Home / Animais / Banheiro Para Cachorro Em Apartamento Com Água: Como Fazer?

Banheiro Para Cachorro Em Apartamento Com Água: Como Fazer?

Aprender a fazer um banheiro, com água, para o seu cachorro em um apartamento pode fazer toda a diferença nessa relação entre você e o seu animal de estimação, pois não há como negar que xixi e cocô só competem mesmo com os latidos insuportáveis à noite pelo título de pior inconveniente nessa relação.

Por isso mesmo já existem maneiras fáceis e artesanais de resolver esse intrincado problema, assim como também invenções dignas de nota, como uma conhecida pelo nome de Weasy – uma curiosa invenção de um casal que, como todos os donos de cães, sofria com uma rotina de limpeza e sujeira que conseguia competir com a rotina de tarefas normais da própria casa.

Foi em 2016 que veio a ideia: Por que não fazer um banheiro só para eles – a sua dupla de cães – , e dessa forma amenizar uma rotina que, para a opinião da maioria dos donos de cães, é o que há de pior na criação de animais de estimação? Então foi justamente o que eles fizeram.

E a solução, de tão simples, fez com que muitos logo pensassem: Mas como é que eu não pensei nisso antes? Pois uma estrutura semelhante a uma bandeja apenas precisa ser posicionada no local onde os cães foram ensinados a usar sempre que houver necessidade.

A bandeja possui uma espécie de gradil sobre ela, e sempre que bater aquela vontade, é só utilizá-la; e o seu papel será apenas o de ligar a torneira para que os dejetos sejam lançados tubulação abaixo.

A Importância De Saber Como Fazer O Seu Cachorro Usar Um Banheiro Em Apartamento

Tão importante quanto saber como montar um banheiro para um cachorro em seu apartamento é conseguir convencê-lo a usá-lo.

O problema é que, para os cães, a urina funciona como uma excelente ferramenta para a demarcação de território, e é por isso mesmo que é tão comum chegar em casa e encontrar pequenas porções estrategicamente localizadas nos lugares mais improváveis da casa.

A saída para isso? Infelizmente é ter sempre alguém em casa, disciplinando-os. Você terá que desenvolver a percepção de quando surge neles a vontade, e aí então levá-los ao banheiro – não esquecendo, porém, do “reforço positivo”; aquelas premiações que se deve dar sempre que o animal faz a coisa certa.

Você terá que ser paciente! Deverá saber, também, que até uma certa idade (até os 6 meses, mais ou menos) eles não terão ainda o controle total sobre as suas necessidades fisiológicas; não existe a garantia de que terá uma casa limpa e perfumada; aqui e ali ainda irá deparar-se com urina para limpar, fezes a recolher, até que, por volta dos 7 ou 8 meses, eles já estejam aptos a verdadeiramente aprender.

Outra coisa de que você deverá estar ciente é de que cada cão aprende em um determinado tempo. Existem os mais facilmente adestráveis, os menos. Existem aqueles que parecem que não irão aprender nunca, e os que parece que já nascem sabendo.

Acredita-se que os Cães-pastores, Golden retriever, Dobermans, Labradores, entre outros, estejam entre os mais facilmente adestráveis, enquanto, ao que parece, os Beagles, Shar peis, Buldogues ingleses, Dachsunds, entre outros, são os que mais dão dores de cabeça durante as sessões de aprendizagem.

Mas, via de regra, podemos dizer que entre 4 e 7 semanas um cão, daqueles que são facilmente adestráveis, pode aprender a usar o banheiro para cachorro que você montou em seu apartamento. E isso será, sem dúvida, um alívio!, um verdadeiro paraíso na terra!, e que ainda ajudará a tornar a sua relação com o animal muito, muito mais agradável.

O Que Saber Antes De Fazer Um Banheiro Para O Seu Cachorro No Apartamento

Como dissemos, o segredo de conseguir fazer com que um cachorro faça as suas necessidades em um local correto é ter paciência. Muita paciência!

Pois esse é uma espécie de jogo de tentativa e erro, em que ele certamente, a uma certa altura, dará a impressão de que não irá aprender, ou de que esqueceu tudo o que você ensinou; mas isso é parte do processo, ele irá aprender, já que, como sabemos, um animal não possui um “ego” desenvolvido para atrapalhar tudo.

Ensinando Cachorro Fazer Xixi no Lugar Certo

Outro passo importante é definir o local onde ficará o banheiro. Esse local deverá ser, necessariamente, um espaço próprio para eles; porém afastado de onde eles dormem e comem, pois uma característica marcante nos cães é justamente não gostarem muito de misturar esses espaços – o das necessidades fisiológicas com o de descanso.

E nesse local também não deverá haver um trânsito muito intenso de pessoas, já que, por questões óbvias, eles jamais irão aprender se não tiverem a certeza de que sempre que surgir a necessidade o seu banheiro estará ali, esperando por eles.

Importante também é saber que os cães não gostam de sujeira e de um ambiente desorganizado! – e isso costuma ser uma surpresa para muitos donos de animais.

Portanto, dê preferência para materiais de qualidade. Um banheiro para cachorro feito (ou montado) em um apartamento deverá possuir sistema de água corrente e limpa. O material também deverá absorver (ou escoar) corretamente os resíduos, pois, do contrário, eles dificilmente habituar-se-ão com o local.

E, por fim, espaço! Muito espaço! Se possível, faça com que o banheiro localize-se em um local amplo e bastante espaçoso.

Isso porque, como se sabe, os cães apreciam rodar, girar, fuçar, para só então decidir-se por fazer ali as suas necessidades. Esses esquemas é o que farão com que aquilo torne-se um hábito; e, a partir daí, encontrando as condições ideais (as que eles mais apreciam), tudo o que eles irão querer é utilizar sempre aquele local.

E, no mais, é não esquecer dos cuidados que todos os cães exigem: Passeios diários, visitas regulares a um bom veterinário, ração de qualidade (e nunca restos de comida), um ambiente saudável e equilibrado, água em abundância e amor, bastante amor! Sem dúvida a receita (e o segredo) para uma convivência sadia e feliz com o seu animal de estimação.

Esse artigo foi útil? Tem algo que queira acrescentar? Faça isso na forma de um comentário, logo abaixo. E continue compartilhando os nossos conteúdos.

Veja também

Alimentação do Cachorro Pinscher: O Que Eles Comem?

Enérgico, curioso e perspicaz, tem muita gente que considera o pinscher uma raça divertida. Sua …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *