Home / Animais / Os Animais Mais Perigosos do Mundo

Os Animais Mais Perigosos do Mundo

Definir quais seriam os animais mais perigosos do mundo pode parecer uma tarefa um tanto quanto pretensiosa, tal a imensidão de espécies animais considerados verdadeiros “flagelos da natureza”, e que compõem a fauna das mais diversas regiões do planeta.

No entanto, algumas características podem servir como referências para que se possa definir o grau de periculosidade de um animal. Entre elas: existência de veneno, número de vítimas que fazem por ano, proximidade de áreas urbanas, força física, resistência às ferramentas de controle, entre outras características.

E o objetivo desse artigo é justamente fazer uma lista com alguns dos animais considerados os mais perigosos do mundo, com base em critérios que utilizem, de forma equilibrada, essas características ou parâmetros citados acima.

1. Taipan-do-Interior

A taipan-do-interior é considerada um verdadeiro “flagelo da natureza”, que costuma figurar em todas as listas que reúnem as 10 cobras mais venenosas do planeta.

Originária da Oceania, a Oxyuranus microlepidotus costuma “dar o ar de sua graça” durante o dia, quando sai para caçar pequenos roedores em bosques, charnecas alpinas, lavouras, entre outras regiões semelhantes.

O que se diz é que uma simples mordida da taipan é capaz de inocular veneno suficiente para matar até cem pessoas adultas, 200 ratos, dezenas de porcos, entre outras espécies, que têm a sua circulação sanguínea totalmente paralisada em pouquíssimas horas.

2. Viúva-Negra

A famigerada “viúva-negra” é outra que costuma figurar em quase todas as listas dos animais mais perigosos do mundo. Isso porque a sua peçonha costuma fazer o veneno de cobras como a cascavel, jararaca, jararacuçu, entre outras, até parecer um líquido inofensivo.

Por ser uma neurotoxina, o veneno da Latrodectus mactans é capaz de causar paralisia cerebral, suspensão da circulação sanguínea e até mesmo uma parada cardíaca. E o fato de ser facilmente encontrada em todo o continente americano torna a espécie ainda mais ameaçadora.

3.Mosquito Anopheles

Pode até parecer um despropósito colocar um simples mosquito entre os animais mais perigosos do mundo, no entanto, a Anopheles junta-se a outras espécies de mosquitos para contaminar com os mais diversos tipos de doenças cerca de 700 milhões de pessoas por ano – e ainda levar cerca de 2,5 milhões à morte.

Mas a Anopheles conseguiu esse status mesmo foi por ser uma das principais causadoras de paludismo e malária – doenças responsáveis por mais de 2milhões de mortes por ano.

4. Enguia Elétrica o (Electrophorus electricus )

A enguia elétrica passeia pelo imaginário popular há séculos, e sempre como um dos principais símbolos de uma ameaça a qual nenhuma resistência é possível opor nas profundezas do mar.

Estudos indicam que um único indivíduo é capaz de liberar uma descarga elétrica entre 800 e 1500 volts – o potencial de energia de quase 100 pilhas comuns.

Aqui a sua periculosidade está no fato de que ela pode ser facilmente encontrada em águas profundas, além de ser capaz de levar um indivíduo a uma parada cardíaca – da qual, aliás, não terá a menor condição de reagir.

5.Aranha Armadeira

A “armadeira” é considerada a aranha mais venenosa do mundo – Pelo menos é o que diz o seu registro no Guiness Book (o Livro dos Records).

Não se sabe bem se isso pode ser considerado um mérito nosso, porém a armadeira é uma espécie tipicamente brasileira, famosa por esconder-se em roupas, objetos e qualquer espaço ou fenda onde possa surpreender os menos precavidos.

Para se ter uma ideia do seu potencial de agressividade, a Phoneutria (seu nome científico) abre mão de construir teias para caçar ativamente as suas presas – como uma digna representante das mais implacáveis predadora da natureza.

6.Mosca tsé-tsé

Mais uma vez, uma simples espécie que cabe na ponta dos dedos consegue a façanha de figurar em quase todas as listas que apontam os animais mais perigosos do mundo.

A espécie é conhecida por transmitir o parasita Trypanosoma brucei rhodesiense, capaz de manter um indivíduo em sono profundo.

O problema é que a sua ação não fica por aí! Após o surgimento de sintomas como: dores musculares, fraqueza, dores de cabeça, alterações cognitivas, problemas na coordenação motora, entre outros sintomas, um indivíduo pode morrer em pouquíssimas horas – como ocorreu em 2009, quando cerca de 10mil indivíduos em todo o mundo foram levados a óbito.

7.Abelha Africana

As abelhas africanas também estão entre os animais mais perigosos do mundo. Elas são o resultado de um experimento que cruzou as espécies ocidental e africana com o intuito de melhorar a produção de mel.

Só que os cientistas não contavam que algumas dezenas de enxames das abelhas africanas escapassem do laboratório e passassem a compor a fauna de praticamente todo o continente americano.

Elas ainda possuem o sugestivo apelido de “abelhas assassinas”, muito por conta da sua característica peculiar de simplesmente perseguir a vítima por até alguns quilômetros de distância até alcançá-la e injetar-lhe, em apenas alguns segundos, quase 10 vezes mais toxinas do que as abelhas comuns.

8.Cobra-Real

A cobra-real é outro terror do continente asiático! Animais do porte de um elefante-africano, de uma onça-pintada, ou mesmo de um rinoceronte, não conseguem opor a menor resistência à sua poderosa neurotoxina.

Se não bastasse isso, ela ainda tem a singular característica de devorar outras cobras (inclusive da mesma espécie), crescerem até 6m de comprimento e efetuarem uma mordida capaz de inocular veneno suficiente para matar até 25 indivíduos adultos.

Essa espécie costuma ser facilmente encontrada no sudeste asiático, bem como nas florestas de conífera chinesa, ou mesmo nas planícies indianas, onde ela compete em ferocidade com uma das suas mais famosas rivais: a temida “cobra naja”.

9. Peixe-Balão ou Baiacu (Tetraodontidae)

O Peixe-balão costuma aparecer em praticamente todas as listas dos peixes mais perigosos do mundo. Apesar de simpático, essa espécie possui uma toxina (a tetrodotoxina) cerca de 1300 vezes mais potente do que o cianeto.

Esse animal costuma matar por meio da ingestão da sua carne, bastante apreciada no Japão, mas também em praticamente todos os continentes.

Nos restaurante japoneses o fugu é um dos pratos mais populares à base do Peixe-balão. O problema é que, caso ele não seja preparado corretamente, a toxina presente em seu fígado ou na própria carne pode matar um indivíduo por insuficiência respiratória, ataque cardíaco, paralisia muscular, entre outras complicações.

Essa foi a nossa lista com os animais mais perigosos do mundo. Agora fique à vontade para deixar a sua, logo abaixo. E continue compartilhando, comentando, questionando e refletindo sobre as nossas publicações.

Veja também

Como Eliminar Escorpiões? Armadilhas Para Escorpiões

Habitantes de desertos, savanas ou florestas, às vezes até hospedeiros de nossas casas, símbolos mitológicos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *