Home / Animais / Camaleão-Pantera: Características, Nome Cientifico e Fotos

Camaleão-Pantera: Características, Nome Cientifico e Fotos

Características do Camaleão-Pantera

Animal tradicional e típico de Madagascar, esse animal possui o dom de mudar para diferentes colorações e até mesmo indicar no caso das fêmeas que estão grávidas. Nos anos 90 foi muito caçado e procurado para ser cultivado em cativeiros nos países americanos e europeus. Devido à grande exigência de ONG’s e outros responsáveis pelos locais que eles habitam normalmente, hoje em dia sua procura caiu significativamente e ele passou a ser estudado entre os que já haviam sido capturados e na própria natureza.

Os machos podem chegar até 50 centímetros e as fêmeas até 35 centímetros  esse tamanho varia conforme for criado dentro ou fora da natureza, podendo ser menos quando criados em cativeiros. Eles não necessitam de tantos cuidados como as maiorias dos camaleões, por conta disso ficou tão famoso anos atrás. Além disso, a beleza de suas cores vivas e facilidade de troca-las conforme a necessidade de sobrevivência são coisas realmente espetaculares e importantes quando pensamos em estudos dessa espécie.

Eles podem ter até 11 cores diferentes, incluindo as faixas que ficam em seu corpo, além de outros quesitos que são únicos e os machos podem ter especificações de acordo com o local de origem, diferente das fêmeas que tem predominância em cores mais marrons e cinzas e por conta disso, poucos sabem dizer de forma concreta de onde saíram. Saber sua origem é importante pois os hábitos e costumes variam também geograficamente. Interessante não?

Algumas pessoas gostam de ter repteis dentro de seus lares e sua procura não é das mais difíceis e eles não são dos mais estranhos de se acharem. Porém sempre busquem em estabelecimento credenciados pelo IBAMA e que já tenham nascido em cativeiro.

Informações Relevantes Sobre o Camaleão-Pantera

  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Classe: Reptilia
  • Ordem: Squamata
  • Família: Chamaeleonidae
  • Género: Furcifer
  • Espécie: Furcifer Pardalis

Esses são os termos técnicos e biológicos da espécie camaleão-pantera. Vamos ver mais abaixo sobre sua reprodução, alimentação e habitat.

  • Alimentação

Estamos falando de um animal insetívoro, ou seja, gosta de moscas, grilos, baratas, entre outros insetos que estejam a sua disposição. Uma boa dica caso esteja pensando em comprar um e verificar a velocidade de captura com sua língua o inseto para consumo, além de acompanhar seus olhos e movimentos. Em habitat natural, esses animais saberão identificar as melhores presas e ingeri-las. No caso de cativeiro, lembre-se sempre de comprar as refeições de seu animal em lojas especializadas pelo valor nutricional e também cuidados de higiene que são extremamente importantes para todos os casos de saúde e crescimento.

Algumas pessoas colocam pequenos roedores para que eles possam se alimentar algumas vezes por mês como maneira de incentivar seu crescimento, embora isso não seja muito indicado, pois essa situação não ocorre de verdade no reino animal.

A água deve ser colocada em conta gotas ou um pequeno recipiente de maneira não armazenar suja e assim trazer insetos que fazem mal à saúde humana. Em habitat natural, obviamente o camaleão saberá seu momento de sede e onde encontrar rios e lagos mais próximos para ingeri-la.

  • Reprodução

Os camaleões são seres que gostam de viver isolados e só saem para acasalar. Os machos disputam entre si a fêmea, e aquele mais forte, com a cor mais vibrante e trejeitos mais inflados ganha. O perdedor volta a sua cor mais escura. Após a relação, os machos voltam aos seus territórios e as fêmeas carregam os ovos pelo seu corpo, mais precisamente na parte debaixo de sua barriga.

Para indicar aos machos que não tem interesse em se reproduzir e está “grávida”, elas ficam em tons de marrom com listras laranjas, isso por si só faz com que os machos se afastem e não as incomodem no processo de desova. As mães camaleões ajudam os filhos por algumas semanas a caçarem e se alimentarem e a partir do sétimo mês, eles estarão prontos para entrar em fase reprodutiva. Os ovos podem demorar até mais de um ano para eclodirem, acho que é bem demorado se comparado aos outros repteis.

Filhote de Camaleão-Pantera
Filhotes de Camaleão-Pantera

Uma sutil e curiosa diferença é que a fêmea dessa espécie ao contrário dos demais animais, vive por bem menos tempo  cerca de 4 anos  e os machos podem sobreviver por até mais de 10 anos, sendo algo que chama atenção já que o sexo feminino tem uma vida mais tranquila e mais agressiva que os animais do sexo masculino.

As fêmeas algumas vezes podem ser territoriais, porém, não chegam a se agredir, elas apenas ficam tristes, sem comer e os imprevistos dessas ações que fazem com que elas vão a óbito muitas vezes quando colocadas em cativeiros junto com outras e não administrado os devidos cuidados em relação a sua saúde.

  • Habitat

Eles gostam de locais quentes, úmidos e com muito verde para que se assemelhe bem a uma selva ou estejam realmente em uma selva. Alguns camaleões pantera foram levados para outros locais como meio de expansão e prevenção graças a industrialização em Madagascar afim de evitar que esse animal entrasse em extinção ou qualquer outra situação alarmante de perigo em razão de ações dos seres humanos.

Caso tenha interesse em tê-lo em cativeiro, pesquisa bem a fundo junto a uma loja especializada até mesmo sobre qual lâmpada usar e quais folhas adequadas, já que algumas podem até mesmo ser tóxicas para os camaleões. Ele não tem costume de se alimentar por folhas e frutos como alguns outros, porém, em qualquer circunstância ter um pouco de cuidado nunca é demais e vale a pena a prevenção para que ele possa viver por muitos anos de maneira feliz em um local adequado.

Não ter flores com espinhos ou outros objetos cortantes também é algo que vale ser lembrado na preparação do seu terrário. É comum a presença de lagartixas ou outros repteis menores dentro de aquários de vidro, mas, no caso do camaleão pantera isso não é aconselhável já que a emissão de luz do sol podem até mesmo queima-los, além de ter uma força física maior para quebrar esses locais e se machucarem, ou dependendo da situação  caso você esteja em viagem  o camaleão fuja e se perca.

Para saber mais como manter um camaleão saudável ou apenas curiosidade sobre ele, continue pesquisando no Mundo Ecologia!

Veja também

Tudo Sobre a Raça de Cachorro Pug: Características e Fotos

Tudo o que podemos falar sobre a raça de cachorro pug é que ela é …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *