Home / Animais / Animais Que Vivem no Campo

Animais Que Vivem no Campo

A ecologia é famosa por estudar e conectar diversas áreas da biologia em uma só. Existem diversos termos utilizados para empregar relações ecológicas, conjunto de sistemas e vários outros aspectos. Um termo que provavelmente você já ouviu e que é de muita importância nesse estudo é bioma.

O bioma é um determinado espaço geográfico, que possui características específicas e únicas que são definidas pelo macroclima, solo, altitude e vários outros critérios. São basicamente comunidades biológicas com homogeneidade. Entender o bioma, é entender a biodiversidade que aquele local terá.
Um dos biomas que a maioria das pessoas conhecem é o Campo. Nesse tipo de bioma, existem determinadas espécies de vegetais e animais que ali vivem. No post de hoje, iremos falar um pouco mais sobre o campo e também os animais que vivem nele.

O Campo

Campo, apesar de ser utilizado para qualquer área aberta hoje em dia, na realidade se trata de um bioma. Não é somente brasileiro, e possui como principal característica a vegetação rasteira, com muita gramínea, herbácea e uma quantidade variada de arbustos e árvores. Apesar disso, campo pode designar também áreas agrícolas, pastagem ou pradaria natural.

Dependendo do lugar, o campo pode ser chamado de estepe, pradaria, savana, campina ou vários outros. No Brasil, é possível encontra-los em todos os cantos do país, porém de forma descontínua. O Sul é o lugar mais conhecido de ter os campos, principalmente devido aos Pampas no Rio Grande do Sul. Vale ressaltar que Pampas é um tipo de campo.

Embora você encontre por cerca de 102 espécies de mamíferos, 476 de aves e 50 de peixes, o campo é de forma constante definido como um bioma pobre em biodiversidade, ou diversidade biológica como chamamos. Isso também pode ser visto em relação à flora dessa região. As espécies de gramíneas dos campos do Brasil podem ser categorizadas como “megatérmicas” e “mesotérmicas”. De acordo com o biólogo Rizzini, os principais gêneros da “flora campestre brasileira” incluem pequenos arbustos, subarbustos e algumas ervas.

Normalmente, esse bioma é descrito como um solo que tem tendências à desertificação, logo, é um solo frágil. Devemos analisar que a destruição desse habitat está sendo constante, já que a maior parte dos pampas foram transformadas em áreas para agropecuária. Essa criação, mais as queimadas e desmatamentos, isso tudo produziu erosão e lixiviamento do solo. Gerando então a desertificação.

Quais são os Animais Que Vivem no Campo?

Arara Azul

Essa ave é um dos símbolos brasileiros, e é a maior arara existente, podendo chegar a ter 1,40 metro de comprimento contando com sua enorme cauda. Durante muito tempo essa arara esteve ameaçada de extinção, mas em 2014 saiu dessa lista. Não se confunda com a ararinha azul, que também fazia parte do nosso Brasil. Infelizmente, a ararinha foi dada como extinta da natureza.

Ela possui sua plumagem azul, enquanto que sua pele é amarela. A alimentação é baseada em sementes de palmeiras. Seu nome vem do tupi, remetendo à flor homônima de mesmo nome. Precisamos estar alerta quanto a caça e tráfico ilegal desses animais, pois facilmente podem voltar a entrar na lista de ameaçadas.

Ovelha

Seu nome científico é ovis orientalis áries e é um mamífero de estimação, como o gado. A ovelha é um ruminante que tem cascos.

É um dos animais que vivem no campo há mais tempo e deles nós obtemos leite, lã e a famosa carne de cordeiro. A criação de ovelhas é praticada em muitos lugares por todo o mundo. As espécies de ovelhas, que são mais de 200, são classificadas pelo tipo de lã que elas possuem: fina, que vai para a indústria têxtil; média, que é focada em sua carne.

Vacas, Bois e Cavalos

Esse três animais são típicos do campo. As vacas e os bois são de grande porte, podendo chegar a pesar até 800 quilos, e se usa principalmente para a produção de leite, carne e couro. As vacas foram domesticados há 10.000 anos no Oriente Médio. Uma de suas principais características é que têm um sistema digestivo complexo. A sua língua é áspera, os dentes permitem conseguir cortar a grama e passam em torno de oito horas por dia comendo.

A criação do cavalo remonta ao ano 3.600 a.C. Seu tamanho varia de espécie e raça, e são divididos de acordo com seu porte: pesados ou de tiro, leves ou de cadeira, e pôneis ou miniatura. A pelagem do cavalo é bem variada, mas os mais comuns são  marrom, branco e preto.

Onça Pintada

Também chamada de jaguar, é um ponto alto da fauna do nosso Brasil e se destaca mundialmente. Ela é um animal carnívoro que ficou conhecido especialmente pela sua aparência física. Sua pelagem tem uma tonalidade amarelada, cheia de manchas padronizadas. Por isso o nome que recebeu.

Seu tamanho pode chegar a quase 2 metros de comprimento, e seu peso passar dos 100 quilogramas. Apesar de não estar em ameaça de extinção, de acordo com a IUCN ela está próximo de entrar nessa lista, pois a caça ilegal e a destruição de seu habitat está fazendo a população cair.

Lobo Guará

Quem disse que nos campos brasileiros não existem lobos? Ele é o maior canídeo da América do Sul, e infelizmente está com um certo grau de ameaça devido a destruição de seu habitat. Possui uma aparência muito chamativa, com pelagem vermelha e bem espessa. Seu peso fica em torno de 30 quilogramas enquanto sua altura pode chegar em até 1 metro de comprimento.

São muito importantes para a cadeia alimentar do nosso país. Se alimentam tanto de carne quanto de vegetais, mas precisam ter uma dose de carne para conseguirem sobreviver, assim como qualquer outro lobo. Suas características comportamentais são em média diferentes das dos lobos do hemisfério Norte.

Asno

Esse não é tão conhecido como seus companheiros de família, porém são muito populares e fáceis de encontrar em campos no Brasil e em alguns outros países da América. Os asnos fazem parte da família dos equídeos, e sua domesticação ocorreu ao mesmo tempo que a dos cavalos.

Sua função para nós humanos sempre foi carga, pois possui muita resistência e força, podendo passar dos 40 anos de vida. Assim como os cavalos, os asnos conseguem se defender dando coices com suas patas traseiras, que são mais fortes devidamente para esse propósito e para ajudar no movimento.

Esperamos que o post tenha te atualizado e feito você aprender sobre os animais que vivem no campo, e mais sobre esse bioma. Não esqueça de deixar seu comentário nos contando o que achou e também deixar suas dúvidas. Ficaremos felizes em ajudar. Você pode ler mais sobre biomas e outros assuntos de biologia aqui no site!

Veja também

Comportamento Da Galinha, Hábitos E Modo De Vida Do Animal

As galinhas são aves bem interessantes, mesmo que na maior parte das vezes, a gente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *