Home / Animais / O Ciclo De Vida Da Minhoca

O Ciclo De Vida Da Minhoca

As minhocas são animais bem curiosos que costumam viver em ambientes cujas terras são úmidas. Estes animais que são classificados como Anellideos e normalmente constroem “casas” subterrâneas, logo abaixo da terra.

Esses animais que podem ser considerados até como exóticos por algumas pessoas, possuem várias características e curiosidades bastante interessantes. A minhoca é um animal que possui grande importância para a nossa natureza de forma geral e que também é usado por muitas pessoas até como iscas para pescaria.

Embora sejam animais considerados até como sendo comuns no nosso dia a dia, há muitas coisas que ainda despertam o interesse de diversas pessoas em relação a como vivem, quanto tempo vivem, enfim. Por este motivo, este artigo irá retratar um pouco sobre como ocorre o ciclo de vida da minhoca.

Como Ocorre O Ciclo De Vida Da Minhoca

Assim como acontece com qualquer ser vivo que habite o planeta Terra, o ciclo de vida da minhoca começa a ocorrer a partir de um processo denominado como acasalamento.

Este processo ocorre somente a noite e será ditado de acordo com as condições climáticas daquele dado momento. Para que ocorra o acasalamento, o local onde habitam precisa estar quente e úmido.

A minhoca é um animal classificado como um ser hermafrodita, ou seja, possui os dois gêneros, porém, embora tenha esta característica este animal não é capaz de conseguir se reproduzir sem a participação de um parceiro. Quando estão neste processo, os dois animais se unem e ficam ali por até uma hora para que assim haja a fertilização.

Após o término do acasalamento, quando se inicia o processo de fertilização, os gametas se encontram em um determinado compartimento do corpo do animal para que haja a fecundação dos ovos.

Quando isto acontece, a minhoca irá fazer uma espécie de “cova” onde depositará os seus ovos, que ficarão protegidos por um envoltório muito semelhante a um casulo, para que os ovos permaneçam em segurança até que os filhotes venham a nascer. Por ano, é estimado que a minhoca bote cerca de 100 a 140 ovos.

O período necessário para que os ovos venham a eclodir fazendo com que os filhotes de minhoca venham a vida pode variar de 2 semanas a 3 meses, dependendo das condições do meio ambiente onde se encontra.

Ao nascerem, os filhotes apresentam como características uma aparência já bem próxima a de uma minhoca adulta, porém com cores mais claras e com o tamanho bem reduzido.

Com o passar dos meses, este animal vai se desenvolvendo em todos os seus sistemas através do processo de amadurecimento pelo qual o seu corpo vai passando. Inclusive, os seus órgãos sexuais só se encontram totalmente desenvolvidos por volta de 12 meses após o seu nascimento.

Quando adultos, já são capazes de se reproduzir e dar início a outro ciclo de vida da minhoca. No que diz respeito a sua expectativa de vida, a idade pode variar um pouco, levando em consideração fatores como a espécie e as condições ambientais e do local onde habita.

A média de idade que uma minhoca pode chegar na natureza, caso não venham a ser atingidas por nenhum contratempo ou situação adversa pode variar dos 2 até os 11 anos de idade.

 Espécies De Minhocas

Como já foi dito anteriormente, o ciclo de vida da minhoca poderá variar em muitos aspectos dependendo de sua espécie.

No Brasil, devido até mesmo as condições climáticas do país e do solo que favorecem a sua procriação, existe uma variedade de espécies que aqui habitam, sendo que ao todo estão documentadas cerca de 26 espécies. Sendo assim, serão citados aqui as 4 espécies de minhocas que são mais comumente vistas e conhecidas em território brasileiro.

  • Pontoscolex corethrurus: Esta é a espécie mais comum em diversos estados do Brasil e também no mundo. Teve sua origem na Guiana e hoje em dia habita a região subterrânea dos solos com as mais variadas características.
Pontoscolex Corethrurus
Pontoscolex Corethrurus
  • Amynthas gracilis: Mais conhecida como minhoca louca, está espécie teve sua origem em terras asiáticas, porém se tornou muito comum no Brasil, principalmente em terras cujo solo não possui nenhum tipo de manutenção ou até mesmo manipulação.
Amynthas Gracilis
Amynthas Gracilis
  • Urobenus brasiliensis: É uma espécie muito pequena e frágil, cujo corpo se fragmenta caso se sinta em alguma situação de perigo. Vive na parte mais superficial do solo, geralmente em florestas nativas da região Sudeste e Sul do país.
Urobenus Brasiliensis
Urobenus Brasiliensis
  • Glossoscolex: É uma espécie que pode ser encontrada com maior facilidade nos estados da região Sul e Sudeste do Brasil, sendo que estas habitam solos que possuem como característica não terem uma forma de cultivo convencional.
Glossoscolex
Glossoscolex
  • Dichogaster Gracilis: Esta espécie tem como característica ser uma das menores minhocas encontradas aqui no Brasil. São de origem africana e costumam viver em solos que tem um histórico de plantio ou atividade agrícola antigo.
Dichogaster Gracilis
Dichogaster Gracilis

Estrutura Corporal Das Minhocas

Além do ciclo de vida das minhocas, a sua estrutura corporal é outra coisa que costuma causar bastante curiosidade nas pessoas. Embora sejam animais de aparência relativamente simples, as minhocas possuem seus sistemas relativamente bem desenvolvidos.

Desde o seu sistema nervoso, que é composto por estruturas denominadas como gânglios e que são responsáveis pela transmissão e condução das informações motoras e sensoriais para as mais diversas regiões do seu corpo, até o seu sistema circulatório que é fechado e que também é responsável por atuar na troca de gases com o meio ambiente, são bem organizados e definidos.

O seu sistema digestivo também é completo e é composto por estruturas como a boca, intestino e ânus.

Como As Minhocas Se Alimentam

É muito provável que você tenha dúvidas em relação ao tipo de alimento que as minhocas possuem, certo? Porém, se pensarmos um pouquinho não fica muito difícil imaginar que ela se alimente dos materiais orgânicos em decomposição que estão presentes no solo.

Por este motivo, o tipo de material que este animal consome varia muito devido ao fato que existem os mais variados tipos de materiais orgânicos que podem ser descartados ou absorvidos pelo solo. Portanto, é correto dizer que as minhocas se alimentam desde restos de animais das mais variadas espécies, até folhas, flores e vegetais que se encontram em decomposição.

Minhocas se Alimentando
Minhocas se Alimentando

Por esses alimentos estarem misturados junto a terra, a minhoca acaba ingerindo-os juntamente, porém há todo um processo onde ao ingerir todo este material, a minhoca realiza a absorção e o aproveitamento de toda a matéria orgânica e descarta a terra que foi consumida junto.

E ai? Gostou de saber como funciona o ciclo de vida da minhoca? Para continuar por dentro de todas as informações e curiosidades que rolam no reino animal, basta acessar diariamente o blog Mundo Ecologia.

Veja também

Caça Esportiva de Javali

Como Caçar Javali Legalmente?

Por quase três décadas, porcos selvagens invasivos estão se espalhando por todo o Brasil, arrancando …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *