Home / Natureza / O Que é Vegetal?

O Que é Vegetal?

Você Sabe o Que é um Vegetal?

Um vegetal é caracterizado por ser um ser orgânico, que não pode mudar de lugar por vontade própria, pois carece do aparelho locomotor. O termo vegetal também é usado para denominar tudo o que está relacionado ao mundo das plantas. Eles são capazes de “gerar” seu próprio alimento a partir da fotossíntese, sendo compostos por organismo multicelulares e podem tanto crescer em abundancia, tipo uma árvore, como também não crescer quase nada, como um musgo.

O termo “vegetal” fica bastante restringido nas nossas cabeças, pois tudo o que relacionamos aos vegetais, relacionamos com comidas, nutrição e gastronomia. Mas na botânica, este termo é muito pouco utilizado, pois na botânica a parte que trata dos “vegetais”, refere-se ao estudo de plantas, que é um ramo da biologia e não da nutrição.

Dentro da própria botânica e da biologia, para melhor compreensão, os seres vivos foram divididos em diversos reinos, o Reino Monera, o Reino Fungi, o Reino Animália e o Reino Plantae; os vegetais são enquadrados no Reino Plantae.

O Mundo Vegetal (Reino Plantae)

Este grupo é composto por organismo que produzem o seu próprio alimento, ou seja, são autótrofos e ainda clorofilados, que obtém energia a partir da fotossíntese, onde recebem a luz sol e transformam-na em energia, onde tem a clorofila principal responsável pela ação, que está presente nos cloroplastos da planta; estes mecanismos que dão a coloração esverdeada a folhas. O grupo também é responsável pela alimentação de muitas outras espécies, pois está na base da pirâmide alimentar, sendo chamadas de seres produtores.

Na maior parte das vezes são seres eucariontes, ou seja, que possuem núcleo organizado; são também pluricelulares, podendo ser chamado de multicelulares, onde suas células são formadas pelos vacúolos, pelos cloroplastos e ainda pela celulose.

O Reino Vegetal recebe diversas divisões e subdivisões. São divididos em Gimnospermas e Angiospermas os indivíduos que produzem sementes, flores e também frutos. Já os que não produzem as sementes, os frutos e as folhas dividem-se em Briófitas e Pteridófitas; estes que ainda são divididos em plantas vasculares, capazes de conduzir a seiva, onde se encontram as Pteridófitas, as Gimnospermas e as Angiospermas e também em plantas avasculares, que são a Briófitas. Vamos conhecer um pouco mais de cada um deles.

Briófitas

Estas são plantas pequenas, possuem um porte pequeno devido ao fato de não receberem a luz do sol diretamente, elas preferem ficar nos lugares úmidos, elas reproduzem-se a partir da metagênese, tem duas fases: sexuada e assexuada, a primeira produz gametas e a segunda produz esporos. Estas não possuem vasos condutores para o transporte da seiva, é um processo lento e demorado a partir da difusão das células. Exemplos de briófitas são as diferentes variedades de musgos.

Pteridófitas

Grande parte destas plantas são terrestres e preferem locais úmidos para se desenvolverem, possuem um porte muito maior do que as briófitas. Estas possuem vasos condutores, raiz, caule, folhas. Elas possuem uma fase sexuada e outra assexuada. Seu caule pode ser também subterrâneo. São exemplos de pteridófitas o xaxim, a samambaia, etc.

Gimnospermas

Neste grupo estão presentes as arvores e os arbustos, em grandes quantidades e ainda muitas variações. Estas possuem vasos condutores de seiva, caule, raiz, folhas, sementes. Sua reprodução é sexuada. Sua semente não possui proteção, ou seja, não produzem frutos. O pólen que é produzido a partir de organismos masculinos fecunda-se com os órgãos femininos a partir de varias ações da natureza, como os pássaros, as abelhas, a chuva, insetos e até o vento. São exemplos de gimnospermas as araucárias, os pinheiros, as sequoias, etc.

Angiospermas

Estas possuem vasos condutores, este grupo é composto por plantas que variam desde pequenas até as mais altas, podem habitar qualquer parte e qualquer clima, estão espalhados pelo planeta todo; esta família é uma das maiores da família vegetal, estão presentes nela cerca de 200 mil espécies. Mais de 70% das plantas estão nesta família. Possui reprodução sexuada, como as gimnospermas, e diferem-se dos mesmos quanto à semente, a semente das angiospermas é guardada por um ovário, fica no interior, no centro do fruto, protegida, já nas gimnospermas as sementes saem nuas, sem nenhuma proteção. São exemplos de angiospermas o abacateiro, palmeiras, jacarandá, entre muitos outros.

Características dos Vegetais

Para facilitar o estudo e a compreensão dos vegetais, a ciência botânica divide-os em subgrupos, sendo eles: do caule, das sementes, das raízes, das flores, dos frutos e das folhas.

Sementes: É responsável pela proteção e disseminação da espécie, a semente geralmente possui uma casca dura, difícil de quebrar ou de mordê-la, isso é para sua proteção, um mecanismo de defesa da própria espécie; além de ser importantíssima para a espécie se espalhar por todo o globo. Existem casos de pássaros que comem estas sementes e depois as liberam a partir das fezes para elas disseminarem-se em outras regiões.

Sementes
Sementes

Raiz: As raízes são conhecidas por geralmente ficarem em baixo do solo, onde os nutrientes ficam conservados na mesma, já no caso dos tubérculos eles armazenam a água e energia.

Raiz
Raiz

Caule: Esta parte da planta é responsável por conduzir a seiva e sustentar as folhas e galhos. Os caules podem tanto ser aéreos (tronco, haste, estipe), como aquáticos ou subterrâneos (tubérculos, bulbos, rizomas). Eles são responsáveis também pelo quanto à planta irá crescer de comprimento.

Caule
Caule

Folhas: Geralmente estas são verdes e necessitam do caule para seu crescimento, é fundamental para a vida da planta, pois é a partir dela que ocorre a fotossíntese, a respiração e a transpiração. Cada folha de cada espécie varia muito sua forma, seu tamanho e sua textura, elas podem ter diversas variações, porém as funções são indispensáveis em qualquer tipo de planta. Às vezes podem exercer funções de nutrição da planta, fixação, reprodução e ainda a proteção.

Folhas
Folhas

Flores: Estas são consideradas a parte mais exuberante de diversas plantas, mas quando falamos das flores não estamos falando apenas de beleza, estamos falando também de reprodução, ela tem um papel fundamental na polinização e na reprodução das plantas.

Flores
Flores

Frutos: Essa parte das plantas é responsável pela proteção das sementes, eles geralmente são formados por cascas fibrosas, com uma polpa por dentro e a semente bem no seu centro, de forma que ela sempre está muito bem protegida.

Frutos
Frutos

Veja também

A Importância do Ar Para a Saúde

A importância do ar para a saúde está no fato de que é nele que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *