunicação da zibelina com outros animais da espécie se dá a partir das glândulas odoríferas, já que a zibelina gosta de urinar para marcar sua casa. Por falar em casa, o ninho do mamífero pode se localizar em buracos de árvores, buracos no chão ou entradas de cavernas. Em geral, é preciso que a casa da zibelina seja escura e relativamente aquecida para que o animal possa se proteger bem do frio.

Alimentação e Reprodução da Zibelina

A zibelina costuma demorar bastante para gerar os seus filhotes, pois o período de gestação é longo. Mais precisamente, a zibelina costuma levar de 245 a 295 dias para gerar os seus filhotes. Ao final do período, é possível que nasçam de 1 a 7 filhotes, o que depende de cada animal, além do pai e da sua fertilidade.

O casal apenas se encontra para realizar a reprodução, com o macho de distanciando logo depois desse momento. Os filhotes, ao nascer, costumam ter mais ou menos 9 centímetros de comprimento e cerca de 25 gramas. Com o tempo e a alimentação correta, a zibelina pode crescer ao ponto de atingir o tamanho de uma adulta saudável.

Sobre a alimentação, esse animal gosta de comer peixes, além de itens vegetais. Ademais, pequenos insetos também podem ser consumidos pela zibelina. Um ponto muito positivo desse animal é que o seu corpo está adaptado para viver em ambientes frios. Dessa maneira, a zibelina possui um metabolismo mais lento, podendo ficar muito tempo sem comer.

Estado de Conservação da Zibelina

A zibelina é um animal que ocupa diversos países, como a Rússia, a Polônia e também a Alemanha. Dessa maneira, o nível de conservação do animal pode mudar muito de acordo com o local em questão. Na Rússia, por exemplo, a zibelina é bastante comum em grande parte do país e ainda se faz presente na maior parte das florestas.

Já na Polônia, que costumava ter uma grande população do bicho, a zibelina foi sumindo com o tempo. Seja por conta da caça ilegal ou pelo fato de o seu habitat ser destruído com frequência, o certo é que a zibelina acabou perdendo força no país. O cenário é muito semelhante na Alemanha e também em muitos outros países, pois, por ser pequena e frágil, a zibelina não se mostra capaz de suportar tão bem as mudanças provocadas pelo homem na natureza.

Ademais, esse animal não consegue viver bem em ambiente urbano, pois assusta as pessoas e tende a ter medo dos seres humanos. Mesmo nos países em que os programas de reflorestamento são mais ativos, como é o caso da Alemanha, a zibelina acaba por não retornar em quantidade razoável, já que foi expulsa e grande parte da população morreu ou não foi capaz de procriar. Assim, a zibelina vai desaparecendo do cenário europeu aos poucos.

Veja também

Quanto Tempo Após o Nascimento Pode Dar Banho no Cachorro?

Ter um filhote canino em casa é sinal de bagunça, brincadeira e correria. Por conta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *