Home / Natureza / Distância de Santiago até o vulcão Osorno

Distância de Santiago até o vulcão Osorno

Um grande ponto turístico chileno é a região dos Lagos. Lá você vai encontrar de tudo para todos. É bem próximo da Cordilheira dos Andes, por isso o seu ponto alto é a beleza natural que ali existe. Lagos, águas termais e vulcões tomam conta do lugar, o deixando ainda mais bonito. Cada estação traz o melhor da região.

No inverno é possível ver todos os vulcões cobertos de neve, deixando tudo ainda mais incrível. Na primavera, as flores que crescem na estrada para os passeios deixa a paisagem extremamente acalmante. Por ali existem diversos povoados e cidades com ar bem rústico e tranquilo. Um dos grandes atrativos na região entretanto, é o belíssimo e bem desenvolvido estruturalmente, o vulcão Osorno.

Quem vem para o Chile, tende sempre a voltar. Pessoas costumam ir direto para Santiago, a capital do Chile e a partir de lá vão conhecendo o resto do país. Por isso, hoje vamos mostrar a distância entre Santiago até o famoso vulcão Osorno na região dos Lagos. Para que você conheça os dois lados do Chile em uma só viagem.

A Cidade de Santiago

Capital chilena e um grande ponto turístico, Santiago é uma cidade muito visitada o ano todo. Ela recebe visitantes que de lá partem para outras áreas do Chile que possuem outros tipos de passeios. É também a maior cidade do país e a mais desenvolvida.

Santiago é conhecida por trazer muita cultura, história, arte, arquitetura e gastronomia tudo em um só lugar. Se você quiser ter uma noção inicial de como é o Chile, deve conhecer Santiago. Ela exala atitude, e está sendo escolhida por muitos jovens como sua nova moradia. Além, é claro, de ela ter sido considerada a terceira melhor cidade para viver na América Latina.

Outro fator importante, é que apesar de ser a cidade principal do país, seu custo não é tão alto como já se espera. O ar europeu com latino pode parecer estranho de primeira, mas depois se mostra ótimo e bem acolhedor. E depois de um tempo, você não vai querer deixar a cidade nunca mais.

O Vulcão Osorno

O Osorno é considerado um vulcão ativo, mesmo que sua última erupção tenha acontecido em 1869. Sua beleza é o que chama a atenção de todos ao redor. Por ser um estratovulcão, vulcão em formato de cone, de mais de 2.600 metros, seu topo tende a estar sempre cheio de neve ou gelo, o deixando ainda mais bonito.

O restante predomina a cor preta da terra que é cheia de minerais junto com pedrinhas. Ali, a estrutura que colocou o vulcão nos mais visitados do Chile é a estação de esqui. Você é levado até o ponto que deseja parar, são dois no caso. Um o mais alto possível indo pela estação e o outro logo abaixo.

Nesses pontos você encontra restaurantes para a refeição e uma área completamente livre e pública. Você não precisa necessariamente esquiar para estar lá. Pode levar um pedaço de papelão e se divertir a vontade no local. Ideal para crianças, adultos e todas as idades. Quem é aventureiro, pode continuar do último ponto até o cume através do montanhismo acompanhado de um guia autorizado.

Distância de Santiago até o Vulcão Osorno

Não espere que o vulcão seja bem próximo de Santiago, pois não é o caso. Se você estiver com um curto período para visitar o país, recomendamos que você conheça os vulcões mais próximos da capital, que são tão bonitos quanto o Osorno e outros mais longe. Se você está com tempo e planejando uma road trip, o Osorno vai ser ótimo.

São em média 1.100 quilômetros de distância de Santiago até o vulcão Osorno. Ou seja, muito caminho pela frente. Por isso, recomendamos que você alugue um carro em Santiago e vá passando cidade por cidade até o Osorno. Desta forma, você conhece mais coisas do Chile de uma vez e ainda se diverte. Se você preferir ir de ônibus, não será tão proveitoso, pois você irá passar por lugares belíssimos em que não poderá parar.

Como Fazer o Passeio Para o Vulcão?

Você pode escolher ficar hospedado na região de Osorno ou Llanquihue, pois o vulcão fica bem no meio de ambas. Dependerá de seu orçamento e vontade também. Após escolher a região, você tem que decidir o que quer fazer em questão do vulcão.

Se você está afim de ver o vulcão de longe, mas ainda perto, para somente tirar fotos e apreciar a vista, não é preciso muito. Somente pegar a estrada, as placas chilenas são bem explicativas e apontam qual vulcão é qual. Se você quer ter a experiência de fazer o passeio de esqui, pode também ir sozinho ou com uma agência se preferir, mas seria um gasto desnecessário.

Desnecessário se você não desejar subir até o cume. Aí as coisas mudam. Se você quer subir mais, deve ser seguido de um guia autorizado que vai ter todo o equipamento e treinamento necessário para te ajudar. A subida não demora muito e pode ser feita por qualquer pessoa, mesmo que ela não tenha experiência em montanhismo.

De qualquer forma, Santiago e o vulcão Osorno são dois passeios imperdíveis que podem ser feitos juntos, quando há um tempo maior, ou separado quando o tempo das viagens está curto. Não deixe de conhecer a beleza e cultura do Chile na sua próxima viagem internacional, lembre que ela pode sair bem mais barata e incrível do que outros destinos mais longes. Conheça nossa América Latina.

 

Veja também

Estudantes de Ecologia

Técnico em Ecologia

O técnico em ecologia é a pessoa que desempenha várias tarefas técnicas no campo e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *