Home / Animais / Animais Marinhos Com a Letra X

Animais Marinhos Com a Letra X

O Brasil é um país com ampla área costeira, e grande biodiversidade encontrada em nossos rios, mares e regiões oceânicas.

Os animais marinhos com a letra X são basicamente peixes. Há uma grande variedade de espécies de peixes em nossa fauna marinha. Por aqui, esses animais são amplamente apreciados na culinária e nas práticas de pesca esportiva. No entanto, a prática da pesca deve ser realizada com cautela e certa dose de sustentabilidade, uma vez que a vida animal não é infinita e ilimitada, e deve ser preservada em qualquer ecossistema na qual esteja inserida.

Atrelado ao comércio pesqueiro, para proporcionar uma boa experiência gastronômica é necessário atentar-se ao estado de conservação do peixe no momento da compra. Para que um peixe possa ser considerado fresco, deve possuir um aspecto semelhante ao de um peixe vivo. Ao tato, o peixe deve estar com o corpo firme e resistente, o ventre não deve estar nem murcho e nem inchado. Ao observar outros componentes do peixe, é importante constar que os olhos estejam brilhantes, com pupila escura, e a íris em cor branca ou amarelada, uma vez que olhos turvos denotam deterioração. Em relação às brânquias, a cor ideal é vermelha ou rosada, além de estar levemente úmidas ( pois brânquias pálidas e com textura gosmenta indicam início de putrefação). Caso o peixe esteja com um odor ácido ou azedo, também é aconselhável evitá-lo.

Essas dicas são básicas e incrivelmente úteis, mas toda a informação não para por aí, neste artigo você vai conhecer um pouco mais sobre as principais espécies de peixes com a letra A que podem ser encontrados em ambientes de água salgada.

Então venha conosco e boa leitura.

Animais Marinhos Com a Letra X: Xaréu

O peixe xaréu (Caranx hippos) é um peixe da Família Carangidae, Ordem Perciforme. Aqui no Brasil, pode ser encontrado nas Regiões Nordeste, Norte, Sudeste e Sul, com extensão desde o Estado do Amapá até o Rio Grande do Sul. Ao redor do mundo, este peixe é muito prevalente na porção oriental do Oceano Pacífico e na área ocidental do Oceano Atlântico, e neste caso a extensão aborda desde o Canadá até a Argentina. Mesmo sendo um peixe predominantemente oceânico, ele é capaz de adaptar com facilidade à diferentes níveis de salinidade.

Além de xaréu, este peixe também é conhecido como aracaroba, cabeçudo, guaracema e guiará.

Fisicamente, a coloração do xaréu é considerada bem diferenciada, pois há nuances diferentes dependendo da região do corpo. No dorso, a coloração tende para o azulado; no entanto, nas laterais (ou área dos flancos), o tom é prateado com alguns reflexos dourados; já o ventre possui cor amarelada. Na nadadeira peitoral há uma mancha negra, assim como na peça óssea responsável por proteger as guelras, conhecida como opérculo.

Somado às características colorimétricas aqui apresentadas, os xaréus mais jovens ainda possuem cinco faixas verticais no corpo e uma na cabeça, todas elas em tom escuro.

Outras importantes características físicas incluem o comprimento, o qual no caso dos peixes adultos atinge a marca de 1,5 metros. O peso também é considerável, com a média de 25 quilos para o xaréu adulto.

Esse peixe pode ser encontrado em cardumes de 3 a 10 indivíduos. Em relação à alimentação, xaréis pequenos/filhotes preferem ingerir peixes pequenos, tais como os paratis e as sardinhas, além de camarões e outros invertebrados de tamanho reduzido; ao passo que xaréis jovens e adultos optam pela ingestão de crustáceos e zooplâncton.

Aqui no Brasil, o período compreendido entre Novembro e Janeiro é considerado o período das migrações reprodutivas, nas quais esse peixe se move em cardumes extremamente numerosos do sul ao norte do país.

Peixes xaréu são extremamente visados pela prática de pesca esportiva, a qual utiliza peixes paratis e tainhas como isca, além de equipamentos do tipo médio.

Animais Marinhos Com a Letra X: Xaréu-Preto

O xaréu-preto possui, em média, 1 metro de comprimento e possui coloração que varia de marrom escuro a preto. São bastante conhecidos na região nordeste do país.

Animais Marinhos Com a Letra X: Xarelete

O peixe xarelete (Caranx crysos) pertence ao mesmo gênero do peixe xaréu, por isso também pode ser chamado de xaréu-pequeno ou xaréu-dourado. Outras denominações incluem xerelete, solteira, taquara, carapau, cavaco, chicharro-pintado, guaricema, guarajuba, guaraçuma, guaraçu e graçainha.

A média de comprimento deste peixe é de 40 centímetros. Outras características físicas incluem a coloração dorsal em tom verde-azulada, o ventre levemente branco e a área de opérculo em tom manchado.

A distribuição geográfica abrange o Oceano Pacífico e a porção ocidental do Oceano Atlântico.

Animais Marinhos Com a Letra X: Xira

O peixe xira (Haemulon chrysargyreum) é encontrado aqui no Brasil, no México, na região das Bahamas e no estado norte-americano da Flórida.

O comprimento médio é de 17 centímetros, no entanto, pode alcançar a marca máxima de 23 centímetros. Possui o corpo em coloração cinzenta ou levemente esverdeada, com faixas laterais de cor amarela, assim como as nadadeiras. Gostam de habitar áreas próximas a recifes de corais.

Animais Marinhos Com a Letra X: Xixarro

O peixe xixarro (Trachurus lathami) é nativo das áreas do Golfo do México, costas orientais da América do Norte e do Sul, e a porção ocidental do Oceano Atlântico. Pode receber outras denominações, as quais incluem carapua, guaraçuma e surel.

A média de comprimento é de 30 centímetros. Possui um corpo prateado ao dorso e branco ventralmente. Na borda do opérculo, há uma discreta mancha negra; essa coloração mais escura também está presente no nariz e nas bordas da barbatana dorsal e da barbatana caudal.

Em algumas condições, pode ser encontrado em águas rasas, mas, no geral, habita profundidades de 30 a 200 metros.

Animais Marinhos Com a Letra X: Xixarro-Pintado

Xixarro-Pintado
Xixarro-Pintado

O xixarro-pintado (Decapterus punctatus) é conhecido apenas no Oceano Atlântico. Possui formato de charuto, coloração esverdeada na porção superior do dorso e branca na inferior. Também possui uma média de 30 centímetros de comprimento e é usualmente capturado como isca.

*

Agora que você já conhece um pouco mais sobre os peixes marinhos com a letra X, continue conosco e conheça outros artigos do site.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

Fishbase. Haemulon chrysargyreum– Gunter, 1859. Disponível em: < http://www.fishbase.org/Summary/SpeciesSummary.php?id=1134&lang=Portuguese>;

G1. Xaréu- Caranx hippos. Disponível em: < http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/terra-da-gente/fauna/noticia/2015/02/xareu.html>;

NEVES, F. Norma Culta. Animal com X. Disponível em: < https://www.normaculta.com.br/animal-com-x/>;

SZPILMAN, M. Peixes marinhos do Brasil- Guia Prático de Identificação. Instituto Ecológico Aqualung e MAUAD editora. Rio de Janeiro, 2000, 288 p;

Wikipédia. Caranx crysos. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Caranx_crysos>;

Wikipédia in English. Rodada Scad. Disponível em: < https://en.wikipedia.org/wiki/Round_scad>;

Wikipédia. Trachurus lathami. Disponível em: < https://en.wikipedia.org/wiki/Trachurus_lathami>.

 

Veja também

Queimadura de Piolho de Cobra

A Lei da Selva Desde de que a vida surgiu no planeta Terra, há 3,5 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *