Home / Animais / Alimentação do Arminho: o Que Eles Comem?

Alimentação do Arminho: o Que Eles Comem?

O arminho ou Mustela erminea que seria seu nome científico, é um animal de pequena estatura que faz parte do grupo Mustela spp. Vive, geralmente, em ambientes árticos, sub-árticos ou em florestas temperadas.

É dividido em cerca de 40  sub-espécies,  conforme a região onde habita.

Que saber mais sobre esse curioso bicinho? Então, não saia daqui. Conheça, por exemplo, a Alimentação do Arminho: o Que Eles Comem? – e muito mais!

Arminho: o Que Eles Comem?

A dieta do arminho é composta somente por carne, geralmente de ratos. Mas, dependendo da ocasião, ele também se alimenta de aves, coelhos, anfíbios, peixes. Assim como de répteis e insetos.

Seu sistema digestivo ingere sem a menor dificuldade qualquer tipo de alimento. O arminho é a menor espécie carnívora entre os mamíferos do reino animal.

O arminho fêmea é sempre menor que o macho, tendo em sua alimentação, pequenos ratinhos, ou seja, camundongos. Já os machos, têm preferência por lebres ou coelhos.

Arminho se Alimentando
Arminho se Alimentando

Os pássaros que permanecem no solo também se tornam presas fáceis para o arminho. E, além disso, esse caçador oportunista toma posse da toca da presa.

Os arminhos são excelentes para subir em árvores, entrar em buracos dos mais variados tamanhos, correr e nadar, parece até um “super animal”!

Como já descrito, o arminho não desperdiça nenhuma oportunidade e também caça serpentes, moluscos e crustáceos. A razão desse animal ter todas essas ferramentas naturais é que o arminho tem um metabolismo muito rápido, e a necessidade da caça se torna o motivo principal em sua sobrevivência.

Características Físicas do Arminho

O arminho tem seu corpo alongado, em forma de cilindro, com patas curtas, cabeça achatada com formato de triângulo, orelhas arredondadas e pescoço visivelmente longo. Seus pelos, quando chega o verão, são de um castanho arruivado no dorso e coloração creme no ventre.

Ele tem mudanças de coloração também na primavera, outono e inverno, onde ele ganha pelagem parcial ou totalmente branca salvo a ponta da cauda que ganha cor preta.

Arminho Fotografado na Floresta
Arminho Fotografado na Floresta

O arminho macho sempre é maior que a fêmea tendo de estatura, comprimento que pode ser de 16 a 3 cm enquanto que somente a cauda pode medir de 9,5 a 14 cm de comprimento. O peso pode ser entre 200 a 445 gramas.

Os arminhos que habitam a Península Ibérica, podem tem características um pouco diferentes. Seu comprimento é entre 10 a 18 cm e seu peso de 130 a 200 gramas.

Sua longevidade é de até 10 anos de idade. Mas existem relatos científicos de que existem indivíduos que conseguem chegar aos 14 anos de vida.

Habitats do Arminho

Para este animalzinho não tem tempo ruim: ele habita em qualquer lugar desde as montanhas até florestas e litorais. Além disso, também é encontrado em locais bem próximos a terrenos pantanosos, encharcados, florestas mistas ou até em fazendas.

Sua casa para chamar de sua, geralmente, são as a tocas dos roedores que é sua caça principal, além de buracos de árvores  – como também alguma fenda grande nas rochas.

Surpreendentemente, mora em meio à neve e vive tranquilamente até 3000 mil metros acima do nível das mais altas árvores.

Reprodução do Arminho

O período de acasalamento desse animal ocorre entre maio e junho. Passa pelo singular processo de ovo implantação retardada, tendo sua ocorrência 280 dias depois da fêmea ser fecundada.

A gravidez da mamãe arminho dura de 21 a 28 dias, sendo que seus filhotes nascem entre abril e maio, de 4 a 8 filhotes sendo somente 1 ninhada ao ano. O processo de desenvolvimento do filhote, é muito rápido.

Filhote de Arminho
Filhote de Arminho

É desmamado 5 semanas após o nascimento que ele fica independente – vivendo à partir daí, sozinho. Cerca de 10  semanas depois, já estando pronto para acasalar e caçar para sobreviver.

Já as fêmeas, chegam a fase de maturidade com apenas 5 semanas após seu nascimento. Os machos, com 1 ano de vida.

Hábitos de Caça dos Arminhos

Como já fora mencionado antes, o arminho é um ágil caçador solitário que tem sua tática de caça executada, geralmente, na calada da noite. Ou, até mesmo, no crepúsculo, se movimentando em rápidos movimentos, como se estive ziguezagueando.

Consegue percorrer até 15 km em uma noite. Como já dito anteriormente, sua presa principal são os roedores, mas também não dispensa anfíbios, insetos, aves de porte pequeno como também, seus ovos e aves ainda jovens.

Arminho Fotografado na Neve
Arminho Fotografado na Neve

Além de seres excelentes nadadores também sobem em árvores facilmente e, se, acaso o local onde estiver habitando for escasso em alimento, ele apela para crustáceos ou peixes. Seu tamanho coopera para invadir as mais diversas tocas, na caça as suas presas.

Importância do Arminho Para a Agricultura

Eles são bem-vindos na agricultura em geral, pois seu apetite por roedores,

exterminam os ratos que podem prejudicar muito as plantações. Pesquisas mostraram que os arminhos têm um importante papel no equilíbrio da população de roedores, principalmente na região boreal.

As fêmeas da espécie arminho têm uma situação, em especial, durante seu período de acasalamento: elas são fecundas enquanto ainda amamentam os filhotes e o resultado são todas as fêmeas novamente grávidas até o fim do verão. Isso ainda estando no ninho, criando os filhotes que nasceram.

Curiosidades Sobre o Arminho

Agora que sabemos sobre a Alimentação do Arminho: o Que Eles Comem? – e muitas outras informações, veja algumas curiosidades sobre esse animal!

1 – O arminho é constantemente ativo, mesmo que seu corpo visualmente parece imóvel, ele não cessa de mexer suas orelhinhas como também seus olhos e cabeça.

2 – E destemido, ou seja, ataca qualquer presa, sem medo de ser atacado e parte

para briga sem medo de ser feliz, mesmo que seu inimigo casual seja o homem.

3 – É um caçador nato tendo como principal ferramenta para matar logo sua presa, a mordida no pescoço da vítima.

4 – Você sabia que durante a Primavera o arminho que vive em regiões de neve muda de cor e sua coloração original demora um tanto a retornar? A volta da cor normal começa, lentamente, pelo dorso e termina na região do ventre. Isso pode levar até meses.

Classificação Científica do Arminho

  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Classe: Mammalia
  • Ordem: Carnívora
  • Família: Mistelidae
  • Gênero: Mustela
  • Espécie: M. erminea
  • Nome binomial: Mustela erminea

Veja também

Quais as Raças Que Deram Origem ao Bulldog Francês?

O Bulldog Francês tem origem do cruzamento entre os cães da raça Terriers Pequenos, e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *