Home / Animais / Como São Feitas as Conchas do Mar? Como São Formadas?

Como São Feitas as Conchas do Mar? Como São Formadas?

Antes de falar sobre conchas, é necessário falar sobre os moluscos.

Sem uma espinha dorsal, eles são considerados animais invertebrados. Alguns desses animais sequer precisam de conchas, como os polvos, por exemplo.

Aqueles que necessitam do acessório produzem a sua própria concha no mesmo dia em que nascem.

Quando possuem menos de 1 centímetro e ainda se encontram na sua forma larval, estes animais possuem uma concha denominada protoconcha.

Porém, essa fase dura pouco e logo o molusco se encontra capacitado para produzir sua própria concha.

Conchas do Mar – Como São Formadas e Seus Tipos

A partir de um manto que o molusco possui, uma espécie de pele, é que começa a formação da proteção. Do mar o animal vai extrair o bicarbonato de sódio e alimentos que necessita. Além disso, utiliza proteínas e aminoácidos que eles mesmo produz. Dessa forma, a conha é dividida em três camadas:

  • Lamelar: formada pelo bicarbonato de sódio e em formato de lâminas, é a parte que fica em contato com o manto. De acordo com a idade e espécie do molusco, essa parte pode crescer e se regenerar também.
Lamelar

 

  • Prismática: também feita com bicarbonato de sódio, essa é a camada intermediária e apresenta um formato de prisma. Porém, essa parte não pode ser regenerada como a anterior, tendo em vista que é formada durante o crescimento da concha.
Prismática

 

  • Perióstraco: formada com aminoácidos, proteínas e bicarbonato de sódio, é a camada mais externa. Também não pode ser regenerada depois do crescimento completo do molusco. Protege as duas camadas anteriores.
Perióstraco

Existem diversos tipos de conchas espalhadas pelo mundo e a maioria delas foram separadas em grupos por pesquisadores. Confira a seguir uma breve explicação sobre.

Tipos de Conchas do Mar

  • Gastrópodes: Com cerca de ¾ de todos os moluscos, os gastrópodes possuem o maior grupo da filo molusco. Sua conhca, que é feita de apenas uma peça é a sua principal característica. Também pode ser chamada de valva. Quando estão em perigo, os animais pertencente à esta classe se contraem completamente dentro de suas conchas. Ainda, a abertura fica protegida pelo opérculo, que é uma espécie de estrutura calcária.
Gastrópodes

Existem diversos tipos de conchas dentro desse grupo, devido à variedade de animais também existentes dentro da categoria. Entre os mais famosos estão as famílias Turritellidae (em forma de chifres), Triviidae, Trochidae (em forma de cone) e Turbinidae (em forma de turbos). Ainda, as menos conhecidas são Muricidae, Triviidae, Tonnoidea, Cypraeidae, Ranellidae, Haliotidae, Cassidae e Strombidae. É importante notar que cada uma possui suas próprias características únicas e abstratas.

 

  • Escafópodes: A semelhança com uma presa de elefante é a principal característica dos escafópodes. Com aproximadamente 15 centímetros de tamanho, possuem aberturas dos dois lados. Ainda, esses moluscos podem ser encontrados em praias, estando enterrados em locais úmidos.
Escafópodes

 

  • Bivalves: Esses moluscos apresentam conchas com duas peças (duas valvas). Além dos seus principais representantes viverem nos mares, também é possível localizá-los na água doce. Através da filtração da água, onde se escondem diversas partículas que servem como alimentos, é que acontece sua alimentação.
Bivalves

São populares como alimento, como por exemplo os mexilhões e as ostras. Nas bivaldes também é possível encontrar as famosas pérolas. A joia se forma depois de anos que o animal passa filtrando a água, quando algumas partículas acabam de prendendo ao animal.

 

  • Cefalópodes: Muitos se enganam ao achar que esse grupo não possui conchas. Apesar de o principal representante do grupo, o polvo não apresentar nenhuma concha, também existem outros representantes dessa classe, como os náutilos, por exemplo. Com uma conha externa, apresentam tentáculos que saem dessa conha e auxiliam na sua movimentação.
Cefalópodes

Ainda, outro exemplo são as lulas, que possuem conchas internas.

Curiosidade Sobre as Conchas do Mar

Elas são tipos de carapaças que protegem os moluscos marinhos – como já mencionado – que são animais com o corpo mole. Quando esses animais nascem, forma-se ao redor deles, concha provisória, sabia?

Essa é chamada protoconcha, como também já vimos.

Assim que o molusco vai crescendo e atinge, enfim, a idade jovem, as conchas começa tomar aspecto definitivo. Ou seja,  substituindo a primeira formação.

Isso é o chamado de manto, que comporta substâncias formadoras das quatro camadas das conchas.

Além de as conchas apresentaram duas partes, existem também as estruturas com formato de cone. Estas, são produzidas pelos moluscos da classe conhecida como gastrópodes.

Há cerca de 100 mil tipos de conchas de moluscos, você sabia? E, cada uma delas tem o seu próprio desenho e própria forma – no entanto, todas se desenvolvem da mesma forma.

A maioria das conchas tem três camadas, sendo que cada qual recebe um nome, como já vimos.

  • a externa é chamada prismática;
  • a média: a lamelar
  • a interna, chamada de camada do nácar.

Além disso, todas essas camadas contêm carbonato de cálcio. Também, possuem sais minerais.

Usos das Conchas do Mar e Cuidados!

Há séculos as conchas são usadas no dia a dia. Por exemplo, já serviram como cumbucas para seres humanos se alimentarem. Como guarda objetos, também.

Além disso, como itens ornamentais. Mas, hoje, se sabe que não devemos tirar as conchas de seu habitat, isso, porque:

  • Elas têm a função de promover a estabilidade do ambiente marinho;
  • Servem como mataria para a construção de abrigos e ninhos de aves;
  • São substratos para as plantas marinhas;
  • É o abrigo para as algas
  • É a carapaça protetora para ermitões e caranguejos

Veja também

Marreco Pompom: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco pompom (crested duck) é uma ave ornamental considerada uma variação genética do marreco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *