Home / Animais / Com Que Idade o Yorkshire Para de Crescer? 

Com Que Idade o Yorkshire Para de Crescer? 

Com que idade o Yorkshire para de crescer é uma das dúvidas mais comuns sobre a raça. Esse cãozinho brincalhão e protetor pode ser encontrado em pequenas variações de tamanhos. 

No post de hoje, vamos conhecer um pouco mais sobre o Yorkshire, suas principais características e com que idade ele para de crescer. Continue lendo.

Origem do Yorkshire

Yorkshire surgiu na Inglaterra, em uma região também chamada de Yorkshire. Ele seria o resultado do cruzamento entre Terriers com outras raças. Uma das hipóteses para o seu surgimento é que a raça teria sido criada para ajudar os camponeses a caçarem roedores, devido ao seu tamanho.

Em 1880, o Yorkshire chegou à América mas, antes disso, já havia conquistado o colo das madames do seu país de origem. Naquela ocasião, essa raça apresentava vários tamanhos e pesos diferentes, chegando a pesar até 6 kg, o que acabava causando uma certa confusão nas pessoas.

Passados alguns anos, por volta de 1900, ficou decidido que o cão não deveria ser muito grande. Ao contrário, quanto menor ele fosse, melhor seria. Esse passaria a ser o padrão do exemplar. Atualmente, os criadores tentam a todo custo manter os animais pesando até 3 kg.

Principais Características do Yorkshire

Abaixo, listamos as principais características desse exemplar que hoje é bem popular e que pode ser encontrado por todo o mundo.

• Temperamento: esse cãozinho, apesar do seu pequeno tamanho, gosta de aventura. De personalidade forte, ele pode se mostrar um tanto agressivo com outros cães e também com outros animaizinhos pequenos, especialmente se forem mimados por seus donos, pois sabem que estes o protegerão.

É um cão inteligente, e não tem problema em ser treinado. Ele aceita facilmente. Gosta de atenção e, se for deixado de lado por muito tempo, pode não gostar muito. São cães muito adaptáveis ao ambiente em que vivem. Quando o local é calmo, eles tendem a ser calmos também. Em contrapartida, se eles moram em um local mais agitado, eles também se tornarão agitados.

Yorkshire Características

O Yorkshire é bem seguro de si. E isso pode ser comprovado na forma como esse cão se locomove. Ele anda com a cabeça e a calda erguidas, em passos rápidos e claramente com muita autoconfiança. É um cão muito ativo, brincalhão, curioso e cheio de energia. É uma ótima opção como cão de companhia. É protetor e fiél. 

 Pelagem: seus pelos são finos, longos e bem sedosos. Nas cores castanho ou azul-aço, podendo apresentar um tom mais escuro na raiz e mais claro nas pontas). Quando nascem, os filhotinhos têm pelos castanhos e pretos. Com o passar do tempo, eles vão clareando.

Esse exemplar não costuma soltar muitos pelos. Precisa de escovação frequente. Muitas pessoas preferem mantê-lo com os pelos bem curtinhos. Além de evitar os nós, que são bem comuns, também é mais fácil de cuidar.

 Inteligência: apesar de precisar de algumas repetições para aprender os comandos, uma vez que ele aprendeu, esse cãozinho não esquece mais. Ainda que ele seja um pouco teimoso, ele costuma ser muito obediente aos seus donos.

• Cuidados: o Yorkshire necessita de escovação todos os dias e os seus banhos também devem ser frequentes. Banhos semanais é o ideal. 

Uma outra observação importante é sobre os seus dentinhos. Eles precisam ser escovados todos os dias, para impedir que se acumulem placas bacterianas e para que o cão não tenha problema de gengivite. 

Yorkshire deve ser criado dentro de casa. Ele não se adapta bem no quintal. Porém, ele precisa praticar exercícios ao ar livre, interagir com outros animaizinhos e com as pessoas. Também não suporta temperaturas extremas, como muito calor ou muito frio. 

Esse cãozinho desperta nas pessoas a vontade de cuidar e de ficar com ele no colo o tempo todo, como se ele fosse um bebê. No entanto, isso não é bom para o animal. Como a sua origem e essência são de um caçador, ele precisa ficar solto e independente, se exercitando o tempo todo, ainda que seja andando dentro de casa.

É muito importante não ficar com o Yorkshire no colo por muito tempo. Além de limitar os seus movimentos, o cão pode acabar desenvolvendo problemas de coluna e se tornar um animal agressivo também.

• Saúde: tende a ter problemas gastrointestinais, pois possui o estômago bem sensível. Para evitar que isso aconteça, é preciso ficar atento à sua alimentação, que deve ser de qualidade e bem balanceada. 

Além de evitar que o cãozinho fique doente, uma alimentação adequada também contribui para a saúde dos seus pelos, que ficam sedosos e brilhantes.

Esse exemplar pode apresentar problemas ortopédicos, como a patinha com luxação, por exemplo. Esses problemas são comuns em raças de cães pequenos. 

Outra situação que pode ocorrer é o cãozinho ter dentição dupla, que é quando nascem os dentes permanentes antes que os de leite tenham caído. E ficando ambos na boquinha do animal. Isso pode acabar causando problemas como gengivite e acúmulo de placas, além de mau hálito também. Caso os dentes de leite não caiam até o cão completar um ano de idade, é importante levá-lo ao veterinário para que ele possa ser avaliado.

• Expectativa de vida: um Yorkshire pode viver entre 12 e 14 anos.

Com Que Idade o Yorkshire Para de Crescer?

Depois de conhecermos as principais características desse cãozinho tão meigo, é hora de entendermos com que idade o Yorkshire para de crescer. Essa informação é muito importante para quem deseja ter um cão em casa, principalmente por causa do espaço disponível para criar o animal.

Muitas pessoas, ao adotarem um cãozinho, não se atentam para essa informação e acabam tendo uma surpresa com o passar do tempo. 

Em geral, os cães de pequeno porte, com um peso inferior a 10 kg, como é o caso do Yorkshire, crescem bem rápido. Com 10 meses eles já chegaram ao seu tamanho final. Ou seja, crescem até completarem 10 meses de idade.

Importante!

Antes de comprar um Yorkshire, certifique-se das características da raça, procure um canil de confiança, procure saber como o canil cuida do animal, e não compre um exemplar com características que não condizem com os padrões da raça. Muitas pessoas fazem cruzamentos que são prejudiciais para a saúde do animal.

Veja também

Canguru-Cinza-Ocidental

Cangurus São Violentos? Eles São Perigosos Para Humanos?

Para quem não conhece a vida fora do próprio país, conhecer lugares do outro lado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *