Home / Natureza / A História da Hortaliça

A História da Hortaliça

Nesse artigo o leitor acompanhará a forma com qual o homem aprendeu a utilizar uma planta além de seu fruto.

Primeiramente, O Que é Uma Hortaliça?

Geralmente, no senso popular, uma hortaliça pode ser considerada, também, uma verdura. Dessa forma, é possível concluir que as verduras sejam hortaliças, mas que, cientificamente, o termo correto para tais verduras pode depende de seu gênero físico. Por exemplo, uma batata é uma verdura, mas faz parte da catalogação de hortaliça-raiz, enquanto a couve-flor, que também é uma verdura, faz parte das hortaliças-flores.

Aprenda mais sobre esse tema em Tudo Sobre As Hortaliças.

O Instinto de Sobrevivência Não Existe Apenas em Homens e Animais

A natureza é o local onde todos os animais encontram o que comer, seja esse animal carnívoro ou herbívoro. É através do desenvolvimento de suas plantas que vários alimentos terão origem e, por consequência, alimentarão animais que, em alguns casos, serão alimento de outros animais.

As plantas, seguindo a ordem natural, faz o que pode para que suas sementes sejam ingeridas e tenham suas flores polinizadas, para que dessa forma essas nunca deixem de existir.

Pode não parecer, mas as plantas vivem em constante luta pela sobrevivência. Ao decorrer das eras, cada planta se adaptou da melhor forma possível para que pudesse existir em determinados ambientes. Algumas plantas trabalharam duro para que seus frutos se tornassem atrativos e saborosos o suficiente para que suas sementes fossem levadas a outros lugares pelos seres que a consumissem, se esparramando, assim, para lugares cada vez mais distantes.

Algumas espécies conseguiram sobreviver apenas em determinados lugares, pois assim ordenaram as condições externas em qual essa se inseriu. Algumas plantas conseguem sobreviver apenas se outras estiverem por perto, para poder subir através delas e receber luz solar e assim realizar a fotossíntese.

De qualquer forma, a natureza sempre fornece uma ferramenta de uso peremptório para que os seres vivos desse Planeta possam existir, mas na maioria dos casos precisará haver uma estratégia conspícua para que isso funcione.

O homem, através de sua evolução, aprendeu que muitas dessas plantas forneciam não apenas alimentação, mas também muita ajuda médica se usadas de outras formas, ou até mesmo se usadas outras partes da planta que não fosse apenas a parte principal.

O homem descobriu que as folhas tinham gosto, que algumas ramificações de galhos não eram duras como os das árvores e podiam ser mordidos, assim como descobriu que alguns caules forneciam apetitosas massas e que algumas plantas, quando arrancadas do chão, mostravam raízes grossas e suculentas.

As Hortaliças Fizeram os Seres Humanos Se Desenvolverem Mais Rapidamente

O Homem Antigo Colhendo o Que Plantou
O Homem Antigo Colhendo o Que Plantou

Na história do homem, sabe-se que a espécie vivia como nômades, migrando de um lugar para o outro, assim como os animais, fugindo dos rigorosos invernos e muitos morrendo durante esse percurso. O homem ainda era um homem, e na natureza, existem muitos predadores acima dele na cadeia alimentar.

A partir do momento que o homem descobriu que podia estocar comida, os êxodos passaram a ser menos intermitentes, e cada vez mais o homem deixava de correr risco de vida enfrentando as intempéries do tempo e se estabelecia em locais que forneciam água e árvores que forneciam frutos e que, os frutos comidos, após terem suas sementes (que são duras e incomestíveis) arremessadas para outro lugar, iriam, dentro de alguns dias, dar vida a um pequeno broto.

O Homem Antigo Estocando as Hortaliças Que Plantou
O Homem Antigo Estocando as Hortaliças Que Plantou

Essa percepção (apesar de ser bastante lúdica ao ser tratada sem uma linha temporal), bastou para que o homem descobrisse que se plantasse, poderia colher dentro de determinado tempo. É nessa hora que a importância das hortaliças entra em questão, pois o processo de desenvolvimento de verduras é mais rápido do que a maioria dos frutos, por exemplo, e o aproveitamento de uma hortaliça não se baseia apenas no fruto, mas em tudo o que uma planta pode fornecer, como os talos, folhas, galhos, caules e raízes.

Atualmente basta ir ao mercado e encontrar qualquer hortaliça, não obstante qualquer dia do ano. Isso é algo que somente o homem moderno teve a capacidade de realizar.

Em tempos remotos, determinados alimentos existiam apenas em determinados locais (na verdade, hoje em dia ainda é assim, mas a globalização e o capitalismo facilitaram o comércio intercontinental de todo tipo de alimento no mundo), e alguns Países carregam a herança de serem os originários de determinados alimentos consumidos mundialmente. Nesses mesmos tempos remotos, embarcações enfrentavam dias e noites mar adentro, somente para buscar especiarias em regiões distantes do mapa.

A História da Batata

Segue um exemplo da origem de uma das hortaliças mais consumidas no mundo:

A batata remonta mais de 350 milhões de anos, sendo de origem sul-americana, no sopé das montanhas do Peru e Bolívia. Foi amplamente divulgada quando desbravadores Espanhóis, em busca de ouro, a levaram para Países europeus, mais precisamente por volta do ano de 1530.

Um dos principais motivos da batata ter sido um dos principais alimentos do homem antigo, foi pelo fato de que ela possuía um formato diferente de outras raízes que eram venenosas, como a da Mandioca Brava, e a Mandioca Brava tem a mesma aparência da Mandioca Mansa, que não é venenosa. Dessa forma, era incerto ingerir qualquer tipo de mandioca, enquanto que as batatas eram consumidas sem receios.

Como a batata sempre fora um alimento maleável, podendo durar dias e dias em locais de transporte, esse foi um dos alimentos mais consumidos por navegadores e por soldados. Em algumas partes do mundo, a batata não era bem vista, pois muitas pessoas também o consideravam venenosos, assim como alguns outros tubérculos.

Mas ao decorrer dos tempos, as batatas passaram a ser utilizadas como alimento para vários animais de pastoreio, e visto que esses comiam com frequência e não adoeciam, as pessoas passaram a utilizar o alimento em suas culinárias.

Confira, por fim, uma lista com as principais hortaliças consumidas pelo homem:

1. Abóbora

Abóbora
Abóbora

2. Acelga

Acelga
Acelga

3. Agrião

Agrião
Agrião

4. Alcachofra

Alcachofra
Alcachofra

5. Alface

Alface
Alface

6. Alho-Poró

Alho-Poró
Alho-Poró

7. Almeirão

Almeirão
Almeirão

8. Aspargo

Aspargo
Aspargo

9. Batatas

Batatas
Batatas

10. Berinjela

Berinjela
Berinjela

11. Bertalha

Bertalha
Bertalha

12. Beterraba

Beterraba
Beterraba

13. Brócolis

Brócolis
Brócolis

14. Broto

Broto
Broto

15. Bardana

Bardana
Bardana

16. Cará

Cará
Cará

17. Cebola

Cebola
Cebola

18. Cenoura

Cenoura
Cenoura

19. Chicória

Chicória
Chicória

20. Chuchu

Chuchu
Chuchu

21. Couve

Couve
Couve

22. Couve de Bruxelas

Couve de Bruxelas
Couve de Bruxelas

23. Couve-Flor

Couve-Flor
Couve-Flor

24. Ervilha

Ervilha
Ervilha

25. Escarola

Escarola
Escarola

26. Espinafre

Espinafre
Espinafre

27. Fava


28. Feijões

Feijões
Feijões

29. Grão-de-Bico

Grão-de-Bico
Grão-de-Bico

30. Inhame

Inhame
Inhame

31. Jiló

Jiló
Jiló

32. Lentilha

Lentilha
Lentilha

33. Mandioca

Mandioca
Mandioca

34. Maxixe

Maxixe
Maxixe

35. Milho Verde

Milho Verde
Milho Verde

36. Mostarda

Mostarda
Mostarda

37. Nabo

Nabo
Nabo

38. Palmito

Palmito
Palmito

39. Pepino

Pepino
Pepino

40. Pimentão

Pimentão
Pimentão

41. Quiabo

Quiabo
Quiabo

42. Rabanete

Rabanete
Rabanete

43. Raiz Forte

Raiz Forte
Raiz Forte

44. Repolho

Repolho
Repolho

45. Rúcula

Rúcula
Rúcula

46. Salsa

Salsa
Salsa

47. Salsão

Salsão
Salsão

48. Taioba

Taioba
Taioba

49. Tomate

Tomate
Tomate

50. Vagem

Vagem
Vagem

Veja também

Um Solo Argiloso Pode ser Humífero?

Quem mexe com jardinagem encontra alguns impasses pelo caminho. Um deles é justamente este: o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *