Home / Plantas / O Que Plantar no Solo Humífero?

O Que Plantar no Solo Humífero?

O solo humífero é composto de argila, areia e mais de 10% de matéria orgânica decomposta (húmus). É a terra das florestas. Quais plantas são adequadas para um solo humífero?

Solo Humífero

Na ciência do solo, húmus denomina a fração de matéria orgânica do solo que é amorfa e sem a estrutura de bolo celular característica de plantas, micro organismos ou animais. O húmus afeta significativamente a densidade do solo e contribui para a retenção de umidade e nutrientes.

Na agricultura, “húmus” às vezes também é usado para descrever composto maduro ou natural extraído de uma floresta ou outra fonte espontânea para uso como condicionador do solo . Também é usado para descrever um horizonte superficial que contém matéria orgânica.

O húmus é a matéria orgânica escura que se forma no solo quando a planta morta e a matéria animal decaem. O húmus tem muitos nutrientes que melhoram a saúde do solo, sendo o nitrogênio o mais importante. A proporção de carbono para nitrogênio no solo humífero é de 10: 1.

Benefícios do Solo Humífero

A importância do húmus quimicamente estável é considerada por alguns como a fertilidade que proporciona aos solos, tanto no sentido físico quanto no químico (embora alguns especialistas em agricultura enfatizem mais suas características), como a capacidade de suprimir doenças. Ajuda o solo a reter a umidade aumentando a microporosidade, e encoraja a formação de uma boa estrutura do solo.

A incorporação de oxigênio em grandes conjuntos moleculares orgânicos gera muitos locais ativos carregados negativamente que se ligam a íons carregados positivamente de nutrientes vegetais, tornando-os mais disponíveis para a planta por meio da troca iônica. O húmus permite que os organismos do solo se alimentem e se reproduzam, e é frequentemente descrito como a “força vital” do solo.

Rhododendron

Ambas as espécies e rododendros híbridos (incluindo as azáleas) são amplamente utilizados como plantas ornamentais em paisagismo em muitas partes do mundo, incluindo regiões temperadas e subtemperadas . Muitas espécies e cultivares são cultivadas comercialmente para o comércio de viveiros. Planta perfeita para solos humíferos.

Rododendros podem ser propagados por camadas de ar ou estacas de caule. Eles podem se auto-propagar enviando brotos a partir das raízes. Às vezes, uma ramificação anexada que caiu no chão vai enraizar-se na cobertura úmida e a raiz da planta resultante pode ser cortada do rododendro pai.

Pentanthera e Tsutsusi

Pentanthera
Pentanthera

As azaléias são floração arbustos do gênero rododendro, e florescem na primavera, suas flores geralmente durando várias semanas. Azaléias preferem viver perto ou debaixo de árvores justo por conta do solo geralmente humífero.

As azáleas são nativas de vários continentes, incluindo Ásia, Europa e América do Norte. Eles são plantados abundantemente como plantas ornamentais no sudeste dos EUA, sul da Ásia e partes do sudoeste da Europa.

Hydrangea Macrophylla

Hydrangea Macrophylla
Hydrangea Macrophylla

A hortênsia é plantada no outono em um solo ácido rico em húmus. O solo deve ser fresco e ter alguma acidez para obter flores azuis, mas pode-se contentar com um solo neutro, não calcário. É melhor favorecer o fósforo e o potássio.

Para obter flores azuis, é necessário plantar as hortênsias em solo ácido (pH 4), regar somente com a água da chuva e trazer na primavera um produto azulado com base de sulfato de alumina.

Filicophyta

Filicophyta
Filicophyta

Samambaias são uma sub-divisão da criptógamas vascular. Existem cerca de 13.000 espécies, o maior filo após angiospermas. Cerca de três quartos das espécies ocorrem nos trópicos e uma boa proporção dessas “plantinhas” tropicais são epífitas. Seus modos de reprodução são restritos principalmente a solos humíferos.

Camellia

Camellia
Camellia

Hoje as camélias são cultivadas como plantas ornamentais por causa de suas flores. Cerca de 3.000 cultivares e híbridos são requisitados, muitos com flores duplas ou semi-duplas.

As várias espécies de plantas de camélias são geralmente bem adaptadas a solos ácidos ricos em húmus. Plantas de camélia geralmente têm uma taxa de crescimento rápido, embora isso varie dependendo da variedade e localização geográfica.

Acer

Acer
Acer

Acer é um género de árvores ou arbustos comumente conhecidos como bordo. Existem aproximadamente 128 espécies, sendo acer laurinum a espécie conhecida no hemisfério sul.

Diferentes espécies do gênero são plantadas ou cultivadas de diferentes formas, para diferentes utilizações e com diferentes benefícios. Mas todas as espécies do gênero tem algo em comum: a adaptação exclusiva a solos humíferos.

