Home / Animais / Como O Tucano Se Locomove? Sistema Locomotor Do Animal

Como O Tucano Se Locomove? Sistema Locomotor Do Animal

Os tucanos, assim como boa parte das aves, locomove-se através do voo, mas, vez ou outra, também podem ser vistos “andando”. Como será que funciona o sistema de locomoção desses bichos em seu habitat natural? Vamos saber a seguir.

Adaptação Ao Voo Dos Tucanos

Por mais que os tucanos vivam nas copas de árvores, e que sejam mais vistos dando pequenos pulos de um galho para o outro, ele ainda continua sendo uma ave, e por isso, uma de suas locomoções é através do voo. Algumas aves se deslocam por meio da natação, como é o caso dos pinguins, e outras, através de corridas, como no caso das emas. Mas, os tucanos estão no maior grupo de aves, ou seja, daquelas que voam.

Só que, para isso, os tucanos (assim como a imensa maioria dos pássaros) passaram por adaptações importantes em seus corpos ao longo da evolução para que pudessem se locomover dessa maneira. Por exemplo, o corpo, especificamente falando, dos tucanos é aerodinâmico e fusiforme (ou seja, em forma de fuso), o que reduz a resistência do ar, e permitem alçarem voo. Sabem os aviões? O princípio é o mesmo.

Fora essa questão, o sistema ósseo desses animais também tem algumas adaptações que permitem que os tucanos voem. Nesse caso, eles possuem o que chamamos de ossos pneumáticos, que, entre outras características, são repletos de cavidades. Com isso, o esqueleto desses animais fica bem mais leve, não pesando na hora de voar.

E, já reparam que a parte peitoral dos tucanos é bem desenvolvida? Pois bem, essa parte do corpo deles também é fundamental para que possam ter condições de voar, possuindo uma musculatura que permite uma movimentação correta os pulmões quando estão em pleno ar.

Por fim, temos a presença de penas bem leves e flexíveis (além de resistentes), e que também auxiliam para que possam voar sem grandes dificuldades. Porém, mesmo que sejam aptos para voar, os tucanos não voam tanto quanto outros pássaros, e vamos explicar o porquê disso.

Não Tão Bom Para Voar

Tucano Voando
Tucano Voando

Mesmo que os tucanos sejam daquele tipo de ave que consegue voar, eles não são exímios nesse tipo de locomoção. Por exemplo, eles, ao contrário de outros pássaros, setem dificuldade em planarem em pleno ar. Ou seja, mesmo que, eventualmente, os tucanos voem para se locomoverem de uma árvore a outra, o que eles mais fazem mesmo é pularem de galho em galho.

Esse comportamento se deve, em grane parte, pelo habitat em que esses animais vivem. Na maior parte dos casos, os tucanos vivem em florestas fechadas, com árvores muito próximas umas das outras. Ou seja, não há uma grande necessidade deles de deslocarem pelo ar a grandes distâncias para comerem, ou mesmo acasalarem (tudo o que necessitam está muito parte deles).

Esses pulos que eles dão de um galho para o outro, inclusive, vez com que até os dedos dos seus pés ficassem adaptados para esse tipo de atividade, possuindo dois dedos voltados para frente e dois para trás. Dessa forma, eles conseguem se segurar melhor nas árvores, sem correrem o risco de caírem. Essa anatomia nos dedos, por sial, é típica de animais que possuem o costume de treparem em árvores.

Ou seja, mesmo que tenham condições para voar, os tucanos, necessariamente, não precisam tanto assim dessa forma de transporte, salvo raras exceções, preferindo o conforto de saltarem de um pequeno espaço para o outro.

Hábitos Mais Comuns Dos Tucanos

Tucano Em Cima da Árvore
Tucano Em Cima da Árvore

O modo de locomoção dessas aves, como já deu para perceber, está diretamente relacionado ao modo de vida desses animais, que passam boa parte de suas vidas nas árvores, seja se alimentando, seja interagindo com outros tucanos, seja descansando.

Tratam-se de aves gregárias, ou seja, vivem em bandos, e por serem aves de matas, saltam mai do que voam. É aos pulos que eles conseguem percorrer grandes distância, sempre fazendo certo barulho, especialmente, ao cair da tarde.

Um de seus hábitos é justamente fazer ninhos nas partes mais altas das árvores (geralmente em suas partes ocas), o que dificulta a ação de predadores, deixando os filhotes mais seguros. Porém, ao redor da árvore onde está o ninho, na maior parte dos casos, têm muitas outras árvores, o que também facilita a locomoção das tucanos pais, especialmente na busca por alimento.

Ou seja, como se vê, as árvores que servem como uma espécie de veículo para os tucanos irem de um lado para o ouro, também servem como abrigo importante para a sobrevivência desses animais. Algo que está em perigo por exemplo, com o desmatamento das áreas onde os tucanos vivem.

Perigo Para Os Tucanos: O Desmatamento

Desmatamento
Desmatamento

Aves de grande porte, como os tucanos, dependem bastante das árvores como forma de subsistência. Por isso mesmo, um dos principais problemas ambientais da atualidade (o desmatamento) afeta demais a vida cotidiana desses pássaros.

Pra se ter uma ideia, nos últimos anos, vem crescendo a incidência de tucanos nas áreas urbanas, especialmente nas cidades próximas ao Cerrado, à Mata Atlântica e à Floresta Amazônica. Por serem animais “oportunistas” e que comem de tudo, os tucanos, quanto menos floresta têm para tirarem sua subsistência, mais eles avançam para centros urbanos, onde são alvos fáceis de caçadores de animais silvestres, por exemplo.

Incêndios nos habitats naturais dessa ave também representam perigo para esse, e outros animais, como é o caso dos incêndios que atingiram a Floresta Amazônica no início desse ano. Só lembrando que os tucanos se alimentam basicamente de frutas, os seus principais alimentos ficam comprometidos com a destruição das árvores.

Tucano na Floresta Amazônica
Tucano na Floresta Amazônica

Inclusive, um estudo recente publicado na revista Science mostrou que em lugares onde os tucanos foram extintos, espécies de palmeiras passaram a produzir frutos bem menores, ao passo que em lugares onde essa ave foi preservado, essas mesmas palmeiras possuíam frutos maiores e mais saudáveis.

Portanto, as árvores não são somente um veículo de locomoção para os tucanos, como também provém a sua alimentação, e essas mesmas aves ainda ajudam num bom desenvolvimento das árvores que lhes dão alimento, numa relação importante para a natureza.

Veja também

Como Cuidar de um Bull Terrier Filhote: Cuidados e Doenças

Os primeiros exemplares do Bull Terrier eram todos brancos e se originaram na Grã-Bretanha por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *