Home / Animais / Cavalo Pangaré: Características, História, Origem e Fotos

Cavalo Pangaré: Características, História, Origem e Fotos

A relação entre cavalos e seres humanos é bem antiga. Estudos destacam que eles foram domesticados há mais de quatro mil anos e sempre foram muito úteis para o auxílio e o desenvolvimento de diversas atividades. São animais que possuem  crina, rabo e podem ser apresentar em diversas cores e tamanhos que variam de acordo com a raça que pertencem. São bons corredores e se alimentam basicamente de capim e feno.

Quais as Características do Cavalo Pangaré?

Pode ser considerado pangaré o cavalo que possui a pelagem descolorida em algumas parte dos corpo.  É mais comum a presença de um pelo esbranquiçado no focinho, ventre e  parte interna das coxas do animal.

O termo “pangaré” também pode ser usado pejorativamente para caracterizar um cavalo que gosta de fazer manha ou que não serve para as atividades as quais é designado. Também pode nomear os cavalos sem raça definida que são muito utilizados em atividades pesadas nas regiões rurais do Brasil.

A Pelagem dos Cavalos

O pelo dos cavalos pode ser apresentar em diversos tons. A cor predominante do animal pode sofrer alterações de acordo com a idade, alimentação, clima e até mesmo com a  época do ano. Para se ter uma ideia, somente aos dois anos de idade é possível saber qual a cor que o pelo do animal terá na idade adulta. Algumas raças nascem com pelos bem escuros que vão clareando conforme o passar dos anos.

Por mais que algumas características sejam mais importantes que a pelagem, ela pode ser considerada um fator muito importante para os criadores. Determinadas cores do pelo são muitas vezes associadas a um melhor desempenho do animal.

Pelagem dos Cavalos
Pelagem dos Cavalos

Além do pangaré, outros tipos de pelagem também são bem comuns no Brasill como: mouro, preto, alazão, colorado, gateado, pampa e tordilho.

Características e Origem dos Cavalos

O cavalo é considerado um animal de muita utilidade para o homem. Há milhares de anos ele serve como meio de transporte, alimentação e como forma de entretenimento e esporte. Não existem estudos que comprovem com precisão qual local surgiram os cavalos, entretanto, alguns vestígios indicam que já na era glacial eles já frequentavam boa parte dos continentes do mundo. Atualmente, os cavalos habitam todas as regiões do mundo, com exceção de locais que as temperaturas muito baixas.

As principais raças brasileiras são o Mangalarga paulista, o Mangalarga Marchador, o Guarapuara, além do crioulo e a raça campeira. Estima-se que existam mais de cinco milhões de cavalos no país.

Os cavalos podem pesar até 500 quilos e podem atingir mais de dois metros de comprimento. São animais rápidos que podem alcançar mãos de 60 km/h. Seu corpo é coberto por pelagem curta, lisa e com variação de coloração a depender da raça que pertencem.

As orelhas desses animais costumam se movimentar ao detectarem som e possuem um formato pontiagudo. A cabeça é alongada e constitui uma das características mais marcante dos cavalos.

Hábitos Alimentares e Reprodução do Cavalo

Os cavalos são animais que se alimentam basicamente de vegetais, em especial, o capim. Comem muito para poder manter o seu porte e chegam a passar mais de 15 horas se alimentando. Quando domesticados também podem comem rações e alguns grãos.

Quando vivem em grupos possuem um sistema eficiente de comunicação entre os indivíduos. Alguns sinais são utilizados para indicar perigo ou ameaças, enquanto outros sinalizam luta entre membros da espécie. São animais inteligentes que consegue expressar quando estão sentindo medo ou quando estão mais agitados.

Com relação a reprodução ela acontece no período de cio da égua. Nessa época, as fêmeas costumam permitir a aproximação dos machos para o acasalamento. Para atraí-los elas costumam urinar, mostrar o seu órgão sexual e em seguida copular. A gestação dura aproximadamente 360 dias.

De uma gestação, a égua dá a luz a apenas um cavalinho, que chamamos de potro. Logo após o nascimento, o filhote já começa caminhar.

Curiosidades Sobre os Cavalos

Separamos algumas curiosidades sobre esses animais tão amáveis e inteligentes. Confira:

  • Os cavalos são animais muito antigos. Estima-se que 6000 anos antes de Cristo eles já eram domesticados pelos homens. Inacreditável, não é?
  • O grupo é comandando por fêmeas, assim como acontecem em algumas espécies de macacos e entre os elefantes.
  • O período de gestação do cavalo é maior que o do homem, durando aproximadamente onze meses.
  • Os cavalos possuem uma boa memória e podem reconhecer alguém que ele viu há muito tempo.
  • São bichos que vivem durante muitos anos.
  • É possível que um cavalo beba diariamente mais de 40 litros de água.
  • Existem mais de trezentas raças de cavalo em todo o mundo.
    Raças de Cavalos
    Raças de Cavalos
  • Ao consumo da carne de cavalo é muito comum nos continentes asiático e europeu. Embora no Brasil não tenhamos esse costume, o país pode ser considerado um dos principais produtores da carne do animal em todo o mundo. No Japão, a carne pode ser servida até mesmo crua.
  • Os cavalos são amplamente utilizados em diversas modalidades de esportes.
  • As raças brasileiras mais populares são: crioulo, mangalarga, pampa e campolina.
  • Você sabia que os cavalos dormem em pé? Pois é! Eles costumar tirar aquele “cochilinho” sem precisarem ficar deitados.
  • Pertencem ao gênero Equus e o nome científico da sua espécie é Equus Ferus. O nome “cavalo” deriva do latim “caballus”

Gostou de aprender um pouco mais sobre os cavalos e descobriu quais são as características do pangaré? Não esqueça de deixar um comentário ou sugestão logo abaixo. Que tal compartilhar esse artigo com os seus amigos nas redes sociais? Ficamos por aqui e até a próxima!

Veja também

Asno Catalão: Características, Nome Científico e Fotos

O asno catalão (equus asinus) é considerado o símbolo nacional não oficial da Catalunha, que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *