Home / Animais / Condor Dos Andes Envergadura

Condor Dos Andes Envergadura

O condor dos andes é considerado um dos pássaros com a maior envergadura do mundo e pertence a família Cathartidae, a mesma família a qual também pertence o urubu e o condor da califórnia e por isso, assim como eles diz-se que eles pertencem ao grupo dos abutres do novo mundo, além disto, o condor dos andes recebe o nome científico de Vultur gryphus.

Assim como as aves que pertencem á mesma família, o condor dos andes se alimenta de matéria orgânica em decomposição, podendo ser encontrado em países da América do Sul e na Cordilheira dos Andes.

Embora tenham sido encontrados fósseis do condor dos andes em alguns estados do Brasil, como por exemplo, no estado de Minas Gerais não há registros recentes da existência dessas aves em terras brasileiras.

Esta ave é considerada como um tipo de ave de rapina, porém existe uma certa polêmica em relação a esta classificação, explicado pelo motivo de o condor dos andes ser uma ave que se alimenta de animais mortos, a famosa carniça, devido ao fato de não possui garras e bico anatomicamente desenvolvido para que consiga obter sucesso na caça.

O Condor Dos Andes E Suas Principais Características

O condor dos andes é uma ave de grande porte, sendo considerada como uma das maiores aves voadoras do mundo. As aves desta espécie chega a medir até 1,10 metros de comprimento, sendo que podem chegar a pesar até 14 quilos, e a sua envergadura pode chegar a 3.20 metros.

O seu corpo possui cor predominantemente negra, porém na região mais inferior do seu corpo junto as suas asas existem uma menor quantidade de penas brancas que se mesclam as mais escuras. Ao redor do pescoço o condor dos andes tem um penugem de cor branca e a sua cabeça, que tem como característica a ausência de penas, como forma de higiene a fim de evitar a proliferação de bactérias em decorrência de sua alimentação que é baseada em restos de animais em decomposição, possui uma coloração vermelha.

O seu bico assim como as suas pernas e garras possuem uma coloração marfim, sendo que seu bico é pequeno e levemente curvado.

Condor Dos Andes: Envergadura

Suas asas lhe dão o título de a ave com a terceira maior envergadura do mundo, e não é a toa, pois como já foi dito anteriormente o condor dos andes possui asas que chegam a medir cerca de 3,20 metros. O condor dos andes, neste quesito, perde somente para o Marabu e para o albatroz errante.

Mesmo sendo uma ave relativamente grande em seu comprimento e bem pesada, o condor dos andes é uma ave que tem um voo relativamente alto, uma vez que seu voo pode chegar a atingir cerca de 300 quilômetros por hora.

Hábitos E Curiosidades Relacionados Ao Condor Dos Andes

O condor dos andes é uma ave que vive em países da América do Sul, como a Venezuela, parte da Argentina, Equador, Peru e Chile. É uma ave que tem preferência por viver em lugares e campos mais abertos e de grande altitude. Pode viver em grupo com outros condores ou então sozinho.

Esta ave se alimenta de animais mortos em decomposição na natureza e por isto é considerado um animal necrófago. Mesmo sendo considerado como uma ave de rapina o condor dos andes não é uma ave que possui habilidades desenvolvidas para a caça, o que explica o motivo de este ser um animal que se alimenta da carcaça de outros animais.

Se alimenta tanto da carcaça de animais terrestres, como por exemplo, algumas espécies de lhama e como de restos de animais marinhos, como baleias e golfinhos que são trazidos pela onda do mar. É uma espécie que aceita a presença de outras aves necrófagas enquanto se alimenta, diferente do que acontece com algumas espécies que pertencem a mesma família que a sua.

Quanto a sua reprodução, a mesma ocorre da seguinte forma: após ocorrer o acasalamento, o condor dos andes procura plataformas situadas no meio de paredões de pedras para construir o seu ninho, que é feito com pequenos gravetos e raízes, e nidificar os seus ovos. Geralmente ele põe apenas um ovo e o choca por aproximadamente 60 dias. Todo este processo ocorre em casos mais raros 2 vezes por ano, porém na maioria das vezes o processo de reprodução do condor dos andes ocorre apenas uma vez.

Reprodução De Um Condor dos Andes
Reprodução De Um Condor dos Andes

Algumas raras vezes pode acontecer de nascerem dois filhotes de condor dos andes ao mesmo tempo, porém apenas um sobrevive, uma vez que os dois filhotes irão brigar até que algum deles caia do ninho. Este é um processo natural para o condor dos andes e durante a disputa dos filhotes a mãe não interfere ou impede que o filhote caia.

O filhote do condor dos andes nasce com uma plumagem de cor branca e suas penas só irão atingir a coloração original, que lhe darão a aparência de um condor dos andes adulto apenas após atingirem os 6 anos de idade

A Cultura E A Mitologia Representadas Pelo Condor Dos Andes

O condor dos andes é um animal muito representativos para alguns países da América do Sul. Em Machu Picchu, por exemplo, que é uma cidade sagrada localizada no Peru, o condor dos andes é uma ave que é famosa por ser considerada como “A alma dos Andes”.

Além disto, existem outros países latino-americanos como o Chile, Equador, Colômbia e Bolívia que também possuem o condor dos andes como uma figura importante que representa parte de sua cultura, tanto que esta ave faz parte do brasão que compõe a bandeira desses respectivos países.

Porém mesmo vivendo isolada e sendo fonte de toda uma representação histórica que gira em torno de um histórico cultural e mitológico, infelizmente o condor dos andes é um animal cuja espécie se encontra vulnerável a extinção. Como já foi explicado em outros artigos do blog, os animais necrófagos são importantíssimos para manter o equilíbrio do ecossistema uma vez que são animais que evitam o acúmulo de matéria orgânica em decomposição no meio ambiente devido a sua alimentação, ajudando assim a evitar a proliferação de doenças tanto na natureza, quanto nas grandes cidades.

Veja também

Escorpião Preto Andando em Terras Asiáticas

Habitat do Escorpião Preto: Onde eles Vivem?

Os escorpiões, ao mesmo tempo que parecem ser animais assustadores, são seres fascinantes também. Obviamente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *