Home / Natureza / Vulcão Nyiragongo – Última Erupção

Vulcão Nyiragongo – Última Erupção

Estamos falando aqui de um dos maiores e mais ativos vulcões do mundo. O vulcão Nyiragongo, localizado no coração da África, no território da República Democrática do Congo.

O vulcão surpreende pelas frequentes erupções e também pela magnitude de suas explosões, que já causaram muitos problemas a população da cidade de Goma; que localiza-se apenas 20 km da área vulcânica.

Vamos conhecer as principais características e as maiores erupções deste gigante da natureza, o Vulcão Nyiragongo.

Vulcão Nyiragongo: O Gigante Africano

O vulcão é famoso pelas grandes erupções. Mas por que elas ocorrem com tanta frequencia naquela região? A principal causa de vulcanismos, terremotos, tsunamis são os decorrentes movimentos das placas tectônicas.

O choque entre elas resulta em diversas cadeias montanhosas, e algumas delas podem conter câmaras magmáticas, que são espaços ou caminhos por onde o magma vindo diretamente do núcleo da Terra percorre e é expelido através das crateras.  

As montanhas que contém estas características são denominadas de vulcão e ocorrem principalmente nas bordas das placas, área que recebe inclinação mediante ao impacto causado pelo encontro de cada uma.

A República Democrática do Congo localiza-se no Centro-Leste do continente Africano; e próximo a ele, no subsolo, estão duas placas tectônicas, a Placa Africana e a Placa Árabe.

Apesar de não estar totalmente na borda da Placa Africana e sim no centro, o vulcão ainda recebe os sinais sísmicos e está em intensa atividade no seu subsolo.

Mas além das duas placas tectônicas, o principal fator que leva as atividades a serem frequentes na região, é um rachamento da crosta terrestre da placa Africana, que em determinado ponto, ela está quebrando em duas partes.

O vulcão abriga um “lago” de lavas em sua longa caldeira, que é considerado permanente e é o único no mundo que possui tal característica.Mas a escalada é árdua e cansativa para quem deseja observa-lo; apenas alpinistas que sobem cerca de 3.000 metros poderão avista-lo.

Ele foi formado a partir de dois outros vulcões. Baruta e Shaheru, que podem ser visto na parte lateral do vulcão. Também existem outros morros que compõem cadeia montanhosa e a estrutura vulcânica.

Erupções Frequentes do Vulcão Nyiragongo

Como foi dito acima, o vulcão é conhecido pelas suas frequentes erupções. Desde de 1980 até os dias de hoje, o vulcão já entrou em erupção e demonstrou sinais de atividade mais de 30 vezes.

A última erupção de grande impacto foi em 2002. Porém a mais fatal foi em 1977, não se sabe ao certo quantas pessoas morram, mas estima-se um número entre 100 a 600 mortos.

Erupções Frequentes do Vulcão Nyiragongo
Erupções Frequentes do Vulcão Nyiragongo

As paredes rochosas do vulcão romperam-se e a lava fluiu a uma velocidade de 90 km/h rumo a cidade de Goma, pegando surpresa os habitantes da região.

Devido a estes acontecimentos, o vulcão é motivo de atenção de cientistas, pesquisadores e da população.

Suas erupções não são de carácter explosivo, mas a quantidade de lava expelida é sempre grande. O que deixa todos da cidade de Goma em alerta, já que a cidade possui aproximadamente 1 milhão de habitantes.

1977 e 2002: As Maiores Catástrofes Causadas Pelo Vulcão Nyiragongo

No ano de 1977, o vulcão entrou em uma fatal erupção levando a morte de 100 a 600 pessoas e destruindo a moradia de outras milhares. Essa é registrada como uma das maiores catástrofes já causada por atividades vulcânicas.

A lava do vulcão desceu tão depressa que surpreendeu os moradores, que tiveram de ser retirados às pressas de suas casas. Alguns conseguiram escapar, outros não. Antes de chegar à área principal da cidade, a lava resfriou e acabou por secar.

O fluxo tão rápido da lava se dá pela diferente e rara composição. A lava do vulcão Nyiragongo é composta de Melilita Nefelita, um alcalino presente em rochas vulcânicas e dificil de encontrar.

Tal substância faz com que a lava seja rica em Magnésio e carente em Dióxido de Silício. Ao contratrário de muitas outras, mas semelhante aos vulcões do Havaí, que também possuem Melilita Nefelita, mas sua caldeiras são largas e extensas, impedindo que a lava flua tão depressa.

A maioria dos vulcões possuem outras substâncias que deixam as lavas mais lentas e demoram para serem expelidas. Não é o caso do vulcão Nyiragongo, que expele sua lava depressa e com rapidez.

Em 2002, aconteceu o que todos temiam, o vulcão entrou em intensas erupções novamente, causando muitos problemas a população de Goma, que teve o centro da cidade invadido pelas lavas vulcânicas, estima-se que o vulcão expeliu cerca de 15 milhões de metros cúbicos sob a cidade.

Destruindo inúmeros edifícios, obrigando mais de 300.000 pessoas a evacuarem do local e “engolindo” aproximadamente 15 mil moradias.

O Lago Iuvu, localizado nas proximidades de Goma, teve suas águas contaminadas pela lava que foi chegando do vulcão.

Vulcão Nyiragongo em 1977
Vulcão Nyiragongo em 1977

O maior problema é que esse lago é vital para o abastecimento e para as reservas de água da cidade. Há cientistas que afirmaram que a contaminação das águas pudessem afetar a população, então a água do lago foi submetida a diversos tipos de testes e tramentos.

o vulcão é dono de um potencial incrivel de erupção, suas atividades podem a qualquer momento ser repetidas e destruir novamente a cidade de Goma.

Fato que deixa os sismógrafos da região sempre em atenção. Qualquer alteração nas vibrações, atividade fora do comum e erupções fora de hora, eles tem a missão de alertar a população para que evacuem da área imediatamente  

Vulcão Nyiragongo – Última Erupção

A última erupção de grande impacto deste fabuloso vulcão foi no ano de 2002, porém, a partir deste ano, ele não parou mais expelir lavas e manter suas atividades.

Em 2006, 2011 foram registradas outras erupções do vulcão, mas que não tiveram tanta magnitude quanto as outras. O fato é que ele ainda está em atividade e a qualquer momento pode entrar em erupção.

O que faz dele de um dos vulcões mais ativos e poderosos do mundo. São esses, que entram em ação sem mesmo dar avisos, os mais perigosos e devastadores.

Um fato que dificulta as medidas a serem tomadas na República Democrática do Congo, são as constantes guerras entre grupos rebeldes e tropas do governo. Esse clima de guerra, conflito e caos não é favorável a ninguém da região, que já sofre com desastres naturais.

Veja também

Histórico de Erupções do Vulcão Sinabung

Vulcão Sinabung Características

O vulcão Sinabung é um vulcão existente na Indonésia e que provavelmente teve a sua …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *