Home / Natureza / Animais Bizarros No Brasil

Animais Bizarros No Brasil

O Brasil é reconhecido mundialmente como sendo um País de riquezas naturais incomparáveis, assim como alguns outros Países da América do Sul.

A biodiversidade apresentada no Brasil supera qualquer outro lugar do mundo, e também somos reconhecidos por possuir uma das maiores florestas do mundo.

A Floresta Amazônica e o Cerrado são os dois biomas recordistas em território, sendo os maiores do mundo, e ambos situados no Brasil (a maior parte dos biomas fica dentro do Brasil, mas ainda adentra outros Países vizinhos).

Estima-se que, só na Floresta Amazônica, haja mais de 16 mil espécies de animais, variando entre criaturas aéreas, terrestres e marinhas.

Dessa forma, com essa variedade gigantesca de animais, é muito possível que criaturas bizarras habitem nossos territórios!

Confira esse artigo e conheça alguns dos bichos estranhos encontrados no Brasil.

10 Animais Bizarros Encontrados No Brasil

1. Boto-Cor-de-Rosa (Inia geoffrensis geoffrensis)

Também chamado de Golfinho-Rosa ao redor do mundo, o boto é uma das criaturas mais conhecidas no Brasil, e vê-lo nas águas da Amazônia é muito comum. Comunidades que dividem habitat e áreas de caça tem o boto como amigos, pois são criaturas extremamente inteligentes e dóceis.

A IUCN ainda não conseguiu definir a caracterização populacional do boto-cor-de-rosa, e diferentemente de todas as outras caracterizações, o boto é caracterizado como DD no estado de conservação, que significa que não dados o suficiente para catalogar a espécie.

2. Capivara (Hydrochoerus hydrochaeris)

Quando se pensa em roedores, logo os ratos e esquilos vem à nossa mente, mas pensar que um animal que chega a pesar 200 quilos também pode ser um roedor é um pouco bizarro. É um animal extremamente relaxado e pode conviver em meio a vários outros animais. No Brasil, é normal ver capivaras até em parques, mas a criatura é bem estranha para pessoas de fora.

3. Tamanduá-Bandeira (Myrmecophaga tridactyla)

Uma criatura realmente bizarra, primeiramente por sua aparência, que o difere de qualquer animal, com um focinho extremamente alongado. Em inglês, chamam o tamanduá de ant-eater, que literalmente significa comedor-de-formiga. Esses insetos são a principal refeição do tamanduá. É bastante comum ver um tamanduá carregando seus filhotes nas costas.

4. Macaco-Inglês (Cacajao calvus)

Com certeza o macaco mais bizarro que você pode encontrar no Brasil, vivendo nas matas da floresta amazônica. É comumente chamado de Uacari-Branco pelos nativos da Amazônia. Seu rosto contrasta com o resto do corpo, pois não possui pelagem alguma, ressaltando seu rosto avermelhado. Seu comportamento é como os demais macacos, e sua alimentação é omnívora.

5. Lagarto Jesus Cristo (Basiliscus basiliscus)

Conhecido como basilisco, o lagarto possui esse nome bizarro por uma habilidade incomum, pois o mesmo consegue correr sobre a água por vários metros. A anatomia do basilisco auxilia para que essa atividade possa ser realizada, possuindo membranas ideias para realizarem essa atividade, que é feita mediante uma velocidade considerável, isto é, o lagarto Jesus Cristo não consegue andar na água, pois o mesmo afunda, por isso ele apenas corre em alta velocidade.

6. Sagui-Pigmeu (Callithrix pygmaea)

Simplesmente o menor macaco que existe no mundo; os macacos possuem habilidade únicas, onde até os mais pesados surpreendem pela desenvoltura, agora imagine esse macaco que não passa de 15 centímetros e chega a pesar apenas 130 gramas. Por esse motivo, é difícil para estudiosos conseguirem observá-lo com afinco.

7. Sapo-Vidro (Centrolenidae)

O sapo-vidro é uma criatura realmente bizarra, pois é possível que, a olho nu, seja possível olhar por dentro dele! Esse sapo possui uma pele transparente que permite que seus órgãos vitais sejam vistos.

8. Cobra-Mole (Atretochoana eiselti)

Uma cobra muito estranha! Primeiramente, ela não parece com as cobras convencionais, e demonstra não possuir olhos e por possuir uma pele lisa, sem manchas ou traços característicos. No entanto, apesar da aparência peculiar que parece com uma cobra, a cobra-mole está mais ligada aos anfíbios do que aos répteis.

9. Bocydium Globulare

Definitivamente você acaba de conhecer o inseto mais estranho que existe no mundo, e o mesmo existe em maior número aqui em território nacional, nas entranhas da floresta amazônica.

10. Urutau (Nyctibius griseus)

O urutau é uma ave tão estranha que, às vezes, é impossível identifica-la pelo fato de sua camuflagem ser extremamente eficaz. Essa ave possui hábitos noturnos, e durante o dia a mesma sempre fica em um toco de árvore da mesma cor que suas penas, ficando, assim, completamente camuflada.

O que Achou da Lista?

Se você possui informações adicionais que acha que poderíamos acrescentar aqui no site, por favor, deixe seu comentário com informações sobre o animal.

Qualquer possível dúvida que você, leitor, vier a ter sobre esses animais da imagem, entre em contato através da caixa de comentários que estaremos prontos a lhe responder.

Animais Extintos Que Já Habitaram O Brasil

É interessante pensar que algumas criaturas pré-históricas já viveram em nossas terras, e isso vai além dos dinossauros. Algumas criaturas viveram no Brasil há milhões de anos atrás, porém, depois dos dinossauros.

Confira alguns animais pré-históricos bizarros que já habitaram nossas florestas e águas.

1. Titanaboa (Titanoboa cerrejonensis)

Simplesmente, a maior cobra que já existiu no mundo habitou a floresta amazônica. Possuia 13 metros de comprimento e pesava quase 1.200 kg.

2. Mastodonte

Fósseis desse parente distante dos elefantes já foram encontrados em território nacional, indicando que uma grande variedade desses animais bizarros já viveu em nossas terras.

3. Crocodilo-Gigante (Purussaurus brasiliensis)

Crocodilo-Gigante
Crocodilo-Gigante

Um crocodilo que, comprovadamente, possuíram de 12 a 13 metros de comprimento, pois muitos fósseis já foram encontrados no Acre, região onde, acredita-se, tais animais viveram em maior número.

4. Bicho-Preguiça-Gigante (Eremotherium)

Fósseis da preguiça-gigante foram encontrados perto das fronteiras de Roraima com a Venezuela, e muito mais no Panamá, indicando que elas viveram bem ao norte do Brasil. Essas preguiças tinham tamanho de elefantes. Consegue imaginar?

5. Plesiossauro (Meyerasaurus victor)

Falar sobre animais extintos e pré-históricos exige que alguma espécie de dinossauros seja representada, e o plesiossauro é ideal, já que estamos falando sobre o Brasil. Essas criaturas podiam medir quase 4 metros de comprimento e pesavam cerca de 450 kg.

Aproveite e confira ANIMAIS BIZARROS EXTINTOS.

Veja também

Um Solo Argiloso Pode ser Humífero?

Quem mexe com jardinagem encontra alguns impasses pelo caminho. Um deles é justamente este: o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *