Home / Animais / Aruanã-Pérola: Características, Nome Cientifico, Habitat e Fotos

Aruanã-Pérola: Características, Nome Cientifico, Habitat e Fotos

Existem diversas espécies de peixes de água doce e um deles é o aruanã pérola. Essa espécie é bastante conhecida como língua de osso, devido ao animal possuir um osso dental na parede da boca, a “língua”, que possui dentes que mordem um contra o outro no céu da boca.

Que tal conhecer um pouco esse peixe, suas características e muito mais? Então acompanhe esse artigo até o final.

Peixes são animais vertebrados que vivem na água. Geralmente possuem um corpo fusiforme, onde seus membros são modificados em nadadeiras ou barbatanas que são amparadas por ossos ou cartilagens. Esses animais respiram oxigênio na água e a maioria deles possui o corpo coberto por escamas.

Peixes: Origem e Importância

Os primeiros tipos de peixe, chamados de Istracodermas, tiveram sua origem a aproximadamente 510 milhões de anos atrás, no período Cambriano. Esses peixes eram bem diferentes dos que conhecemos hoje, pois não tinham mandíbulas e seu corpo era recoberto de placas ósseas.

Os peixes estão em todos os ecossistemas, tanto na água salgada como na água doce, desde as águas rasas da beira da praia até as profundezas de rios e oceanos.

Peixe Aruanã Pérola

Os peixes são muito importantes, principalmente na área de alimentação, além de serem usados para pesca recreativa, como animais de estimação ou ainda para exposição em aquários. Além disso, ao longo dos tempos, os peixes tiveram um papel considerável na cultura, servindo como tema para artes, filmes, livros e também como símbolo religioso ou divindade.

Entretanto, existem espécies de peixe que são perigosas para o homem, como é o caso do peixe escorpião, que possui veneno em seus espinhos. Também há os tubarões que podem atacar as pessoas na praia. Nada obstante, apesar da grande diversidade, algumas espécies estão sendo ameaçadas de extinção, devido a perca de habitat e principalmente devido a pesca excessiva.

Características e Habitat do Peixe Aruanã

Aruanã vem do tupi antigo e quer dizer hábil e jeitoso. Os peixes aruanãs são da família Osteoglossidae e são bastante conhecidos como língua de osso. Seu corpo é coberto por escamas bem grandes de coloração brancas e ficam vermelhas na época de desova.

A espinha dorsal é longa, de cor verde escuro, enquanto os centros das escamas do flanco são dourados ou prateados. Seu corpo é bastante comprido e alongado, com uma linha lateral bem evidente e curta. A boca é admiravelmente grande, com barbilhões no queixo e sua língua é óssea e áspera. Um aruanã pode pesar até cinco quilos e medir em torno de um metro de comprimento.

Esse peixe é obrigado a respirar ar, assim ele pode obter oxigênio pelo ar ao sugar o saco de gás, que fica alinhado com seus capilares como tecido. Em lugares onde a água é pouco oxigenada, esse peixe nada com seus barbilhões alinhados à sua frente, para que consiga oxigênio na superfície.

Seu nome científico é Osteoglossum bicirhossum e, no Brasil habita as bacias Amazônica e de Araguaia, em Tocantins. Seu habitat natural inclui pequenos igarapés e rios, além de trechos inundados nas florestas. Eles vivem bem próximos da superfície para poder caçar.

Espécies de Aruanã

A família Osteoglossidae possui duas subfamílias, com pelo menos dez espécies. Citamos algumas delas a seguir:

  • Aruanã Negro
Aruanã Negro
  • Aruanã Prateado
Aruanã Prateado
  • Aruanã Pérola
Aruanã Pérola
  • Aruanã Dourado
Aruanã Dourado
  • Aruanã Pintado
Aruanã Pintado

Estudos mostram que a linhagem desse peixe diverge cerca de 220 milhões de anos atrás, quando chegou o fim da era do Triássico.

Aruanã Pérola

O aruanã pérola, de nome cientifico Scleropages jardinii, é também conhecido como Saratoga do Golfo, Saratoga do Norte, Toga, Berramundi ou ainda Aruanã Australiana. Ele é nativo de Nova guine e da Austrália. Trata-se de um peixe com o corpo escuro e longo, com 7 fileiras de grandes escamas, onde cada uma tem várias manchas rosadas ou avermelhadas espalhadas de forma crescente em volta da borda da balança, o que dá a aparência perolada.

Suas barbatanas peitorais são grandes, em formado de asa, e o animal pode medir até 90 cm de comprimento e pode pesar até 17 quilos, sendo um dos peixes mais robustos da família Osteoglossidae.

A espécie pode ser criada em aquário, pois trata-se de um peixe ornamental.  Porém, eles precisam de um tanque amplo e com uma tampa bem pesada, já que o animal costuma saltar. Como é um animal territorial e agressivo, costuma atacar outros peixes de cores chamativas. Desse modo, não é recomendado deixar esse peixe em um aquário com outras espécies.

Alimentação do Aruanã

Aruanãs são carnívoros e se alimentam de comidas da superfície, pois conseguem saltar fora da água a mais de dois metros de altura, capturando insetos e aves que estão nos galhos próximos do rio ou voam baixo. Devido a essa habilidade, os aruanãs receberam o apelido de “macacos d’água”.

Além de saltar para fora da água para se alimentar, o aruanã salta para escapar de seus predadores, sendo o Boto um deles. Sua alimentação inclui animais invertebrados terrestres e aquáticos, dentre eles estão as aranhas, os insetos, sapos, cobras, peixes, lagartos e aves, como pequenos pássaros e até morcegos.

Outras Informações

Os peixes aruanãs frequentam lagos mais rasos e a floresta alagada, durante as cheias. Assim, eles podem ser observados nadando em pares, perto da superfície, nas águas da bacia do Tocantins e da bacia Amazônica. Quando são vistos em pares, pode indicar que estão em época de reprodução.

Os maiores sentidos do aruanã são a visão e os barbilhões que ficam no queixo, abaixo da mandíbula. Os aruanãs são bastante cuidadosos com sua prole, onde protegem seus filhotes na boca. Isso requer muita cautela e manuseio rápido, pois sua boca é cheia de dentes cortantes.

Sua pesca é permitida, desde que sejam utilizados equipamentos mais leves, pois a força desse peixe não é tão grande. A pesca se torna mais efetiva quando as iscas são arremessadas à frente do peixe, dentro de uma distância de 3 a 5 metros.

Veja também

Cachorro Passando a Pata no Rosto e no Focinho: o Que Fazer?

Você é capaz de analisar como seu cachorro está se comportando? Algumas condutas podem indicar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *