Home / Animais / Baleia Narval: Características, Tamanho, Peso, Hábitos e Fotos

Baleia Narval: Características, Tamanho, Peso, Hábitos e Fotos

As baleias podem ser muitas vezes confundidas como parte de alguma espécie de orcas. Porém, o que muitos não sabem, é que as orcas fazem parte da família dos golfinhos, consequentemente elas são um golfinho e não baleias. Mesmo elas possuindo várias características em comum, elas não pertencem à mesma família.

Hoje vamos falar especificamente sobre a espécie das baleias narval, cujo nome cientifico é Monodon monóceros e que pertence a família Monodontidae. O nome científico dessa espécie de baleia vem do grego e quer dizer “um dente/ um chifre” ou “unicórnio dentado”.

Conforme você for lendo esse texto, você vai ir conhecendo quais são as principais características dessa espécie de baleia, qual o seu tamanho, o seu peso, onde elas habitam, como elas se comportam  e como ocorre a sua reprodução.

Características

A baleia narval está rigorosamente relacionada a baleia beluga, juntas são as únicas espécies existentes da família Monodontidae, conhecida popularmente como “baleias brancas”. Os animais marinhos dessa espécie são diferenciados por possuírem um tamanho médio, focinhos curtos e por não possuírem uma verdadeira nadadeira dorsal.

As baleias narvais machos se diferenciam no oceano por possuírem uma espécie de “presa”, é uma presa que contém um formado de hélice, é longa e reta. Essa presa na verdade é um canino superior esquerdo alongado. A presa cresce ao longo da vida da baleia, podendo atingir um comprimento de 1, 5 até 3, 1 m. Apesar de possuir uma aparência única, ela é oca por dentro e pesa apenas cerca de 10 kg. Às vezes pode ocorrer da baleia possuir mais de uma presa, contendo duas, porém esse caso ocorre apenas em 1 a cada 500 narvais machos. Podem acontecer também de crescer presas nas fêmeas, portanto esse acontecimento é algo considerado raro. Afirmam que apenas 15% das narvais fêmeas possuem presas e as presas que podem crescer nas fêmeas são menores e mais retas que as dos machos. As fêmeas também podem produzir duas presas (igual o macho), mas só existe um único caso registrado de uma fêmea que continha presas duplas.

A baleia narval apresenta uma pigmentação padrão, com manchas castanhas escuras sobre um fundo branco. Elas possuem uma cor mais escura quando nascem e a cor vai se tornando mais clara conforme os anos vão passando. Os narvais machos idosos podem chegar a serem praticamente inteiros brancos.

Essa espécie não dispõe de uma barbatana dorsal, isso possivelmente é uma adaptação evolutiva para que consigam nadar sob o gelo de maneira fácil. Além disso, as vértebras do pescoço não são unidas através de um conjunto, mas são articuladas, como as dos mamíferos terrestres.

Tamanho e Peso

As baleias narvais são baleias que possuem um tamanho médio. Seu tamanho total pode variar de 3, 95 m a 5, 5 m, sem cortar com a “presa” que o macho pode possuir. O tamanho do macho, sendo um pouco maior que a fêmea, é em média 4, 1 m e o tamanho médio da fêmea é de 3, 5 m.

O peso da baleia narval adulta pode variar de 800 a 1.600 kg.

Alimentação

As baleias narvais não possuem uma dieta muito flexível, sua alimentação é relativamente restrita e especifica. Sua base alimentar é composta principalmente por polar e bacalhaus do Ártico, alabotes da Gronelândia e camarão e lula. Podem comer também peixe lobo, ovos de rajidae, capelim e as vezes pode ocorrer das baleias ingerirem rochas quando elas se alimentam muito no fundo do mar. Por conta da sua falta de dentição bem desenvolvida na boca, acredita-se que as baleias narvais se alimentam nadando em direção a presa até que ela esteja dentro do alcance e, em seguida, a sugando com a força de sua boca.

Essa espécie de baleia evoluiu sistemas complexos e sofisticados que conseguem usar o som para investigar o ambiente em que estão e para encontrarem comida.

Dezenas de Baleia Narval
Dezenas de Baleia Narval

Habitat

As baleias narvais são principalmente encontradas no Ártico canadense e nas águas próximas a Gronelândia. Raramente essa espécie é encontrada ao sul da Terra.

Através de evidências fósseis afirma-se que antigamente as baleias brancas viviam em águas tropicais. Elas migraram para as águas árticas e sub-árticas provavelmente por causa das mudanças na cadeia alimentar marinha.

Comportamento

As baleias narvais são uma espécie migratória. Com a chegada da primavera os canais de gelo são abertos e as baleias retornam as baias costeiras. Essas baleias possuem uma alta fidelidade de retorno aos seus lugares preferidos. Nos meses de verão, elas se movem para mais perto das costas. Durante o inverno, se movem para águas mais profundas no mar, debaixo dos gelos grossos que se formam. A alimentação da baleia narval aumenta muito durante o inverno, pois elas têm que gastar mais energia, e como são predadores marinhos, elas são as únicas (dos animais que vivem nas águas profundas do ártico) que conseguem ter sempre uma exploração atrás de alimento bem sucedida.

A adaptação mais notável dessa espécie de baleia é a capacidade que elas possuem de realizar mergulhos profundos. Essa baleia vê através do som. Durante o inverno elas mergulham cerca de 800 metros e cerca de 15 vezes ao dia. Já durante o verão elas mergulham em torno de 30 a 300 metros apenas.

As baleias narvais se reúnem geralmente em grupos de cinco a dez indivíduos, às vezes podendo conter até 20 membros se não estiver no verão. Os grupos podem conter somente fêmeas e jovens ou podem ter grupos apenas com jovens ou com adultos machos. Durante o verão, vários grupos se juntam, desse modo, formando agregados maiores. Esses agregados podem possuir de 500 a mais de 1000 indivíduos.

Quando os narvais machos fazem parte desses agregados eles estabelecem uma forma de hierarquia, que é formada através de lutas que envolvem suas presas.

Reprodução

A maturidade sexual do macho ocorre entre seus 11 e 13 anos de idade, já a da fêmea ocorre entre seus 5 e 8 anos de idade. As fêmeas podem ter filhotes com 6 a 8 anos de idade. As baleias narvais adultas geralmente se acasalam em abril ou maio, quando estão no bloco de gelo no mar. A gestação dura em média 14 meses e os filhotes nascem entre junho e agosto do ano seguinte. Os filhotes são cuidados por sua mãe por cerca de 20 meses. O período de lactação fornece a eles tempo suficiente para aprenderem as habilidades necessárias para sobreviverem. A mãe e o filhote estão geralmente pertos um do outro, e quando a mãe está viajando, o filhote fica perto das costas da mãe, onde ele pode obter ajuda para nadar.

Filhote de Baleia Narval
Filhote de Baleia Narval

Pescas

As baleias narvais foram caçadas por mais de mil anos pelos povos que habitavam o norte do Canadá e da Gronelândia. Elas eram caçadas por causa de sua carne e do marfim. E essa caça continua até hoje, porém, de maneira regular.

Mesmo que a população de baleia narvais pareça estável, elas são particularmente vulneráveis as alterações climáticas, devido a uma distribuição geográfica restrita e sua dieta específica.

Veja também

Cachorro Terra Nova

Tudo Sobre a Raça Terra Nova: Características e Fotos

Hoje vamos conhecer mais uma raça de cachorro bem bacana e incrível, é a raça …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.