Alnus

Alnus
Alnus

Os amieiros são árvores do hemisfério norte que cresce em solos humíferos. Amieiros são muito comuns nas zonas úmidas ou nas matas ciliares, margeando o rio ou ao redor das lagoas, onde podem atingir 25 a 30 metros.

As características acústicas do amieiro tornaram-no uma das madeiras mais populares na fabricação de guitarras de alta qualidade. Frutos de amieiro também são usados ​​em aquários por sua capacidade de reduzir o potencial de hidrogênio da água, bem como seus ramos como decoração.

Bambu

Bambu
Bambu

Da subfamília bambusoideae, os bambus são da família das gramíneas mas são distinguíveis por seu porte qual árvore de caules lenhosos, muitas vezes de grande comprimento. São distribuídos na classificação botânica em duas tribos: o bambuseae, nativas às regiões tropicais e subtropicais, e arundinarieae originários de regiões temperadas.

Uma planta com peculiaridades únicas no mundo vegetal, o bambu não apresenta um aspecto uniforme. Existem mais de mil espécies com características próprias. Dependendo de onde cresce, a natureza do terreno, o clima, a altitude, pode ser muito diferente em tamanho, forma ou cor. Melhor adaptação em solos humíferos.

Salix

Salix
Salix

Quase todos os salgueiros criam raízes muito facilmente de estacas ou de galhos quebrados no chão. As poucas exceções incluem o salix caprea e o salix amygdaloides.

Geralmente, os salgueiros são plantados nas bordas dos riachos para que suas raízes entrelaçadas possam proteger o banco contra a ação da água. Freqüentemente, as raízes são muito maiores que o caule que cresce delas.

Abies

Abies
Abies

Abetos são espécies de árvores coníferas sempre verdes na família pinaceae. A identificação das diferentes espécies é baseada no tamanho e arranjo das folhas, no tamanho e na forma dos cones, e se as escamas bractadas dos cones são longas e exertadas, ou curtas e escondidas dentro do cone.

Chamaecyparis

Chamaecyparis
Chamaecyparis

Estas árvores, que são muito próximas de suas características botânicas do cupressus, são freqüentemente chamadas de “ciprestes” ou “ciprestes falsos” na linguagem cotidiana.

São amplamente cultivados como ornamentais. Suportando o tamanho, muitas vezes é usado para formar sebes densas e sempre verde. Numerosos cultivares são queridos, incluindo formas anãs adaptadas a jardins, cultivados como bonsais.

Rheum

Rheum
Rheum

Ruibarbo é o nome comum de trinta espécies de plantas erva perene da família polygonaceae, incluindo espécies de jardins.

O ruibarbo prefere solos profundos e frescos com estrume orgânico e exposição ao sol. Os tufos são divididos entre o final do inverno e o início da primavera, cortando as extremidades com um a três botões e são plantados deixando-os nivelados com a superfície.

Cucurbitaceae

Cucurbitaceae
Cucurbitaceae

Muitas espécies dessa família são cultivares comestíveis como abóbora, abobrinha, pepino, melões, melancias, chuchu, etc. E nem preciso dizer porque estão listados aqui né? é óbvio que é pelo tipo de solo ideal para o plantio das espécies: solo humífero.

Allium Porrum

Allium Porrum
Allium Porrum

O alho poró é uma planta que pertence ao mesmo gênero da cebolinha, do alho e da cebola. Em vez de formar um bulbo apertado como a cebola, o alho-porro produz um longo cilindro de bainhas de folhas que geralmente são branqueadas ao empurrar o solo ao redor delas (valeteamento).

Alho poró são fáceis de cultivar a partir de sementes e toleram a permanência no campo para uma colheita prolongada, que ocorre até 6 meses após o plantio. O solo em que é cultivado tem que ser humífero.

Apium Graveolens

Apium Graveolens
Apium Graveolens

O salsão ou aipo são cultivadas a partir de sementes, semeadas numa cama quente ou no jardim aberto de acordo com a época do ano e, após um ou dois desbastes e transplantes, plantada em valas profundas para conveniência de branqueamento, que é efetuada por terra para cima para excluir a luz das hastes. Solo humífero.

Outros itens comuns e comestíveis que podem entrar nessa lista dos cultivares que preferem solos humíferos incluem repolho, couve flor, brócolis, couve, alface, mostarda, chicória, endívia, etc. Todos, porém, envolvem tratamento do solo para análise de concentração específica de nutrientes e ph nos níveis desejáveis pra cada espécie específica.

Veja também

Flores de Cravo em Ritual Fúnebre

Flor de Cravo de Defunto Significado

Os Seres Humanos e Seus Rituais Desde que passamos a nos organizar como sociedades nós, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *