Home / Animais / Como Treinar um Basset Hound? Como Adestrar Essa Raça?

Como Treinar um Basset Hound? Como Adestrar Essa Raça?

De acordo com os especialistas nessa raça, não há como treinar ou adestrar um Basset Hound sem antes, necessariamente, conhecer um pouco da sua história; dos processos de cruzamentos que foram levados a cabo ao longo dos séculos para constituir essa raça.

Isso porque o que se sabe é que eles (os Basset Hounds) foram criados para a obtenção de um excelente cão de caça, baixinho, atarracado e com pernas curtas; capaz de enveredar pelos locais mais improváveis à caça de uma boa presa; e ainda com um dos faros mais aguçados de toda essa família Canidae.

Sabe-se, também, que os Basset Hounds caracterizam-se por estarem entre as raças de cães mais preguiçosas de que se tem conhecimento nesse universo canino; na verdade eles não são quase nem um pouco suscetíveis a estímulos, possuem pouca disposição para atividades físicas, apesar de estarem entre os melhores quando o assunto são longas caminhadas.

Os Basset Hounds são teimosos por natureza, costumam ignorar as ordens dos seus donos, e na maioria das vezes são geniosos e indiferentes.

Por isso, o objetivo de um treinamento ou adestramento de um Basset Hound é, antes de mais nada, torná-los mais suscetíveis a comandos, mais facilmente educados em suas necessidades fisiológicas, mais obedientes, entre outras características que os tornem independentes – e os seus donos, obviamente, mais felizes e respeitados por eles.

A Importância Da Socialização No Adestramento E Treinamento Dos Basset Hounds

O trabalho de socialização é considerado fundamental para o adestramento dessa raça. E o que os seus admiradores garantem é que ela deve ser estimulada principalmente entre os 45 e 120 dias de vida do animal – uma fase determinante para a garantia de que você tenha com ele um convívio verdadeiramente rico e agradável.

Essa também é a fase da vida de um cão em que os traumas costumam perpetuar-se (e afetar definitivamente a sua personalidade); por isso o cuidado aqui deve ser em evitar de todas as formas a violência e a exposição do animal a eventos traumáticos.

Conclui-se, daí, que as técnicas de adestramento devem fazer parte da rotina de um Basset Hound desde a fase inicial da sua vida, por meio de “reforços positivos” e recompensas.

Mas também deverão fazer parte dessa rotina a “aprendizagem não-associativa”, “aprendizagem não-observacional”, entre outras técnicas cujo objetivo é tornar o cão independente, ensinar-lhe técnicas de resgate, fazer as suas necessidades fisiológicas no lugar certo, atender a comandos, entre outras necessidades dessa raça.

Porém, não se deve esquecer que essas técnicas devem ser baseadas no amor, na tolerância e na proteção do animal.

Por isso, será necessário abolir e esquecer as técnicas de dominação, de força, o controle autoritário por parte do dono, entre outras práticas bastante comuns no passado, mas que hoje mostram-se extremamente ineficazes – e ainda responsáveis por diversos traumas à personalidade dos cães.

A Importância De Comandar as Ações

No passado, o objetivo do adestramento e dos treinamentos dos Basset Hounds (e de qualquer outra raça) era o de conseguir obter deles a obediência, resignação e submissão – principalmente por meio de castigos e técnicas que restringiam o desenvolvimento da personalidade do animal.

Basset Hound na Grama
Basset Hound na Grama

Porém, as melhores práticas de adestramento e treinamento de raças como o Basset Hound recomendam uma atitude de liderança dos donos em relação aos seus cães. Nada de transmitir a eles os seus temores, agressividade, ou mesmo os seus aspectos mais violentos.

Nada, também, de demonstrar temor ou nervosismo diante do animal, especialmente quando se trata dos Basset Hound – uma raça reconhecidamente teimosa, geniosa, desobediente, e que, certamente, tem o poder de levar os seus donos à loucura, caso não sejam adestrados deste a mais tenra idade.

O Basset Hound é uma raça inteligente e independente por natureza; e como todo cão naturalmente inteligente e independente, eles costumam ser bem mais resistentes ao adestramento – e acredite, eles já saberão, de forma antecipada, que o seu objetivo é tentar mudar-lhe o comportamento e adequá-lo a uma realidade que foge completamente dos padrões da raça.

As Melhores Práticas Para O Treinamento E Adestramento Do Basset Hound

Uma das principais recomendações para os que desejam treinar adequadamente essa raça é dar preferência aos estímulos positivos, recompensas, brincadeiras, premiações, além de ter muita paciência no trato com o animal.

Por mais inacreditável que isso possa parecer, o que se diz é que um Basset Hound tende a fazer de tudo para que você desista dos treinamentos; por isso, no trato com essa raça, a perseverança é, sem dúvida, a ferramenta mais eficaz, e a que garante que os resultados serão alcançados de forma adequada.

Outra coisa importante a saber antes de iniciar o adestramento de um Basset Hound, é que você deverá saber exatamente o que deseja obter dele – se quer educá-los para fazer as suas necessidades fisiológicas no lugar certo, obedecer a comandos, realizar determinadas proezas, entre outras necessidades.

E é somente dessa forma que você irá garantir bons resultados; e garantir, também, que o animal concentre-se de forma adequada no que você deseja que ele aprenda – lembrando sempre que, por ser naturalmente teimoso e desobediente, toda e qualquer técnica só renderá frutos se você estiver disposto (a) a dedicar um tempo bem maior aos treinos do que seria necessário para outras raças de cães.

Outra coisa importante a saber, quando o assunto é adestramento dessa raça Basset Hound, é que eles costumam demorar mais para aprender; portanto, quanto mais persistente você for melhores serão os resultados.

E eles precisam ser treinados a partir dos primeiros 45 dias de vida. Após os 4 ou 5 meses, esqueça! Dificilmente um cão dessa raça poderá ser adestrado adequadamente após essa idade – e nem mesmo com a ajuda de um profissional você irá obter resultados satisfatórios.

No entanto, caso essas dicas sejam seguidas à risca, o que você terá em seu convívio é uma das melhores raças para companhia dentro dessa comunidade dos Canídeos.

Filhotes de Basset Hound
Filhotes de Basset Hound

Muito por conta da facilidade de convívio com crianças, quase nenhuma rivalidade com outros animais, tolerância até mesmo a outros machos no convívio familiar, entre outras características que tornam essa raça Basset Hound incomparável quando o assunto são animais domésticos de estimação.

Gostou desse artigo? Deixe a resposta na forma de um comentário, logo abaixo. E continue compartilhando os nossos conteúdos.

Veja também

Quais os Benefícios do Ovo de Marreca? Para que Serve?

Os marrecos são aves aquáticas pertencentes à família dos Anatídeos. Estas aves produzem uma carne …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *